Com Liverpool e City nos extremos, estudo mostra times que mais levariam cartão azul na Premier League

4 minutos de leitura

Na última quinta (8), o jornal inglês “Telegraph” noticiou que o cartão azul começaria a ser utilizado no futebol. A ideia revolucionária deu início a análises envolvendo clubes da Premier League e, se a iniciativa já tivesse começado nessa temporada, equipes como Chelsea e Liverpool seriam as mais impactadas.

O site inglês “The Athletic” fez um levantamento de todas as faltas cometidas pelos 20 clubes da Premier League para determinar quantas vezes cada equipe poderia receber um cartão amarelo. O Sheffield, lanterna, lideraria o ranking, e o Manchester United também faria parte do top-5.

O cartão azul seria testado ainda em 2024, inicialmente em partidas da FA Cup, tanto a masculina quanto a feminina, após aprovação da International Football Association Board (Ifab). No entanto, o jornal inglês “The Times” afirmou, na sexta (9), que a implementação foi adiada de última hora.

Chelsea com reclamações e Liverpool com faltas táticas

Na tentativa de reprimir o abuso contra os árbitros e as faltas antidesportivas, os cartões azuis serão distribuídos por discordância e faltas táticas, ou seja, faltas que impedem um ataque promissor.

Embora ainda não sejam introduzidos na Premier League da próxima temporada, o The Athletic reuniu todas as faltas passíveis de cartão azul, dividias entre reclamações e faltas táticas — e que, no contexto atual, são penalizadas com cartão amarelo.

Chelsea
Foto – Icon Sport

Os mais reclamões são os jogadores do Chelsea, que levaram 15 cartões amarelos por discordâncias com árbitros, seguidos de Fulham e Manchester United, com 14 e 13, respectivamente.

Entre os mais “espertos” na hora de fazer faltas táticas, o Sheffield lidera, com 25, seguido por Aston Villa (24), Liverpool e Everton (22).

Equipes da Premier League que teriam mais cartões azuis na temporada:

  1. Sheffield – 33
  2. Liverpool – 31
  3. Chelsea – 31
  4. Manchester United – 30
  5. Fulham – 30
  6. Aston Villa – 29
  7. Everton – 28
  8. Bournemouth – 28
  9. Tottenham – 27
  10. Wolverhampton – 25
  11. West Ham – 25
  12. Newcastle – 25
  13. Brighton – 24
  14. Burnley – 23
  15. Nottingham Forest – 22
  16. Brentford – 22
  17. Luton Town – 19
  18. Arsenal – 19
  19. Crystal Palace – 18
  20. Manchester City – 15

É entendível a situação do Sheffield United, que está na lanterna da Premier League com a menor média de posse de bola. Portanto, não é surpresa que eles tenham mais situações sem a bola e, por consequência, mais chances de fazer faltas e cartões amarelos recebidos.

Curiosamente, nenhum jogador recebeu mais cartões amarelos por discordância do que o atacante Nicolas Jackson, que não conseguiu esconder sua frustração durante uma difícil campanha inaugural sob o comando de Mauricio Pochettino.

Guilherme Ramos
Guilherme Ramos

Jornalista pela UNESP. Escrevi um livro sobre tática no futebol e sou repórter da PL Brasil. Já passei por Total Football Analysis, Esporte News Mundo, Jumper Brasil e TechTudo.

Contato: [email protected]