Guia do Tottenham na Champions League 2019/2020

Até onde vão os Spurs na maior competição da Europa? Confira nossa análise!

0
188
Harry Kane guia do tottenham na champions league Catherine Ivill Collection Getty Images Sport
(Credit Catherine Ivill Collection Getty Images Sport)

Confira o guia especial da PL Brasil sobre o Tottenham na Champions League 2019/2020

Finalista da última edição da Champions League, o Tottenham volta à competição com sede de vitória. Com a manutenção do técnico Maurício Pochettino e de quase todo o elenco titular, os Lillywhites podem sonhar mais uma vez com o título.

O torcedor lembra com orgulho da última campanha; mas também com certa tensão. O Tottenham não fez uma jornada nada tranquila até a final, e por vezes dependeu de individualidades ímpares para sobressair-se. Nesta sexta participação, e a quarta consecutiva, na Champions League, os londrinos mantém suas expectativas altas.

Na janela de verão inglesa, os Spurs assistiram às saídas de Trippier Llorente, jogadores importantes no esquema de Pochettino. Contudo, as chegadas de NdombeleLo Celso Sessegnon trazem ares de renovação e esperança para o Tottenham Hotspur Stadium.

O primeiro time inglês campeão da Europa

Leia mais: Quais são os impactos do Brexit na Premier League?

Cabe aqui ressaltar que o início de Premier League do clube não é, neste momento, dos mais felizes. Obtendo sua única vitória em quatro rodadas na estreia contra o Aston Villa em casa, o Tottenham empatou com Manchester City e Arsenalfora de casa. O resultado seria compreensível não fosse esse mesmo time perder para o Newcastle em Londres.

Assim como na última temporada, os resultados vão depender de uma gestão de elenco precisa de Maurício Pochettino. Por exemplo, o clube não conta com nenhum centroavante de origem além de Harry Kane, que já perdeu jogos importantes do clube por lesões.

O manager argentino já provou que consegue ir longe nas competições independentemente das restrições de plantel, mas uma maré de azar que impeça dois ou três jogadores titulares de atuarem pode ser desastrosa.

De qualquer forma, o quarteto Ericksen, Alli, Son e Kane continua firme e sendo a base sobre a qual Pochettino constrói suas táticas. E nada indica que essa parceria se desestabilizará – pelo menos não antes da próxima janela de transferências.

O grupo do Tottenham não é tão preocupante quanto poderia. Constituindo-se, além dos ingleses, de Bayern de MuniqueOlympiakosEstrela Vermelha. Estreando na Grécia em 18 de setembro, o time londrino é favorito à classificação, e deve brigar com os alemães da Bavária pelo primeiro lugar do grupo.

Harry Kane guia do tottenham na champions league Catherine Ivill Collection Getty Images Sport
(Credit Catherine Ivill Collection Getty Images Sport)

GRUPO B: Bayern de Munique, Tottenham, Olympiakos e Estrela Vermelha

18/09 – Olympiakos x Tottenham – Karaiskakis Stadium – 13h55 (de Brasília)
1º/10 – Tottenham x Bayern de Munique – Tottenham Hotspur Stadium – 16h (de Brasília)
22/10 – Tottenham x Estrela Vermelha – Tottenham Hotspur Stadium – 16h (de Brasília)
6/11 – Estrela Vermelha x Tottenham Hotspur – Rajko Mitic Stadium- 18h (de Brasília)
26/11 – Tottenham x Olympiakos – Tottenham Hotspur Stadium – 18h (de Brasília)
11/12 – Bayern de Munique x Tottenham – Allianz Arena – 18h (de Brasília)

Curiosidades

  • O recorde de público do Tottenham por qualquer competição foi na partida contra o Bayer Leverkusen, em 2016, quando 85.512 torcedores compareceram ao confronto pela Champions League
  • Harry Kane é o maior artilheiro do clube em competições europeias com 24 gols em 49 partidas

Palpites para o Tottenham na Champions League 2019/2020

Gabriel Reinehr (PL Brasil): quartas de final

Fred Caldeira (Esporte Interativo): quartas de final

Victor Canedo (Globoesporte.com): oitavas de final

Leonardo Bertozzi (ESPN): oitavas de final

Mário Marra (ESPN): quartas de final

Paulo Andrade (ESPN): quartas de final

Renato Senise (DAZN): quartas de final

Bruno Formiga (Esporte Interativo): quartas de final