Troyes – História, estatísticas e conquistas

Troyes – História, estatísticas e conquistas
Troyes

O Espérance Sportive Troyes Aube Champagne é um clube de futebol da cidade de Troyes, na França, que atua na Ligue 1, elite nacional. Fundado em 1986, atua no estádio Stade de l'Aube, que tem capacidade para 21 mil torcedores. De fato, o único título mais relevante que o time possui na história é uma Ligue 2, conquistada recentemente.

Trajetória do Troyes: fundação, conquistas e ascensão

Troyes foi fundado em 1900 na França, com outro nome: Union Sportive Troyenne. Mas em 1986 eles se profissionalizaram, e mudaram de nome para o atual: Espérance Sportive Troyes Aube Champagne. Em resumo, o clube nunca teve tanto destaque como está tendo agora. Em suma, o principal título do clube foi conquistado na temporada 2020/21, a Ligue 2. No entanto, nunca foi uma equipe de elite na França

Mercado de Transferências do Troyes

De fato, o Troyes é um clube que se aproveita de oportunidades no mercado da bola, comprando jogadores baratos ou em fim de contrato. Mas que podem dar muito retorno em campo e se destacarem, como uma espécie de vitrine. Dessa forma, conheça atletas que foram rumores do clube no mercado de transferências e deram muito certo com sua camisa.

Benjamin Nivet, do Chateauroux por €0, em 2001/02

Quando se fala em ídolo do Troyes, a principal referência é o volante Benjamin Nivet. A saber, o atleta foi contratado pelo clube no mercado da bola a custo zero, saindo do Chateauroux. Assim, ele ficou ate a temporada 2007/08. Depois voltou em 2012/13, e só saiu de novo quando se aposentou. Em resumo, o meia marcou 84 gols em 429 jogos pelo clube, deixando seu nome na história do ESTAC.

Nicolas Goussé, do Metz por €0, em 2000/01

A saber, o atacante Nicolas Goussé foi uma bela atuação do Troyes no mercado de transferências. A saber, o atleta foi adquirido pelo ESTAC no mercado da bola da temporada 2000/01 a custo zero, depois que deixou o vice-campeão Metz. Em resumo, o atleta marcou época com a camisa do clube, marcando 43 gols em 121 jogos, em apenas três temporadas. Em suma, ele é o segundo maior artilheiro da história do time.

Yoann Touzghar, do Sochaux por €0, em 2018/19

Ainda no Troyes, o atacante Yoann Touzghar busca quebrar recordes. A saber, o jogador chegou ao ESTAC durante o mercado da bola de 2018/19 após rumores de saída do Sochaux. Assim, ele assinou gratuitamente com o clube e se estabeleceu como grande ídolo da equipe. Em resumo, até aqui já foram 40 gols em 121 jogos. Agora na Ligue 1 mais uma vezes, vai ter a chance de mostrar seu valor e, quem sabe, ser negociado para um clube de maior porte.

Sladjan Djukic, do Lorient ao Troyes por €0, em 1997/98

Outro jogador que virou ídolo chegando a custo zero do mercado da bola ao Troyes foi o sérvio Sladjan Djukic. A saber, ele deixou o Lorient para jogar no ESTAC na temporada 1997/98. Ao todo, marcou um total de 38 gol em 126 jogos pelo clube. Ficou cinco anos na equipe, tempo suficiente para se sagrar o quarto maior artilheiro da hitória do clube.

Sébastien Grax, do Saint-Étienne por €0, em 2010/11

Sébastien Grax tinha uma história anterior no Troyes. A saber, ele passou pelo clube na temporada 2004/05, emprestado pelo Monaco, e foi um sucesso. Mas o ESTAC não teve recursos para comprá-lo na época. Então ele começou a rodar por outras equipes francesas.

Porém, em 2010/11, após terminar seu contrato com o Saint-Étienne, ele foi contratado pelo Troyes. A saber, Sébastien Grax balançou as redes 35 vezes em 111 jogos, somando as duas passagens. Além disso, se sagrou como quinto maior goleador da história do ESTAC. De fato, uma boa atuação da equipe, que soube aproveitar a oportunidade no mercado de transferências do futebol.