Treinador barrou a saída de Maguire no Manchester United

2 minutos de leitura

O jogador que mais vem sendo envolvido em polêmicas e criticas na Premier League é o zagueiro Harry Maguire do Manchester United. O jogador que chegou aos red evils com status de craque, o defensor que custou 87 milhões de euros (algo próximo a R$ 451 milhões na cotação atual) aos cofre da equipe londrina, tornou-se o zagueiro mais caro da história do futebol mundial não correspondeu aquilo que se esperava dele no United.

Os torcedores do Manchester United esperavam grandes atuações do zagueiro inglês. Entretanto, o atleta não está conseguindo realizar isso. Ou seja, as suas partidas dentro de campo por muitas vezes foram ruins, causando desconforto nos torcedores, que decerto começaram a criticar as atuações do jogador dentro de campo. Em determinados momentos, pedindo a saída do jogador que além de tudo é capitão.

Tamanha as suas más atuações, o atual treinador Te Hag, cogitou barrar o atleta logo depois de assumir o time em julho de 2022. Naquela ocasião, o comandante usou no treinamentos e em algumas partidas a dupla de zaga Lisandro Martínez e Raphael Varane. Porém, tempos depois iniciou a dar chances para Maguire, mesmo assim, seu nome era cogitado entre os negociáveis em Manchester.

Imagem: reprodução
Imagem: reprodução

Sendo assim, o comandante chegou a colocar Maguire na lista de jogadores que não tem a intenção de seguir trabalhando. Além disso, outros jogadores do elenco inglês também estava na lista de atletas negociáveis na janela de inverno. Trata-se de Anthony Martial, Scott McTominay, Donny van de Beek e os jogadores emprestados Alex Telles e Eric Bailly.

Além disso, nessa janela de inverno, um clube italiano apareceu como interessado e possível destino de Maguire. A Inter de Milão, chegou a consultar os dirigentes ingleses e queriam contar com o jogador em seu elenco. O esquema de negociação seria uma chegada do inglês na Itália como empréstimo até o final da temporada.

Entretanto, surpreendentemente o treinador barrou a saída do jogador. Ou seja, o mesmo que colocou Maguire na lista de negociáveis, agora negou a sua saída. Como argumento, Ten Hag alegou que o difícil calendário no qual o Manchester tem até o final da temporada, fez com que pensasse novamente na possibilidade de negociar o jogador.

Mesmo assim, Maguire tem grandes concorrentes na posição,Lindelöf, Varane e Lisandro são nomes fortes no sistema defensivo e hoje nomes mais queridos pelo comandante. O defensor tem 29 anos e soma com a camisa do United 162 jogos, com sete gols marcados e cinco assistências. Seu contrato vai até junho de 2025 e o jogador vale hoje cerca de 30 milhões de euros.

 

Raphael Almeida
Raphael Almeida

Paulista, apaixonado por futebol e fã de basquete. Muitos jornalistas não falam para que time torcem, mas torço para o São Paulo e no basquete sou torcedor do Boston Celtics e do FC Porto. Por fim, redator no SPFC24 horas e Repórter e redator no Bate Fundo Esportivo! Jornalista e torcedor sempre, clubista nunca!