Stade de Reims – História, estatísticas e conquistas

Stade de Reims – História, estatísticas e conquistas
Stade de Reims

O Stade de Reims é um time de futebol da cidade de Reims, na França, que atua na Ligue 1, a elite do esporte no país. A saber, o clube fundado em 1931 não tem aparecido ultimamente devido a estar vivendo um longo período de ostracismo.

Mas entre as décadas de 1950 e 60, o time conquistou diversos títulos franceses, se firmando como um dos maiores do país. Além disso, chegou a várias finais de Champions League nesta época. O Stade de Reims atua no Estádio Auguste Delaune, que tem capacidade para 21 mil torcedores.

Trajetória do Stade de Reims: fundação, conquistas e ascensão

Stade de Reims nasceu em 1931 após se fundir com o antigo Stade Reimóis. Assim, estava sendo criado um dos maiores clubes de futebol da França. Na década de 1950 começou o domínio total do Alvirrubro no cenário nacional. Nessa época, o time levantou suas seis taças da Ligue 1. Além disso, conquistou suas duas Coupe de France. Também chegou a várias finais de Champions League no período.

Mas o clube sofreu uma forte decadência, com direito até a rebaixamentos. Assim, ficou esquecido na memória esportiva das novas gerações do esporte pelo mundo. Seu último título foi da Copa da Liga Francesa, em 1991.

Mercado de Transferências do Stade de Reims

De fato, o Stade de Reims é um clube que se aproveita de oportunidades no mercado da bola, comprando jogadores baratos ou em fim de contrato. Além disso, volta e meia contrata um jogador muito famoso. Dessa forma, conheça atletas que foram rumores do clube no mercado de transferências e deram muito certo com sua camisa.

Cédric Fauré, do Le Havre por €500 mil, em 2008/09

Cédric Fauré é o maior artilheiro da história do Stade de Reims. A saber, ele chegou inicialmente ao clube na temporada 2006/07 a custo zero. Mas foi vendido para o Le Havre no mercado da bola seguinte, onde foi mal. Dessa forma, o Alvirrubro o repatriou por apenas 500 mil euros. Ao todo, o atleta marcou 86 gols em 205 jogos com a tradicional camisa.

Boulaye Dia, do Jura Sud por €0, em 2018/19

Boulaye Dia está em alta no Villarreal, e até marcou um gol na semifinal da Champions contra o Liverpool. A saber, ele jogou no Stade de Reims, chegando a custo zero no mercado da bola de 2018/19 do Jura Sud, um time amador da França. No tradicional Alvirrubro, Dia marcou 28 gols em 88 jogos, e foi vendido aos espanhóis por 12 milhões de euros.

Diego Rigonato, do Tours por €850 mil, em 2012/13

O brasileiro (que nunca atuou em nosso país) Diego Rigonato é mais um grande jogador da história Stade de Reims. A saber, o clube fez um investimento de 850 mil euros para tirá-lo do Tours no mercado da bola de 2012/13. Então, ele correspondeu com 27 gols em 162 jogos.

Pablo Chavarría, do Lens ao Stade de Reims por €0, em 2016/17

Já o argentino Pablo Chavarría chegou gratuitamente do Lens na temporada 2016/17. De fato, mais um grande achado do Stade de Reims no mercado de transferências. Em suma, o jogador se saiu muito bem com a camisa vermelha e branca, marcando 26 gols em 101 jogos pelo clube. A saber, hoje ele atua na 2ª Divisão Espanhola pelo Málaga, aos 34 anos de idade.

Gaëtan Charbonnier, do Montpellier por €1 milhão, em 2013/14

Por fim, após rumores de que seria um jogador-chave, o Stade de Reims teve que investir certa quantia de dinheiro foi Gaëtan Charbonnier. A saber, o jogador vinha de boas temporadas no Montpellier, que exigiu 1 milhão de euros em 2013/14 no mercado da bola.

Com a camisa vermelha e branca, Charbonnier marcou um total de 21 gols em 110 jogos no time. Assim, se firmou no histórico de top 10 artilheiros da tradicional equipe francesa, confirmando os rumores. Ele joga pelo Auxerre, e vai enfrentar seu ex-clube na Ligue 1.