Wayne Rooney dá adeus a uma linda carreira nos gramados

O jogador anunciou essa semana a sua aposentadoria, com títulos e recordes

0
482
Wayne Rooney dá adeus a uma linda carreira nos gramados
OLI SCARFF/AFP via Getty Images

Após uma carreira brilhante no Manchester United e na seleção inglesa, Wayne Rooney anunciou a sua aposentadoria dos gramados e a consequente efetivação como técnico dos Rams. Com 35 anos, Rooney era jogador e auxiliar-técnico no Derby County, mas agora assinou um contrato de dois anos e meio com o clube como treinador.

Para início de conversa, Rooney é o maior artilheiro da história da seleção inglesa e do Manchester United, com 53 e 253 gols, respectivamente. Por isso, tornou-se ídolo dos Red Devils após jogar no clube por 13 anos e conquistar vários títulos.

Foram cinco Premier League, uma Copa da Inglaterra, quatro Copas da Liga, uma Liga Europa, uma Liga dos Campeões e um Mundial de Clubes da Fifa. Além disso, jogou no Everton, no DC United e no Derby County.

Wayne Rooney é atacante de nascença, mas também foi usado em algumas posições no meio-campo. Criativo, habilidoso, goleador, construtor de jogadas e de assistências, também usava a sua força física para ganhar os confrontos com a defesa e dar suporte aos outros atacantes.

Graças à sua alta performance no futebol inglês, venceu o PFA Players' Player of the Year e o FWA Footballer of the Year na temporada 2009/2010 e cinco melhor jogador do mês da Premier League e três vezes Gol da Temporada da BBC. Em 2011, foi o quinto colocado na premiação do FIFA Ballon d’Or e esteve no elenco do FIFA FIFPro World XI.

A brilhante carreira de Wayne Rooney

Everton

A carreira de Wayne Rooney começou nas categorias de base do Everton com apenas nove anos, depois de experiências no Liverpool Schoolboys e no Copplehouse Boys. Assim, na temporada 1995/1996, marcou 114 gols em 29 jogos pelo sub-10 e pelo sub-11 e, com 15 anos, já jogava pelo sub-19, marcando nove gols em nove partidas pela FA Youth Cup.

Posteriormente, estreou com 16 anos no profissional no dia 17 de agosto de 2002 em um empate por 2 a 2 contra o Tottenham. Dessa forma, em 19 de outubro, tornou-se o então jogador mais jovem a marcar um gol na Premier League, em partida contra o Arsenal.

Leia mais: Quiz: quem são os 12 maiores artilheiros da seleção inglesa?

Manchester United

Após duas temporadas no clube de Goodison Park, Rooney foi para o Manchester United por 27 milhões de libras e fez história no clube. Dessa maneira, tornou-se o maior artilheiro da história dos Red Devils com 253 gols. Também é o segundo maior da história da Premier League.

Inicialmente, Wayne Rooney estreou no dia 28 de setembro de 2004 em uma vitória por 6 a 2 contra o Fenerbahce pela Champions League, marcando um hat trick e dando uma assistência na partida. Dessa maneira, tornou-se o jogador mais jovem a marcar três gols em uma única partida na competição.

Leia mais: 6 promessas da base do Manchester United

Assim, seu primeiro troféu com os Red Devils só apareceu na temporada 2005/2006 com o título da Copa da Liga Inglesa, além do vice-campeonato da Premier League, com 16 gols em 25 partidas.

Em 2007, passou a utilizar a camisa 10 que era de Ruud Van Nistelrooy e teve alguns problemas com lesões no metatarso esquerdo e no tornozelo, terminando a temporada com apenas 18 gols e o título da Champions League.

Em 2009, perdeu a final da Champions League para o Barcelona e terminou a temporada com 20 gols, sendo 12 destes na Premier League. Afinal, sofreu com mais algumas lesões no tornozelo e até havia pensado em deixar o clube devido a isso.

Logo, em 2014, herdou a braçadeira de capitão de Nemanja Vidic e continuou fazendo história nos Devils, terminando sua estada no Manchester United como artilheiro com 253 gols em 559 partidas.

Leia mais: Manchester United 1×0 Palmeiras: relembre a final do Mundial de 1999 

Everton

Em 2017, após 13 anos nos Red Devils, retornou ao Everton e jogou por uma temporada. Com a camisa 10 dos Toffees, alcançou o 200º gol pela Premier League e a 103ª assistência, quebrando o recorde de Frank Lampard.

DC United

Na temporada seguinte, transferiu-se para o DC United, recebendo a camisa 9. Estreou no dia 14 de julho de 2019 e deu a assistência para o gol de Paul Arriola.

Depois, recebeu a braçadeira de capitão do time e fez o seu primeiro gol no dia 28 de julho contra o Colorado Rapids. Por fim, terminou sua estada na Major League Soccer com 23 gols e 15 assistências em 48 partidas da competição, num total de 25 gols em 50 partidas pelo DC United.

Derby County

Em 2019, Wayne Rooney voltou à Premier League com uma proposta de ser jogador e auxiliar técnico ao mesmo tempo. Estreou no segundo dia de janeiro já como titular e dando assistência na partida contra o Barnsley. Assim, foram seis gols em 24 partidas.

Wayne Rooney é o único jogador na história da Premier League a marcar mais de 200 gols e a dar mais de 100 assistências. Com 208 gols, Rooney perde apenas para Alan Shearer.

Seleção inglesa

Wayne Rooney estreou na equipe profissional dos Three Lions em fevereiro de 2003, com apenas 17 anos, em um amistoso contra a Austrália. Posteriormente, teve a oportunidade de participar de uma Eurocopa no ano seguinte, tornando-se o jogador mais jovem a marcar um gol na competição. Além disso, participou de três Copas do Mundo (2006, 2010 e 2014) e foi eleito o melhor inglês do ano quatro vezes (2008, 2009, 2014 e 2015).

Logo, teve fim a carreira de Wayne Rooney na seleção em 2018 e aposentou-se como o maior artilheiro da Inglaterra, com 53 em 120 jogos, sendo o segundo jogador com mais participações, atrás apenas de Peter Shilton.

Leia mais: Paul Scholes: a maestria e a superação do “Gênio Tímido”

Treinador

Em novembro, assumiu como interino o comando dos Rams após a saída do holandês Phillip Cocu. Em nove partidas, venceu três, empatou quatro e perdeu duas. Logo, com a efetivação, perdeu a primeira partida por 1 a 0 contra o Rotherham United.

Dessa forma, o clube que vinha disputando a promoção à Premier League nas últimas temporadas é o penúltimo colocado da Championship com 19 pontos.

Assim, com o seu grande legado, é apenas o início de uma grande carreira como treinador.