O impacto positivo de Rúben Dias na defesa do Manchester City

Vindo do Benfica, Dias não sentiu pressão ao trocar a Liga NOS pela Premier League

0
839
rúben dias
Gareth Copley/Getty Images

Na última temporada, o Manchester City tinha um ponto fraco que ficou marcado para todos: a zaga. Ficou marcado, negativamente, inclusive para Pep Guardiola, que não poupou esforços e dinheiro para que os Citizens reforçassem a defesa e pudessem voltar a disputar o título da Premier League. Assim, o nome escolhido foi o do jovem zagueiro português Rúben Dias, que já chegou impressionando e conquistando o posto de titular absoluto. 

Conheça Rúben Dias: o jovem e absoluto zagueiro do Manchester City

Com apenas 23 anos de idade e qualidade indiscutível, Rúben Dias chegou à equipe de Pep Guardiola vindo do Benfica, num negócio que envolveu a ida de Otamendi para a equipe portuguesa e mais 68 milhões de euros. O zagueiro assinou com o City até 2026. 

Dias começou sua carreira nas categorias de base do Benfica e por lá disputou 137 partidas como profissional, marcando 12 gols e oferecendo seis assistências. Foi campeão da liga portuguesa e da Supertaça de Portugal. Além disso, também foi campeão da Nations League com a seleção de Portugal e já disputou 22 jogos defendendo as cores de seu país. 

Leia mais: “Por que eu virei torcedora do… Manchester City”

Um início brilhante pelo Manchester City

Logo quando desembarcou em Manchester e foi rumo ao Etihad Stadium, Dias declarou ao site oficial dos Citizens que ter a oportunidade de chegar a um clube como o Manchester City é fantástico para mim e é algo que não poderia recusar. O sucesso do clube fala por si. Tem sido o time dominante na Inglaterra nos últimos anos, jogando futebol ofensivo que eu acho ser adequado para o meu jogo. É realmente animador fazer parte de um elenco tão talentoso e jogar para um técnico como Pep Guardiola, que tem um histórico comprovado de desenvolver jovens jogadores como eu”.

Pelo Manchester City, Rúben Dias já soma 32 partidas e um gol. Até o momento, são 13 clean sheets mantidos pela defesa do City quando o português atuou e apenas 10 gols sofridos. Além disso, tem um aproveitamento de 67% nos desarmes. 

Leia mais: A grande temporada de Gündogan no Manchester City

Como a chegada de Rúben Dias mudou o patamar da defesa do City?

LAURENCE GRIFFITHS/POOL/AFP via Getty Images

Na temporada passada, o Manchester City sofreu muito com a sua defesa. A lesão de Aymeric Laporte, um dos zagueiros em que Pep Guardiola mais confiava, fez com que a confiança dos jogadores acabasse caindo. A saída de Kompany também foi um aspecto que afetou muito a defesa do City, porque além de ótimo zagueiro, ele era uma espécie de capitão não apenas do time, mas da defesa.

Otamendi provou ser um zagueiro pouco confiável e a torcida dos Citizens já não queria mais ter que contar com o argentino. Por muitas vezes, quem atuou como zagueiro foi o brasileiro Fernandinho, que fez um ótimo trabalho, mas ainda não era o ideal. Faltava uma liderança e um jogador confiável para fazer dupla com John Stones. Então, Rúben Dias ocupou esse posto e, até o momento, tem impressionado até o mais crítico dos torcedores. 

Leia mais: João Cancelo: o “reforço” que o Manchester City ganhou

Para se ter uma noção do impacto que Dias teve no City, até Jamie Carragher, ex-zagueiro do Liverpool e atualmente comentarista no canal inglês Sky Sports, afirmou que o português merece ganhar o prêmio de melhor jogador da Premier League na temporada. 

Quando se compara a performance da defesa nas temporadas 2019/2020 e 2020/2021 é possível perceber uma grande melhora após a chegada de Rúben Dias. Na temporada passada, foram 17 clean sheets e 35 gols sofridos, com uma média de 0,92 gols sofridos por partida.

Na atual temporada, os Citizens já somam 15 clean sheets, em apenas 26 jogos, e 16 gols sofridos, com uma média de 0,62 gols sofridos por jogo. Uma mudança que só tende a ser maior com o passar das temporadas, já que Rúben Dias tem apenas 23 anos e já conquistou a confiança de um dos técnicos mais renomados do mundo.

Leia mais: Todas as contratações de Pep Guardiola no Manchester City

Não há posts para exibir