Fortuna de R$ 184 bilhões e mais: o que você precisa saber sobre o novo ‘dono’ do Manchester United

5 minutos de leitura

O Manchester United tem um novo dono! Ou melhor, tem mais um novo dono. A compra de 25% das ações do clube por Sir Jim Ratcliffe foi finalmente anunciada na tarde deste domingo (24). O presente de Natal tão esperado por boa parte dos Red Devils chegou.

A família Glazer continua ativa na instituição, mas, apesar de Ratcliffe se tornar sócio minoritário, ele será o comandante do futebol, a pasta mais importante do clube. Passará por ele e pela INEOS, sua empresa, a obrigação de agir para mudar a triste realidade que o maior campeão inglês se encontra.

Quem é Sir Jim Ratcliffe, o novo dono do Manchester United?

Aos 71 anos, James Arthur Ratcliffe nasceu em Failsworth, uma cidade na região metropolitana da Grande Manchester e é torcedor do Manchester United desde a infância. Estudou engenharia química na Universidade de Birmingham e seguiu carreira na área. Se tornou um dos empresários de maior sucesso no ramo e, depois de passar por grandes empresas, fundou a INEOS, em 1998.

INEOS: da indústria petroquímica à expansão para outras áreas

A INEOS é uma multinacional britânica sediada em Londres. Trata-se da quarta maior empresa química do mundo, mas que tem ações paralelas em outras áreas: esportes, têxtil, farmacêutico, automotivo, construção civil, combustíveis e alimentício. Cada braço do grupo atua de forma independente, com conselhos próprios. Mesmo assim, Ratcliffe tem participação ativa em todos eles.

O carro-chefe, claro, é a área química. A empresa oferece produtos para outros mercados. O grupo contém 36 firmas com 194 locais em 29 países pelo mundo.

Do futebol à vela: experiência em diferentes esportes

Jim Ratcliffe também se tornou um gigante no mundo dos esportes. Além de empreendedor da área, o novo dono do Manchester United é um apaixonado pela prática esportiva. Em 2013, completou uma maratona de corrida no Deserto do Saara e posteriormente fundou um instituto de caridade na área.

A INEOS tem uma atuação poliesportiva, do ciclismo à Fórmula 1. O ativo mais conhecido do grupo na área esportiva é o Nice, comprado em 2019. No clube francês, o projeto da empresa se baseia na contratação e desenvolvimento de jovens jogadores, aposta por um jogo moderno, vistoso e ofensivo e um pensamento que coloca o planejamento à frente do dinheiro.

Francesco Farioli, 34 anos, é o técnico do Nice (Foto: Icon Sport)

Os grupos esportivos que a INEOS tem participação em ações

  • OGC Nice (França/Futebol)
  • FC Lausanne (Suíça/Futebol)
  • Mercedes (Fórmula 1/Inglaterra)
  • Grenadiers (Ciclismo/Inglaterra)
  • Britannia (Vela/Inglaterra)
  • All Blacks (Rugby/Nova Zelândia)

No ano passado, a INEOS se colocou na briga para comprar o Chelsea durante a venda de Roman Abramovich e realizou uma oferta de 4,25 milhões de libras, mas perdeu a concorrência para a Capital Clearlake.

O segundo homem mais rico do Reino Unido

De acordo com levantamento da “Sunday Times”, em 2023, Jim Ratcliffe foi cotado como a segunda pessoa mais rica do Reino Unido, atrás apenas de Gopi Hinduja. A fortuna do novo mandatário do Manchester United foi avaliada em 29,6 bilhões de libras (R$ 182,3 bilhões).

Ele chegou a ocupar o topo da lista em 2018 e também figura entre as 100 pessoas mais ricas do mundo segundo listas da revista “Forbes”. A título de comparação, Ratcliffe é cerca de sete vezes mais ricos que a Família Glazer, dona do Manchester United desde 2005 e que possuem uma fortuna estimada em 4,7 bilhões de dólares (R$ 24,45 milhões), segundo levantamento de 2022.

Sir Jim Ratcliffe irá assumir o Manchester United (Foto: Icon Sport)
Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.