Tyrone Mings – Mercado da Bola, Transferências, Rumores e Estatísticas

0
208
Tyrone Mings pela Seleção Inglesa
Tyrone Mings. (Foto: Eddie Keogh/The FA/Getty Images)

Tyrone Mings é um zagueiro de 28 anos, nascido em Chippenham, cidade próxima de Bath, no sudoeste da Inglaterra. Sua carreira ganhou destaque no Bournemouth, onde chamou a atenção do Aston Villa. Dessa forma, o defensor está atualmente na equipe de Birmingham, atuando na Premier League, além de ser um dos escolhidos por Southgate nas últimas convocações. Confira abaixo sua história em detalhes.

Tyrone Mings – Início da carreira

Mings iniciou sua carreira na base do Southampton, com cerca de quinze anos. No entanto, em entrevista ao The Guardian, Tyrone destacou que acredita ter perdido bons momentos por estar em um ambiente profissional.

“Eu acho que eu perdi tantas experiências boas – talvez experiências inestimáveis – jogando com meus amigos enquanto eu crescia. Quer dizer, Eu estive em uma academia desde os oito anos.

“eu não pude jogar com meu time de infância na época. é incrível, na verdade, por que o que eles estão protegendo então?”

A fala acima pode soar estranha vinda de um jogador de seleção. Entretanto, Mings nunca escondeu seus pensamentos do público. Vale ressaltar que Mings tem, atualmente, uma escolinha de futebol própria em Birmingham, a algumas quadras de distância do Villa Park, que conta com professores com licença A de treinamento. Assim, ele prega que o futebol deve ser jogado com leveza, e que pressão e cobrança apenas estragam a experiência.

Tyone Mings academy
Mings jogando com crianças em sua academia de futebol. (Foto: Fabio de Paolo/The Guardian)

Dificuldades no início da carreira

Dessa forma, a história de Mings não começou fácil. Isso porque ele foi liberado pela base do Southampton com 16 anos. Assim, ele passou por duas bases diferentes antes de ser contratado pelo Chippenham Town, em 2012. Por lá, ele se destacou e foi contratado pelo Ipswich Town, em uma história interessante. Entretanto, a vida de Mings antes desta transferência não era fácil: ele não conseguia ir aos jogos sem um veículo próprio, e considerou largar o futebol por isso.

Ainda no Chippenham, Mings passou a buscar um emprego para pagar suas despesas com futebol. Portanto, após ser recusado por um mercadinho, ele conseguiu uma vaga de assessor de hipotecas. Assim, ele trabalhava cerca de 80-90 horas por semana, e chegou a fazer 15 mil libras no primeiro ano de trabalho. Entretanto, isso ainda não era o bastante para pagar seus gastos, e isso acabou consumindo Mings.

Ele se sentia mal por não conseguir se transportar até os jogos de pré-temporada, e contou à sua família que iria largar o futebol e seguir com seu trabalho atual, onde estava indo bem. No entanto, um dia antes do início da temporada, Mings conseguiu comprar um Citroën Saxo verde, com rodas brancas, que usou até chegar no Ipswich Town.

Humildade, maturidade e consciência

Assim, Mings se destacou e foi comprado pelo Ipswich Town em dezembro de 2012. Além disso, Mings conta que foi fazer o teste pelo clube e que, durante o teste, recebeu orientações do técnico do time, Mick McCarthy. Dessa forma, ele saiu de campo aos 60′, bravo por ter caído de rendimento no segundo tempo. No entanto, o técnico lhe surpreendeu, dizendo:

“Eu não estou te tirando porque você jogou mal. Estou te tirando porque quero assinar com você”

Assim, Mings se demitiu do trabalho de assessor e assinou um contrato com o clube de Ispwich. O valor de sua venda foi de 10 mil libras e um amistoso de pré-temporada contra seu ex-clube. Mings só estreou meses depois, em Maio. De qualquer forma, ele estava feliz, pois já era capaz de trabalhar com futebol.

Mesmo assim, Mings continuou voltando para Chippenham, mais especificamente para a Sheldon school, onde havia estudado enquanto criança. Por lá, ele conversava com os professores e crianças, buscando de alguma forma inspirá-los. Tyrone gostava de dar atenção à eles e retribuir de alguma forma por tudo que ele havia conquistado. Mings atuou muito fora de campo, e passou o natal de 2014 alimentando os moradores de rua da cidade de Ipswich.

Portanto, Mings ficou famoso entre os torcedores após responder um tweet de um usuário que estava “duro”, e que não conseguiria ir assistir ao jogo do Ipswich por conta disso. Ele respondeu ao torcedor, dizendo para ele ir até um Portman road pegar os ingressos que estariam debaixo de um papel com seu nome.

Twitter conversation
“Obrigado por hoje amigo, realmente agradeço. Jogadores como você que fazem o Ipswich um grande clube! #lenda”, responde o fã.

Mings disse que se surpreendeu quando um amigo disse para ele abrir o twitter. Quando ele abriu o aplicativo, seu tweet tinha cinco mil retweets, e ele havia ganhado mais de 10 mil seguidores. Assim, Mings caiu nas graças dos torcedores.

Trajetória, conquistas e highlights de Tyrone Mings

Assim, Tyrone Mings continuou jogando pelo Ipswich, onde se destacou a ponto de ser especulado no Arsenal. No entanto, justamente por preferir calma e gostar de jogar sem muita pressão, Mings escolheu se transferir para o Bournemouth. Por lá, ele passou a jogar a Premier League, se mantendo na primeira divisão com a equipe durante toda sua passagem.

Todavia, na janela de inverno da temporada 2018/19, Mings foi emprestado para o Aston Villa, que buscava subir para a Premier League após duas temporadas e meia na Championship. Antes de sua chegada, o Villa havia cedido 46 gols em 29 jogos. Depois, o time sofreu apenas 16, em 18 jogos. Isso porque Tyrone passou confiança para seus companheiros, além de ajudar a organizar a zaga.

Depois de conquistar o acesso à Premier League, Tyrone retornou ao Bournemouth. No entanto, a torcida do Villa pediu para que o clube contratasse Mings por definitivo. Assim, seu anúncio veio próximo ao início da temporada, em meio à campanha dos torcedores chamada de announce Mings (anuncie o Mings), que tomou conta das redes sociais do clube.

Desde então, o zagueiro é um dos homens de confiança de Dean Smith, além de se sentir abraçado pela torcida, como dito por ele em entrevista.

“No Villa, ele fala sobre ser capaz de jogar com liberdade, em parte por conta da fé que Dean Smith, seu técnico, tem nele, mas também por conta de sua relação com a torcida“, diz Stuart james, do the guardian

Transferências e Mercado da Bola de Tyrone Mings

Assim, após boas temporadas mostrando seu valor, Mings conseguiu sua chance na seleção inglesa de Gareth Southgate. Ele disse se sentir bem quando olha para tudo que conquistou, e que ir à seleção faz com que ele sinta ainda mais vontade de voltar ao Aston Villa.

Dessa forma, não há rumores recentes de transferência envolvendo Mings. Ele se diz satisfeito no Villa, como exposto na fala acima, onde ele garante que se sente livre em Birmingham. Portanto, o zagueiro segue em boa fase no Aston Villa, e foi recentemente convocado para a Euro 2020 e para as eliminatórias da Copa do Mundo 2022.