Renascimento do Liverpool enriquece a disputa pelo título inglês

Liverpool
Foto: Reprodução / Twitter Liverpool

Inicialmente, no Conceito Premier de hoje, é crucial citar o início de temporada avassalador do Liverpool. Após cinco rodadas de Premier League, os Reds de Anfield só sofreram um gol, tendo marcado 12. Ademais, o time do noroeste inglês permanece invicto no campeonato nacional, apresentando desempenhos consistentes em seus confrontos. Nesse sentido, após um mercado de transferências tímido e uma temporada 2020/2021 abaixo das expectativas, o Liverpool, como uma fênix, renasce na disputa pelo título inglês, provando, em campo, que volta a ser um dos favoritos para a conquista.

Todavia, mesmo com poucos jogos, já é possível colocar os Reds na mesma prateleira de adversário como Chelsea e Manchester City? Minha subjetividade e o futebol apresentado pelo clube afirmam que sim. A equipe inglesa, mesmo com um elenco curto e menos estrelado que o dos rivais, consegue dominar os adversários dentro de campo.

Histórico do Liverpool

Atualmente, é comum observar que o mundo do futebol esquece rápido dos feitos recentes. Na temporada 2018/2019, o Liverpool foi campeão da Champions League, após 14 anos de espera. Além disso, os Reds, no ano seguinte, conquistaram a primeira Premier League. O clube inglês ainda não havia conquistado o campeonato nacional no atual formato, que entrou em vigor no ano de 1992, quebrando, em 2019/2020, esse jejum de mais de 30 anos.

Liverpool
Foto: Reprodução / El País

Assim, embasado nesse histórico recente, afirmo que o clube inglês é capaz de surpreender as expectativas públicas e conquistar títulos relevantes nessa temporada. No entanto, para que essa boa fase se confirme, os jogadores do time precisam continuar saudáveis, já que o elenco é curto e não possui, em algumas posições, reservas de nível técnico suficiente.

Razões para acreditar em conquistas do Liverpool na temporada 2021/2022

Dessa maneira, listo aqui alguns argumentos para fundamentar possíveis títulos dos mandantes de Anfield na atual temporada. Nesse contexto, ressalto que, para atingir essas metas, o clube precisa continuar desempenhando o futebol notável que demonstra no início das competições europeias.

Para começar, é importante falar que a maioria dos jogadores do time titular jogam juntos há pelo menos três anos. Assim, entende-se que os atletas compreendem melhor o estilo de jogo dos companheiros, sendo capazes de facilitar as ações dentro do campo.

Além disso, o técnico Jürgen Klopp é peça fundamental para o clube. O alemão comanda os Reds há mais de cinco temporadas, colocando suas características no time e colaborando diretamente para os resultados impressionantes que foram conquistados recentemente pelo clube de Anfield.

Para finalizar, coloco a recuperação do zagueiro Virgil van Dijk como o maior reforço dos Reds até agora. Sem o holandês, o técnico precisou improvisar jogadores na posição durante a temporada anterior, dificultando a manutenção do estilo de jogo da equipe. Assim, já saudável, o defensor protagoniza lances cruciais nas partidas, sendo peça muito importante para o time.

Desse modo, por meio do excelente e já duradouro trabalho de Jürgen Klopp, além do protagonismo exercido por Sadio Mané, Mohamed Salah e Virgil van Dijk, o Liverpool se coloca novamente na lista de favoritos aos títulos disputados, podendo impressionar o mundo do futebol.