Defensor do Manchester United diz qual será a reação de Ten Hag após goleada

1 minuto de leitura

O Manchester United foi derrotado por 7 a 0 pelo Liverpool neste domingo, em partida válida pela 26ª rodada da Premier League. Foi a maior goleada do principal clássico inglês na história.

Luke Shaw foi um dos titulares da defesa dos Red Devils em Anfield Road. Logo após o fim da partida, o lateral-esquerdo lamentou o resultado e a atuação do Manchester United em Anfield Road. O jogador projetou a reação do treinador Erik Ten Hag após o vexame de seus comandado.

Não vai ser fácil assistir isso de novo. Mas ten Hag vai nos fazer assistir de novamente e nos mostrar o que precisamos aprender com esse constrangimento, apostou Luke Sahw.

Antes da partida deste domingo, a maior goleada do confronto havia sido no 7 a 1, também aplicada pelo Liverpool, em 12 de outubro de 1895. Os gols que quebraram o recorde neste domingo foram marcados por Cody Gakpo (duas vezes), Mohammed Salah (duas vezes), Darwin Núñez (duas vezes) e Roberto

Situação do United na Premier League

Com a vitória, os Reds chegaram aos 42 pontos e chegaram ao o 5º lugar da Premier League, ganhando sobrevida na luta por uma vaga na Champions League. O Manchester United é o terceiro colocado, com 49.

​O Liverpool volta à campo no próximo sábado, fora de casa, contra o Bournemouth às 9h30 (de Brasília), pela Premier League. Já o Manchester United tem compromisso pela Liga Europa no meio de semana, quando encara o Real Betis nesta quinta-feira, às 17h (de Brasília), pela ida das oitavas de final. 

Luke Shaw, do United, tenta parar Mohamed Salah na partida deste domingo. Não houve sucesso.
Luke Shaw tenta parar Mohamed Salah na partida deste domingo. Não houve sucesso (Foto: PA Images/Icon sport)
João Vítor Castanheira
João Vítor Castanheira

Coordenador da PL Brasil. Cobriu futebol internacional, carioca e esportes olímpicos pelo Lance! e foi editor de conteúdo do Esporte do Grupo Globo - lá fez parte dos programas Globo Esporte, Jornal da Globo e Esporte Espetacular. Jornalista pela UFRJ, ex-goleiro da Associação Atlética de Comunicação e Artes com orgulho. Contra todo tipo de conservadorismo - inclusive o esportivo. De Uberaba-MG, radicado no Rio Janeiro-RJ, em São Paulo-SP.