Valencia – História, conquistas e estatísticas

Valencia – História, conquistas e estatísticas
Valencia Club de Fútbol

Valencia Club de Fútbol é um clube de futebol espanhol. Nesse sentido, é um dos maiores e mais tradicionais times da Espanha.

A equipe manda seus jogos no estádio Mestalla, que tem capacidade para 48.600 torcedores em suas instalações.

Valencia Club de Fútbol

Valencia foi fundado no dia 18 de março de 1910, por um grupo de futebolistas. A saber, esses jogadores defendiam o Club Valencia de Fútbol, que acabou extinto anos antes. Assim, em 1910, surge o Valencia Foot-Ball Club.

Com o passar dos anos, se instaurou uma ditadura na Espanha que proibia a utilização de línguas que não fossem o castelhano. Assim, o nome do clube foi alterado para Valencia Club de Fútbol.

Valencia – fundação, conquistas e ascensão

Valencia está frequentemente na elite espanhola e se mostra muito consistente, o que mostra a tradição do clube dentro da Espanha. A saber, em 2022/23, o time terá a oportunidade de disputar sua 88ª edição na Liga Espanhola. Nesse sentido, o Valencia só fica atrás dos ‘incaíveis' Real MadridBarcelona Athletic Bilbao em participações.

Em questão de títulos, é um dos únicos clubes da Espanha que já venceram a Liga e a Copa. A saber, são seis títulos da Liga Espanhola e oito da Copa do Rei, além de uma Supercopa da Espanha.

Para fora da Espanha, o clube também já se sagrou campeão. Nesse sentido, venceu uma Europa League, uma Recopa da Uefa e duas Supercopa da Europa. Além disso, chegou a duas finais seguidas de Champions League, em 1999/00 e 2000/01. No entanto, não venceu nenhuma.

Mercado de transferências do Valencia

Como é um grande e tradicional clube espanhol, o Valencia aparece com frequência no mercado da bola. Além disso, sempre tem seu nome ligado a rumores de bons jogadores.

A primeira movimentação do clube no mercado de transferências já aconteceu. Entretanto, foi para o cargo de técnico. Assim, o Valencia buscava treinadores e surgiram rumores de que iria atrás de um grande comandante. Semana passada, o clube anunciou Gattuso como técnico para a equipe.

Enquanto isso, o time ainda não se movimentou no mercado da bola de jogadores. Porém, a PL Brasil separou as cinco maiores contratações da história do clube. Confira.

Gonçalo Guedes por €40 milhões vindo do PSG

Primeiramente, a maior aquisição da história do clube foi Gonçalo Guedes. Assim, após alguns rumores, o clube pagou 40 milhões ao PSG no mercado da bola de 2018/19 para contar com o português em seu elenco.

Gonçalo chegou com o status de promessa, aos 21 anos, e se tornou um dos principais jogadores do time. Desde que aterrissou na Espanha, o português participou de 178 jogos, marcou 36 gols e deu 27 assistências.

Jasper Cillessen por €35 milhões vindo do Barcelona

No mercado de transferências da temporada 2019/20, o Valencia desembolsou 35 milhões de euros para adquirir o goleiro holandês Cillessen, que pertencia ao Barcelona.

Desde que chegou ao clube espanhol, o atleta jogou 57 jogos e sofreu 81 gols, o que resulta em uma média de 1,42 gol sofrido por jogo.

Rodrigo Moreno por €30 milhões vindo do Benfica

A 3ª maior compra da história do Valencia é o espanhol Rodrigo Moreno. Nesse sentido, no mercado da bola de 2015/16 o clube espanhol efetivou a compra do jogador. O atleta pertencia ao Benfica, mas jogou no Valencia na temporada 2014/15.

Nesse sentido, no seu período de empréstimo ao time da Espanha, fez quatro gols e deu três assistências em 32 jogos. Seu desempenho convenceu o clube espanhol a contratá-lo em definitivo.

Assim, nas suas temporadas como jogador do ValenciaRodrigo Moreno chegou a 188 jogos com 55 gols e deu 29 assistências.

Se destacou e chamou a atenção de clubes ao redor do mundo. Assim, foi vendido por 30 milhões de euros para o Leeds United, da Inglaterra. A título de curiosidade sobre o destaque do atleta, segundo o Transfermarkt, quando o Valencia o comprou, Moreno valia 18 milhões de euros e, quando saiu, tinha seu passe fixado em 40 milhões.

Álvaro Negredo por €28 milhões vindo do Manchester City

Logo atrás vem o centroavante Álvaro Negredo. O atleta pertencia ao Manchester City e defendeu o Valencia por uma temporada de empréstimo, em 2014/15. Nesse período, marcou seis gols e deu três assistências em 34 jogos.

Quando foi comprado, em 2015/16, Negredo jogou 40 partidas, marcou 12 tentos e deu um passe para seus companheiros. A partir daí, foi frequentemente emprestado até ser vendido, em 2017/18, ao Besiktas, por 2,5 milhões de euros.

Enzo Pérez por €25 milhões vindo do Benfica

Por fim, a 5ª maior contratação da história do Valencia foi o argentino Enzo Pérez. Assim, no mercado da bola de 2014/15, o clube espanhol pagou 25 milhões de euros para ter o meia no elenco.

Em sua passagem pela Espanha, jogou 74 jogos, não marcou gols e deu apenas duas assistências. Assim, saiu por 2,5 milhões de euros para o River Plate em 2017/18.

Oi, eu sou o Gabriel Vicco e sou apaixonado por futebol e sempre o tive o sonho de trabalhar com isso. Escolhi o jornalismo por gostar de escrever e me comunicar de várias maneiras. Tenho uma página no Instagram com alguns amigos, o Debate (@debate.fcs), onde postamos notícias, análises e coberturas do Brasileirão Feminino. Atualmente, tenho a certeza de que a profissão que mais almejo é o jornalismo esportivo, por isso busco por experiências e pela minha evolução nesse ramo.
Artigo anteriorLuxemburgo x Ilhas Faroé – Melhores momentos e resultado
Próximo artigoInglaterra x Hungria – Melhores momentos e resultado