Palace x Wolverhampton: gol brasileiro não apaga erros individuais e atuação coletiva ‘para esquecer’

4 minutos de leitura

Não foi dos jogos mais movimentados da rodada — apesar de o placar indicar o inverso –, mas o Crystal Palace derrotou o Wolverhampton por 3 a 2, neste domingo (3), no Selhurst Park, pela quarta rodada da Premier League.

Os gols só saíram no segundo tempo. Primeiro, Edouard marcou para as Águias aproveitando cruzamento de Mitchell da esquerda e logo depois Hwang empatou de cabeça após cobrança de falta de Pedro Neto.

Depois, Eze aproveitou o desvio de Mateta para anotar o terceiro. No fim, em bela jogada coletiva, Edouard marcou o terceiro da partida para carimbar a vitória.

João Gomes – 6

Foi importante em vários momentos defensivos a ponto de o jornalista Steve Madeley, que cobre o Wolverhampton para o site “The Athletic” dizer que ficou com a impressão de que sua TV mostrava dois João Gomes.

Ainda assim, o ex-Flamengo cometeu alguns erros durante a partida especialmente na transição para o ataque e até levou cartão amarelo por falta boba em Eze. Foi substituído aos 35 minutos do segundo tempo.

Matheus Cunha – 6,5

Atuação bastante discreta após rendimento bem interessante nas rodadas anteriores da Premier League. Mas o desempenho fraco também foi visto por seus companheiros de ataque. Matheus Cunha se movimentou pouco e não conseguiu reproduzir suas arrancadas que empolgaram os torcedores dos Wolves nos últimos jogos. Aos 96 minutos, aproveitou a desatenção da defesa adversária e marcou de cabeça.

Próximos jogos

  • Wolverhampton x Liverpool – sábado (16), 8h30 (horário de Brasília) – Molineaux Stadium – Premier League
  • Aston Villa x Crystal Palace – sábado (16), 11h (horário de Brasília) – Villa Park – Premier League
Pedro Ramos
Pedro Ramos

Subcoordenador na PL Brasil. Ex-Estadão e TNT Sports. Formado em Jornalismo e Sociologia.

E-mail: [email protected]