Balanço da temporada 2018/2019 do Burnley na Premier League

Clarets sofreram muito na temporada, mas escaparam do rebaixamento

0
499
Balanço da temporada 2018/2019 do Burnley na Premier League
Foto/Reprodução: The Australian.

Balanço da temporada 2018/2019 do Burnley na Premier League

Quando o Burnley terminou a temporada 2017-18 na histórica sétima colocação com uma campanha marcada pelo sólido sistema defensivo de Sean Dyche, a expectativa estava em torno de um trabalho que poderia ter sequência e crescimento com a classificação para a Europa League.

Será que os Clarets teriam um investimento maior em reforços para firmar-se no Top-10 na tabela ao fim da temporada? Na verdade, não.

Após sua melhor campanha na Premier League, apenas o experiente goleiro Joe Hart (Manchester City) e o zagueiro Ben Gibson (Middlesbrough), ambos ingleses, além do atacante tcheco Matej Vydra (Derby County) chegaram como reforços ao Turf Moor.

A primeira vitória na Premier League só veio na penúltima semana de setembro (6ª rodada) após quatro derrotas e um empate.

Aliás, a vitória veio em grande estilo: 4 a 0 diante do Bournemouth, em casa, com direito a doblete de Barnes. Logo depois, bateu o Cardiff City por 2 a 1 no País de Gales e deu a impressão de que teria reencontrado os melhores dias para embalar na temporada.

Porém, foram seis derrotas sofridas nos sete jogos seguintes e sofrendo no mínimo quatro gols nas três partidas seguintes: (5 a 0 para o Manchester City, 4 a 0 para o Chelsea e 4 a 2 para o West Ham).

Leia mais: Manchester United Women, a grata surpresa do começo da temporada feminina na Inglaterra

Mais do que isso, o desempenho defensivo estava sendo seriamente questionado. Como se não bastasse, a terceira vitória no campeonato viria apenas em dezembro contra o Brighton, com gol do zagueiro inglês James Tarkowski que tirou a equipe da zona de rebaixamento, algo que só viria a acontecer no início do período mais desgastante da temporada.

Curiosamente, os jogos do fim de 2018 e início de 2019 deram início a um período de reviravolta na luta contra o rebaixamento. Se no período de agosto a dezembro foram treze derrotas em vinte rodadas, a vitória de virada sobre o Fulham por 2 a 1 na 22ª rodada garantiu a saída definitiva da zona de rebaixamento, somando as vitórias anteriores sobre o West Ham (2 a 0, no dia 30/12) e Huddersfield (2 a 1, no dia 02/01).

Chris Wood marcou na vitória sobre o West Ham e foi o vice-artilheiro da equipe na temporada. Foto/Reprodução: Standard.

Após os três empates seguidos contra Watford, Manchester United e Southampton, os Clarets conquistariam duas vitórias fundamentais sobre Brighton e Tottenham com Wood e Barnes comandando o ataque nas duas partidas.

Aliás, ambos dividiram a artilharia do Burnley na temporada com 13 gols cada. Na Premier League, Barnes marcou 12 contra 10 do parceiro neo-zelandês.

A escapatória do descenso foi confirmado após mais uma sequência tripla de vitórias, dessa vez sobre Wolverhampton (2 a 0), Bournemouth (3 a 1) e Cardiff City (2 a 0), que deu confiança para arrancar um empate em 2 a 2 contra o Chelsea, em Stamford Bridge. Nas últimas quatro rodadas, foram quatro derrotas e a temporada terminou longe de ter algum susto, mas teve aquele gosto de que o rendimento foi abaixo do esperado.

Destaque

James Tarkowski teve um bom desempenho e chegou à seleção Foto/Reprodução: TBR Football

James Tarkowski perdeu apenas três partidas ao longo da temporada e, mesmo com uma temporada ruim da defesa do Burnley, o zagueiro de 26 anos conseguiu o destaque necessário para ser convocado para a seleção inglesa.

Além disso, liderou a equipe em desarmes na temporada (71) e demonstrou eficiência nos duelos aéreos e na concentração. Sem dúvida, um dos melhores zagueiros ingleses da atualidade.

Decepção

O experiente goleiro inglês novamente teve uma temporada para esquecer.
Foto/Reprodução: TalkSport.

Joe Hart foi de um dos melhores goleiros ingleses no início da década para um dos mais detestados na atualidade. Após um período instável no Torino, chegou ao Burnley como uma das principais contratações para a disputa da Liga Europa.

Porém, podemos dizer que o momento de remontada na temporada foi quando o experiente goleiro esteve fora do time titular, sempre com atuações contestadas.

Leia mais Balanço da temporada do Brighton na Premier League

Revelação

O jovem winger de 19 anos marcou três gols na temporada. Foto/SkySports.

Dwight McNeil é uma grata surpresa no time de Sean Dyche, ao dar habilidade e visão de jogo a um time ofensivamente previsível. Além de dribles, destaca-se pela capacidade de passes em profundidade e de cruzamentos precisos, sem esquecer de contribuir defensivamente para ajudar a armar os contra-ataques. Foram três gols marcados na temporada e cinco assistências.

Estatísticas do Burnley na Premier League:

  • Décima quinta posição com 40 pontos;
  • Onze vitórias, sete empates, vinte derrotas;
  • 45 gols marcados e 68 sofridos;
  • Artilheiros: Ashley Barnes (12) e Chris Wood (10);
  • Líderes de Assistências: Ashley Westwood (7) e Johann Gudmundsson (6);
  • Jogador com mais partidas na temporada: Ben Mee (38);