Quem é o maior campeão da Europa League?

Quem é o maior campeão da Europa League?
Quem é o maior campeão da Europa League?

Antes de mais nada, a Europa League é o segundo torneio de clubes de maior expressão da Europa. Assim, atrás apenas da Champions League, a competição atrai o prestígio das equipes que não conseguiram a pontuação suficiente em seus campeonatos nacionais para se classificarem para a maior competição do continente. Mas, ainda assim, é um torneio gigantesco e que reúne equipes muito fortes. Contudo, afinal, quem é o maior campeão da Europa League?

Maior campeão da Europa League

Em suma, o maior campeão da Europa League é o Sevilla, da Espanha, com seis conquistas. Dessa forma, com metade dos títulos, estão quatro equipes: Inter de MilãoJuventus, ambas da Itália, Liverpool, da Inglaterra, e Atlético de Madrid, da Espanha.

Bem como a lista de 2º lugar, os 3º colocados no posto de maior campeão da Europa League estão nove equipes. Portanto, a lista começa com Borussia Mönchengladbach Eintracht Frankfurt, ambos da Alemanha. Na Inglaterra, em especial em Londres, temos Tottenham Chelsea.

Já o maior vencedor da Champions League, o Real Madrid, da Espanha, aqui ocupa o 3º posto. Assim como o Göteborg, da Suécia, o Parma, da Itália, o Feyenoord, da Holanda, e o Porto, de Portugal.

Ademais, a listagem com equipes de conquista única também é extensa. Decerto, 15 times formam essa lista. A princípio, três alemães só venceram uma vez: Bayer Leverkusen, Schalke 04 e o gigante Bayern de Munique.

Já a Espanha, a Inglaterra, a Holanda e a Rússia têm cada um deles duas equipes com uma conquista. Então, ValenciaVillarreal são os espanhóis, Manchester UnitedIpswich Town os ingleses, Ajax PSV Eindhoven os holandeses e CSKA Moscou Zenit os russos.

Por fim, fechando a lista de maiores campeões da Liga Europa, estão Anderlecht, da Bélgica, Napoli, da Itália, Galatasaray, da Turquia, e o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, todos eles com apenas um título da competição.

Ordem cronológica de campeões da Europa League

  • 1971/72 – Tottenham
  • 1972/73 – Liverpool
  • 1973/74 – Feyenoord
  • 1974/75 – Borussia Mönchengaldbach
  • 1975/76 – Liverpool
  • 1976/77 – Juventus
  • 1977/78 – PSV Eindhoven
  • 1978/79 – Borussia Mönchengladbach
  • 1979/80 – Eintracht Frankfurt
  • 1980/81 – Ipswich Town
  • 1981/82 – Göteborg
  • 1982/83 – Anderlecht
  • 1983/84 – Tottenham
  • 1984/85 – Real Madrid
  • 1985/86 – Real Madrid
  • 1986/87 – Göteborg
  • 1987/88 – Bayer Leverkusen
  • 1988/89 – Napoli
  • 1989/90 – Juventus
  • 1990/91 – Internazionale
  • 1991/92 – Ajax
  • 1992/93 – Juventus
  • 1993/94 – Internazionale
  • 1994/95 – Parma
  • 1995/96 – Bayern de Munique
  • 1996/97 – Schalke 04
  • 1997/98 – Internazionale
  • 1998/99 – Parma
  • 1999/00 – Galatasaray
  • 2000/01 – Liverpool
  • 2001/02 – Feyenoord
  • 2002/03 – Porto
  • 2003/04 – Valencia
  • 2004/05 – CSKA Moscou
  • 200506 – Sevilla
  • 2006/07 – Sevilla
  • 2007/08 – Zenit
  • 2008/09 – Shakhtar Donetsk
  • 2009/10 – Atlético de Madrid
  • 2010/11 – Porto
  • 2011/12 – Atlético de Madrid
  • 2012/13 – Chelsea
  • 2013/14 – Sevilla
  • 2014/15 – Sevilla
  • 2015/16 – Sevilla
  • 2016/17 – Manchester United
  • 2017/18 – Atlético de Madrid
  • 2018/19 – Chelsea
  • 2019/20 – Sevilla
  • 2020/21 – Villarreal
  • 2021/22 – Eintracht Frankfurt (atual campeão)

Por fim, o país com mais títulos é a Espanha, com 13 conquista, sendo seis apenas do Sevilla. Inglaterra e Itália somam nove títulos cada, os alemães sete, holandeses quatro, Portugal, Suécia e Rússia dois troféus cada e Bélgica, Ucrânia e Turquia um título.

Foto destaque: Reprodução / AA TN

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou, mas a vontade de crescer estava a mil. Bem-vindo ao melhor site brasileiro de futebol inglês. Bem-vindos ao PL Brasil. Sou Eric Filardi, paulistano de 28 anos, criado em Taboão da Serra, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas que o estádio incendeia: tenho Futebol na Veia.
Artigo anteriorPalpite, Prognóstico e Odds para Barcelona x Villarreal – 22/05
Próximo artigoPalpite, prognóstico e odds para Angers x Montpellier – 21/05