Tottenham oficializa a contratação de Richarlison

O Tottenham Hotspur confirmou, nesta sexta-feira (1º), a contratação do atacante brasileiro Richarlison por cinco temporadas. Antes de mais nada, a contratação teve um custo de 50 milhões de libras, mas pode aumentar mais dez milhões em caso de gatilhos por metas de desempenho alcançadas.

De antemão, essa é a quarta contratação do Tottenham nesta janela de transferências e a mais cara. Nas últimas semanas, o time do técnico Antonio Conte conseguiu fechar contratos com Yves Bissouma, do Brighton, e Ivan Perisic, da Inter de Milão. Além disso, ambos os jogadores foram mais baratos que Richarlison, inclusive a contratação do goleiro Fraser Forster, que foi de graça.

Contudo, diferente das outras chegadas nesta janela, Richarlison chamou muita atenção da imprensa. Pois há semanas que não só o Tottenham, como também outras grandes equipes do futebol europeu estavam de olho no brasileiro. Portanto, segundo rumores, Manchester United e PSG também possuíam muito interesse. Mas foi os Spurs que ganharam essa disputa.

“Estamos muito satisfeitos em anunciar a contratação de Richarlison, ainda sujeito a uma autorização de trabalho”, publicou o Tottenham em comunicado.

Carreira de Richarlison na Inglaterra

Primeiramente, Richarlison começou a carreira no Fluminense, mas logo deixou o clube carioca. Portanto, chegou na Inglaterra através do Watford e, em pouco tempo, chegou num clube mais forte, o Everton. Na cidade de Liverpool, conquistou muitos fãs e atenção do mercado da bola, que se concretizou ainda mais nesta janela. Em suma, após uma campanha ruim dos Toffees, o atacante dá um voo maior em sua carreira, nos Spurs.

Antonio Conte quer Tottenham competitivo

Em primeiro lugar, Antonio Conte, que chegou durante a última temporada, deseja conquistar títulos. Portanto, para que isso aconteça, o treinador insiste em muitas contratações, e é exatamente o que o Tottenham está fazendo nesta janela de transferência.

O treinador italiano é muito conhecido por justamente pedir contratações em todos os clubes que treina. Pois, deseja competir e ganhar títulos a todo momento. Da mesma forma, os Spurs, que não ganham um título desde 2008, também querem sair dessa fila e voltar a levantar uma taça. Ou seja, treinador e clube conseguem casar muito bem suas ideias.