Goleada devolvida e virada nos pênaltis: o jogo maluco nos playoffs da terceira divisão da Inglaterra

2 minutos de leitura

Na quinta-feira marcada por partidas decisivas na Europa e Conference League, uma partida pelos playoffs da terceira divisão da Inglaterra, a League One, se destacou por uma virada inacreditável.

O Sheffield Wednesday, que ficou em terceiro lugar na tabela, entrou em campo no estádio de Hillsborough com uma grande desvantagem para o Peterborough, que terminou a primeira fase em sexto lugar. Na primeira partida entre os dois, o Peterborough aproveitou o mando de campo e fez 4 a 0 no time de Sheffield. Taylor, Ward, Poku e Clarke-Harris foram os autores dos gols.

Descrente no milagre, a torcida do Sheffield nem lotou o estádio. Mas a equipe escolheu acreditar desde o princípio. Aos 9 minutos, Michael Smith converteu um pênalti que abriu o placar. Aos 25, Lee Gregory ampliou.

Metade do caminho já estava percorrido. Com 26 minutos do segundo tempo, Reece James (não aquele) fez 3 a 0. Faltava um. E ele veio aos 53 minutos da etapa final, com um tento heroico marcado pelo volante Liam Palmer.

Uma festa inacreditável em Hillsborough quase fez os presentes esquecerem que o inacreditável 4 a 0 para o Sheffield Wednesday significava que o placar somado estava empatado em 4 a 4 e, seguindo o regulamento da League One, os times ainda precisavam jogar 30 minutos de prorrogação.

Ao contrário da maioria das prorrogações, o tempo extra em Sheffield foi movimentado. Com 15 minutos do primeiro tempo, um cruzamento para a área do Wednesday encontrou a cabeça de Gregory e entrou no próprio gol. 4 a 1. Parecia um desfecho cruel demais com o jogador que, apesar de nascido em Sheffield, nunca tinha atuado por um time da sua cidade natal antes de 2021. O jogador ainda estava atuando com uma máscara de proteção na face.

Mas ainda tinha tempo para mais uma reviravolta no confronto mais imprevisível das divisões de acesso do futebol britânico. A partida foi para o intervalo e, sete minutos após a volta, Callum Paterson viu a defesa bater cabeça e só precisou bater com o bico na bola para fazer 5 a 1. No agregado, 5 a 5.

A linha do tempo de Sheffield Wednesday 5 x 5 Peterborough pela terceira divisão

  • Jogo de ida: Peterborough 4 x 0 Sheffield Wednesday
  • Jogo de volta: 9′ – Sheffield Wednesday 1 x 0 Peterborough
  • 25′ – Sheffield Wednesday 2 x 0 Peterborough
  • 71′ – Sheffield Wednesday 3 x 0 Peterborough
  • 90+8′ – Sheffield Wednesday 4 x 0 Peterborough
  • 105′ – Sheffield Wednesday 4 x 1 Peterborough
  • 112′ – Sheffield Wednesday 5 x 1 Peterborough

Restaram apenas os pênaltis para definir quem iria continuar na briga pelo acesso. Na sequência de cinco para cada, apenas Dan Butler, do Peterborough, acertou o travessão. Coube a Jack Hunt colocar sua cobrança no ângulo para consumar uma das maiores viradas recentes do esporte.

Como não poderia ser diferente, a comemoração envolveu a invasão de boa parte dos torcedores no gramado de Hillsborough. Uma festa para o Sheffield que, agora, aguarda o vencedor de Bolton x Barnsley (o jogo de ida foi 1 a 1) para saber quem enfrenta na decisão dos playoffs em Wembley, marcada para 29 de maio, valendo uma vaga na Championship.

O Sheffield Wednesday pode voltar à segunda divisão depois de três anos — o clube foi rebaixado na temporada 2020/21. A última vez que o clube jogou a Premier League foi em 1999/2000.

Diogo Magri
Diogo Magri

Jornalista formado pela ECA-USP, campineiro e repórter na PL Brasil. Passagens por EL PAÍS, Revista Veja e Futebol Globo CBN.

Contato: [email protected]