Eliminatórias da Euro: 5 revelações que caberiam na Premier League

4 minutos de leitura

A fase de grupos das Eliminatórias da Euro 2024 chegou ao fim nesta terça-feira (21). Medalhões como Cristiano Ronaldo, Kane, Bellingham e Mbappé brilharam na competição, mas jovens promissores também se destacaram e mostraram que poderiam jogar na Premier League.

5 promessas das Eliminatórias da Euro para a Premier League

A PL Brasil separou cinco jogadores com menos de 23 anos que se destacaram nas Eliminatórias da Euro 2024 e que seriam bons nomes para clubes da Premier League. Alguns deles, inclusive, já vem sendo ventilados a gigantes ingleses.

António Silva – Portugal

Ao lado de Gonçalo Inácio, António Silva faz parte de uma zaga que deixa Portugal tranquilo para o futuro. Nas Eliminatórias, os dois revezaram em algumas partidas na dupla de zaga ao lado de Rúben Dias, do Manchester City. Silva é uma das maiores promessas para a posição no mundo, tem apenas 20 anos e joga no Benfica.

O jogador tem bons índices na competição de seleções, tanto defensivos quanto criativos, de acordo com o site especializado “WyScout”.

  • 5 jogos (5 como titular)
  • 1 assistência
  • 96% de passes certos
  • 57.1% de passes longos certos
  • 68.3% de duelos ganhos
  • 66.7% de duelos aéreos ganhos
António Silva por Portugal (Foto: Icon Sport)

Benjamin Sesko – Eslovênia

Sesko fez sua parte e foi fundamental para ajudar a Eslovênia a se classificar para a Eurocopa de 2024. O país ficou em segundo no grupo H e carimbou o passaporte rumo à Alemanha. O atacante do RB Leipzig foi fundamental para o avanço, com gols e assistências. Ele, inclusive, teve uma média de participação de 0,7 gol a cada jogo.

  • 9 jogos (9 como titular)
  • 5 gols (10º da competição)
  • 2 assistências

Aos 20 anos, o atacante faz boa temporada no futebol alemão. São seis gols em 16 partidas. Ele, inclusive, já foi ligado à Premier League, mas acabou rejeitando uma transferência ao Manchester United.

Sesko pela Eslovênia (Foto: Icon Sport)

Trai Hume – Irlanda do Norte

Nome mais alternativo da lista, Trai Hume já está na Inglaterra. O lateral-direito de 20 anos defende Sunderland e a seleção da Irlanda do Norte. Apesar da eliminação de seu país, o jogador teve uma boa participação nas Eliminatórias e produziu estatísticas, de acordo com o “Sofascore”.

  • 8 jogos (8 como titular)
  • 38 desarmes (1º da competição)
  • 7 interceptações
  • 12 cortes

Na Championship, ele também tem tido atuação regular, com 16 jogos, um gol e uma assistência. Pode ser uma aposta de baixo custo para clubes da Premier League.

Giorgio Scalvini – Itália

O zagueiro da Atalanta foi eleito o melhor jogador italiano sub-21 na última sexta-feira (18), pelo “Tuttosport”, como parte da premiação do Golden Boy. Scalvini é uma das maiores promessas da Itália e já vem sendo bastante utilizado pela Azzurra, que se classificou ao empatar sem gols contra a Ucrânia na última segunda-feira (20).

Scalvini tem 19 anos e também pode atuar pelas laterais. Ele jogou quatro vezes pela Itália nas Eliminatórias da Euro e deve ser figurinha carimbada da seleção nos próximos anos.

Antaolyi Trubin – Ucrânia

A Ucrânia não se classificou de forma direta à Eurocopa, mas não foi por falta de esforço de Trubin. O goleiro do Benfica demonstrou segurança enquanto esteve em campo e ajudou a seleção a chegar viva na luta pela vaga até a última rodada. Ele tem 22 anos e é considerado um dos goleiros mais promissores de sua geração. Ele teve bons números nas Eliminatórias e pode ser boa opção para a Premier League em um futuro próximo.

  • 6 jogos (6 como titular)
  • 3 jogos sem sofrer gols
  • 21 defesas

Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.