Torcedores do City foram presos por agressão a goleiro rival

Torcedores do City foram presos por agressão a goleiro rival
Reprodução/AVFC

Em suma, no apito final da vitória do título na Premier League, a torcida do Manchester City invadiu o gramado para comemorar com o time. Entretanto, alguns mais emocionados, perderam a mão e agrediram o goleiro do Aston Villa, Robin Olsen.

Decerto, imagens da televisão inglesa, Sky Sports, mostra o goleiro recebendo tapas no rosto e cabeça, além de xingamentos. Seguranças da partida tiveram de entrar e fazer uma escolta para impedir que mais agressões acontecessem.

O Manchester City pediu desculpas formalmente ao jogador, apontando que os torcedores, assim que tiverem identificação, sofrerão banimento do estádio:

“O Manchester City gostaria de pedir sinceras desculpas ao goleiro do Aston Villa Robin Olsen, que foi agredido após o apito final da partida, quando os torcedores entraram em campo. O clube iniciou uma investigação imediata e, uma vez identificado, o indivíduo responsável sofrerá Banimento do estádio”.

Até agora, dois torcedores foram presos. A polícia trabalha em cooperação para identificar os outros agressores.

Foto destaque: Reprodução/MCFC

Sou o Robert! Fiz jornalismo para vivenciar histórias, estar dentro dos fatos e o principal, ter acesso a verdade, sempre! O esporte sempre esteve na minha vida, e unir a escrita com o futebol seria é o ideal de vida. Escrevi para redação do jornal universitário além de atuar fortemente nas redes sociais com posicionamentos sobre cultura negra. Sujeito calmo com o objetivo de ganhar o mundo!
Artigo anteriorSterling está na mira do Chelsea
Próximo artigoCity tem nome preferido para substituir Fernandinho