O polêmico uniforme da Inglaterra que irritou até o primeiro-ministro: ‘Não deviam mexer com isso’

5 minutos de leitura

O novo uniforme da Inglaterra lançado pela Nike na última semana vem dando o que falar no Reino Unido. Até o primeiro-ministro Rishi Sunak entrou na discussão e reprovou a camisa. A seleção inglesa estreará o uniforme neste sábado (23), em amistoso contra o Brasil.

A divulgação oficial aconteceu na última segunda-feira (18). Os uniformes serão utilizados na Eurocopa, que será disputada entre junho e julho, na Alemanha.

  • O uniforme titular tem uma camisa branca com detalhes em azul-marinho na gola e nas laterais. O calção é azul-marinho e os meiões são brancos.
  • O uniforme reserva é mais ousado e tem um tom de roxo. O escudo e o símbolo da Nike estão bordados em dourado, com detalhes de outras cores nas laterais.

Qual a polêmica sobre o novo uniforme da Inglaterra?

Houve um pequeno detalhe na camisa titular que desagradou parte dos ingleses: as cores da cruz de São Jorge (St. George). O símbolo está localizado na parte de trás da gola e tem a cor roxa como novidade, ao invés de ser integralmente vermelha como bandeira do país. A Nike justificou a atitude como uma “atualização lúdica” inspirada na roupa de treino dos campeões mundiais de 1966.

Inglaterra
A cruz de São Jorge na camisa da seleção inglesa (Foto: Nike)

A cruz de São Jorge compõe a bandeira da Inglaterra. O santo é o padroeiro do país e tem o 23 de abril como sua data comemorativa, dia de seu suposto martírio.

Rishi Sunak, primeiro-ministro do Reino Unido, alegou que não é positivo alterar os símbolos de identificação da nação.

–Obviamente, prefiro o original e minha opinião geral é que, quando se trata de nossas bandeiras nacionais, não devemos mexer com elas porque são uma fonte de orgulho, de identidade, de quem somos e são perfeitos como são.

Goleiro da Inglaterra nas Copas do Mundo de 1982, 986 e 1990, Peter Shilton foi uma das vozes do futebol que levantou contra o novo uniforme. A lenda cobrou a manutenção das tradições locais e ainda criticou o preço das camisas produzidas pela Nike.

–Isto está errado a todos os níveis. Estou totalmente contra. Incluindo o preço que a Nike está cobrando. Se vai colocar a cruz de St. George na camisa, algo que a Nike fez, pelo menos deixa-a com as cores originais. Como os três leões no escudo, é a tradição

Há um movimento político e popular na Inglaterra para que a Nike corrija o design do uniforme e refaça o modelo com a cruz de São Jorge totalmente vermelha. O deputado de oposição Keir Starmer apelou à fornecedora de materiais esportivos para que haja uma reconsideração em relação ao uniforme.

Sou um grande fã de futebol, vou aos jogos da Inglaterra, aos jogos masculinos e femininos, e a bandeira é usada por todos. É um unificador. Não precisa ser alterado. Só precisamos nos orgulhar disso. Acho que eles deveriam apenas reconsiderar isso e mudar. Nem tenho certeza se eles conseguem explicar adequadamente por que pensaram que precisavam mudar isso em primeiro lugar.

Há um abaixo-assinado online que pede que um novo uniforme seja confeccionado para a Inglaterra. A petição já supera 16 mil assinaturas.

Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.