Pep Guardiola na mira de gigante italiano após escândalo no City

1 minuto de leitura

Vivendo uma fase de incerteza no comando do Manchester City, o treinador Pep Guardiola sabe que o seu futuro dependerá muito do que acontecer ao final das investigações que a equipe inglesa sofre no momento. Na ocasião, o City está sendo acusado de mais de 100 denuncias, onde segundo a Premier League, a instituição teria quebrado regras financeiras.

Como punição, o City poderá perder pontos na competição, ser multado, sofrer banimento da competição e até mesmo ser rebaixado de divisão. Contudo, o comandante do clube alega que acredita na inocência da equipe. O mesmo alega também que o Manchester vem sofrendo perseguições por parte dos outros 19 times que compõem a elite do futebol inglês.

Por outro lado, um possível rebaixamento da equipe ocasionaria certamente em uma debandada de atletas, que não aceitariam jogar em uma divisão inferior ante a Premier League. Nesse sentido, entra também a expectativa de que Pep Guardiola não seguiria no comando da equipe, por isso, times europeus começar a observar mais de perto o desenrolar de toda a história.

Imagem: reprodução
Imagem: reprodução

Interesse italiano em Pep Guardiola

Dessa forma, com o seu futuro incerto no time inglês, o futebol italiano está de olho no comando técnico de Guardiola. Isso porque, o Milan é a equipe que mais tem se movimentado para buscar informações com a intenção de contratar o treinador. Inclusive, representantes do clube teriam entrado em contato com agentes do treinador, mas apesar da negativa inicial, o clube não está disposto a desistir facilmente do comandante espanhol.

Por isso, a equipe italiana decidiu esperar até o final da temporada, ainda mais rem relação as investigações contra o Manchester City que seguem em apuração, por parte de autoridades inglesas. Por isso, se tudo correr conforme o Milan pensa, a proposta oficial por Guardiola será feita ao final da temporada atual.

Um dos principais motivos no qual fizeram com que o Milan pensasse em Guardiola, é o fato da má fase que a equipe vive na Seria A sob o comando de Stefani Piol. O time até que começou bem a temporada, contudo caiu de rendimento e no momento ocupa apenas a 3ª colocação, voltando a vencer depois de quatro jogos, sendo ele, três derrotas seguidas.

De qualquer forma, o clube tentará uma nova investida no espanhol,  no qual treinou todas as grandes ligas da Europa, faltando justamente a italiana. Esse seria um dos atrativos  para que Guardiola aceitasse treinar o Milan a partir do mês de julho.

Raphael Almeida
Raphael Almeida

Paulista, apaixonado por futebol e fã de basquete. Muitos jornalistas não falam para que time torcem, mas torço para o São Paulo e no basquete sou torcedor do Boston Celtics e do FC Porto. Por fim, redator no SPFC24 horas e Repórter e redator no Bate Fundo Esportivo! Jornalista e torcedor sempre, clubista nunca!