Em alta no Fulham, Willian já pode assinar pré-contrato e vira opção no mercado

8 minutos de leitura

Willian é um dos grandes destaques do Fulham na temporada 2022/23 da Premier League. Aos 35 anos, o meia brasileiro soma 16 jogos na temporada, 13 deles como titular do time de Marco Silva.

A performance do brasileiro levanta questões acerca da sua permanência no Fulham. Afinal, Willian renovou o contrato com o time inglês por uma temporada no último mês de julho após uma pequena novela. Porém, não há cláusula renovação automática ou gatilhos de extensão.

Isso significa que, a partir deste mês de janeiro, Willian já pode assinar um pré-contrato com outro clube para a temporada 2024/25.

Conforme apurou a PL Brasil, porém, Willian não recebeu proposta para trocar de clube — ou para permanecer no Fulham. “Não há nada em vista”, ouviu a reportagem.

Tomando como base a última temporada, nada indica que o clube vai agir rápido para renovar seu contrato. Em 2023, Willian chegou a encerrar seu vínculo com o Fulham e só renovou o acordo 17 dias depois do término. Nesse meio tempo, ele recusou a primeira proposta dos Cottagers.

A importância do Willian para o Fulham ficou bastante clara nas últimas partidas dos Cottagers. Sem Willian, fora por lesão, o time perdeu para Bunrley em casa (2 a 0) e Bournemouth fora (3 a 0). Com a volta do brasileiro, a equipe reagiu e bateu os Gunners, em Craven Cottage, por 2 a 1.

Willian na Premier League 2022/23

O brasileiro soma quatro gols e uma assistência na liga, com participações decisivas nas vitórias contra West Ham, Arsenal e Wolverhampton.

  • 16 jogos (13 como titular)
  • 4 gols
  • 1 assistência
  • 22 chances criadas – 2º do time

Dados: Fotmob.

Willian teve propostas na última janela

Vale lembrar que ele recebeu uma proposta do Nottingham Forest em 2023 que, segundo o staff do jogador, era mais vantajosa financeiramente e pelo tempo de acordo.

Na época, pesou para a permanência em Craven Cottage a afinidade que Willian construiu com o treinador do Fulham, Marco Silva, e com a cidade de Londres, que o jogador não esconde de ninguém que ama.

Dias depois de renovar seu contrato, Willian ainda foi alvo de uma proposta “irrecusável” do Al-Shabab, da Arábia Saudita, na esteira da onde de jogadores de destaque na Europa que foram atraídos pelo dinheiro do Oriente Médio. O jogador expressou a vontade de trocar de país, mas não houve acordo financeiro entre os clubes.

Também é destacável que o jogador recebeu do Fulham a chance de voltar à Premier League numa idade incomum para os dias de hoje, em 2022, após uma passagem frustrante pelo Corinthians. Ele rescindiu com o clube brasileiro, voltou a Londres, se reuniu com Marco Silva e aí teve a oferta. Juntos, jogador e time alcançaram a melhor campanha da década do Fulham na elite — um 10º lugar em 2022/23.

Willian em campo pelo Fulham (Foto: Icon sport)
Willian em campo pelo Fulham (Foto: Icon sport)
Diogo Magri
Diogo Magri

Jornalista formado pela ECA-USP, campineiro e repórter na PL Brasil. Passagens por EL PAÍS, Revista Veja e Futebol Globo CBN.

Contato: [email protected]