Torcedores do Union Berlin ficam feridos em operação policial

Torcedores do Union Berlin ficam feridos em operação policial
Foto: Reprodução/picture alliance / ANP

Assim, antes do confronto contra o Feyenoord pela Conference League, que terminou em 3 x 1 para os holandeses. Em suma, vários torcedores do Union Berlin ficaram feridos em uma operação policial em Roterdã.

Dessa forma, o clube da capital alemã anunciou já no meio da partida. “Estamos em contato com nosso oficial de segurança. Houve uma operação policial extremamente difícil, com vários feridos“, disse o porta-voz Christian Arbeit. Assim, no meio do jogo centenas dos torcedores dos Die Eisernen ainda estavam em frente aos portões, com a comunidade Iron Aid, falando sobre como algumas pessoas acabaram sendo presas.

“Várias pessoas foram mordidas por cães”. Houve ataques direcionados às cabeças dos envolvidos na passeata, bastões e cachorros foram usados ​​na entrada, várias pessoas foram mordidas, sofreram lacerações ou estão no hospital”, disse o presidente do “Iron Aid”, Andreas Lattemann.

Em suma, ambos os clubes, junto da UEFA, estudam o caso após o termino da partida e irão abordar da melhor maneira possível. Dessa forma, Arbeit ainda comentou mais sobre os incidentes na área de coletiva pós jogo. Assim, muitos fãs nem puderam ver ao jogo em De Kuip. “Uma situação dessas não é aceitável. Estaremos nessa noite, o Feyenoord e a UEFA estão avaliando a situação”.

A saber, na noite anterior a delegação do clube também sofreu ataques. Dessa forma, junto do próprio presidente sofreu ataques de Hooligans, torcedores do clube holandês em um bar. Assim, um homem acabou preso e uma pessoa terminou no hospital. Além dos trágicos eventos, a partida terminou ruim para os alemães. Por fim, perderam por 3 x 1 e caíram para a última colocação do seu grupo. Assim, o clube retorna a campo no final de semana, pela Bundesliga.