Víctor Font critica Joan Laporta

1 minuto de leitura

As eleições presidenciais no Barcelona foram definidas em 2021, mas segue com discussões. Afinal, o ex-candidato ao cargo, Víctor Font, criticou o antigo adversário e atual mandatário do clube da Catalunha, Joan Laporta.

As questões internas envolvendo o Barça são ruins. A última gestão, de Josep Maria Bartomeu, além dos resultados ruins nas temporadas, como a eliminação na fase de grupos da Champioins League, deixaram o clube com uma dívida enorme, sendo o principal problema para as contratações.

Víctor Font critica Joan Laporta

Finalizando o segundo ano no comando do BarcelonaJoan Laporta enfrentou muitos problemas no clube, precisando reverter a situação financeira do clube após os gastos das últimas gestões. O momento ainda é ruim, mas vem demonstrando uma recuperação aos poucos.

No entanto, o Barça enfrentou uma grande consequências com os problemas financeiras. O clube e Lionel Messi chegaram a um acordo para renovação de contrato, mas devido ao Fair-Play financeiro, o novo vínculo não pode ser assinado. Assim, o ciclo de um dos maiores ídolos da equipe encerrou, que fechou com o PSG.

Agora, além da despedida do ídolo, o Barcelona viu Lionel Messi ser campeão da Copa do Mundo 2022 pela Argentina. Contudo, tanto a conquista do argentino e a saída do clube catalão vem rendendo muitos assuntos, principalmente aos críticos de Laporta.

Dessa forma, o ex-candidato a presidente Víctor Font voltou a criticar Laporta e a saída do antigo camisa dez. “O Barça não esteve à altura da dimensão histórica da figura de Messi. Esperamos que consigamos perspectivar e fazer uma análise adequada de tudo” e acrescenta que as emoções churrascos e terminação não são o suficiente.

A crítica de Víctor Font à Laporta é uma referência ao otimismo demonstrado pelo atual presidente em relação a renovação com Messi. Em suma, o mandatário sempre mostrou confiança no acordo com o jogador, até o último minuto antes do anúncio oficial da despedida.

Além disso, Víctor Font também critica as últimas decisões de Laporta com relação a parte financeira e as ‘alavancas’. Bem como afirma que o Barcelona deveria ter maximizado o valor da equipe para manter Messi. “As chamadas alavancas foram fechadas sem planejamento, de forma rápida e corrida, e não ajudam o patrimônio do clube a crescer”, afirma o ex-candidato.

Não é a primeira vez que Víctor Font critica as decisões de Laporta. Em junho de 2022, ele afirmou em entrevista coletiva, que sua equipe tinha um plano ideal para resolver as questões financeiras do Barcelona e manter Lionel Messi, reduzindo a folha salarial.

Gabriel Lemes
Gabriel Lemes

Me formei em Jornalismo pela Univap em 2019 e sou redator da PL Brasil. Já escrevi para o Quinto Quarto, Minha Torcida, Futebol na Veia e Portal Famosos.