País de Gales x Ucrânia – melhores momentos e resultado

País de Gales x Ucrânia – melhores momentos e resultado
País de Gales x Ucrânia – Melhores momentos e resultado (Foto destaque: Divulgação/Getty Images)

O País de Gales está classificado para Copa do Mundo no Catar! Na tarde deste domingo (5), em Cardiff, os galeses venceram a Ucrânia, por 1 x 0, e garantiram a vaga no Grupo B, ao lado de Inglaterra, Estados Unidos e Irã. O gol foi marcado por Yarmolenko, que fez contra, depois de uma cobrança de falta de Gareth Bale no primeiro tempo.

Essa é a segunda vez que os galeses irão participar da Copa do Mundo. A saber, a última vez que fizeram parte da competição foi em 1958, na Suécia. Inclusive, nesta edição, Gales foi eliminada pelo Brasil, nas quartas de finais, por 1 x 0, gol de Pelé.

Aliás, antes da classificação contra a Ucrânia, País de Gales já tinha marcado época ao ir às semifinais da Eurocopa, em 2016.

País de Gales x Ucrânia – Melhores momentos

1º Tempo: Ucrânia melhor, mas Gales sai na frente

Apesar de um início melhor de País de Gales, a Ucrânia logo tomou o controle do jogo. Empurrada por uma torcida que não deixava de apoiar em Cardiff, a seleção ucraniana dominou a posso de bola e, consequentemente, as ações no jogo. Durante a etapa inicial, os ucranianos tiveram oito finalizações, contra três dos galeses. A dupla Zinchenko e Tsygankov deu trabalho para o goleiro Hennessey, que virou o grande protagonista da partida.

Entretanto, para infelicidade da nação ucraniana, aos 33’, o País de Gales saiu na frente. James sofreu falta no ataque, Bale foi para cobrança e chutou direto para o gol. Neste momento, o capitão ucraniano Yarmolenko, na tentativa de tirar, acabou desviando de cabeça para o próprio gol. Ainda por cima, na primeira etapa, os jogadores da seleção ucraniana reclamaram de um pênalti, em cima do próprio Yarmolenko. O VAR foi acionado, mas, o juiz nada marcou.

2º Tempo: Pressão ucraniana

Mesmo com Gales jogando em casa com sua calorosa torcida, a seleção ucraniana pressionava. Aparentemente, o gol da Ucrânia era só questão de tempo para acontecer. O único grande susto que os ucranianos tomaram foi na finalização de Brennan Johnson, aos 29 minutos, que bateu na trave.

Em geral, a posse de bola estava sempre com os visitantes. Eles ditavam o ritmo da partida. Tanto é que chances de gols foram saindo uma atrás da outra. Destaque para Yarmolenko que foi desarmado bem na frente do gol, Malinovskyi que chutou para fora com o goleiro já fora do lance, Davies que salvou uma em cima da linha e Dovbyk que cabeceou no canto esquerdo para defesa de Hennessey.

Em suma, era um lance ucraniano atrás do outro, com Gales se fechando na sua linha de defesa. No final das contas, o jogo terminou 1 x 0 para felicidade dos Galeses, em especial o goleiro Hennessey; o grande herói da partida.

País de Gales x Ucrânia – O que acontece agora?

Em guerra contra a Rússia, desde 24 de fevereiro, a Ucrânia teve seu sonho despedaçado. A esperança de classificação era gigante, e seria um alento para um país que vem sofrendo com os horrores da guerra.

Antes do início da partida, os jogadores da Ucrânia entraram no gramado enrolados com a bandeira do país — gesto que já tinha acontecido no jogo anterior. Durante a partida, era possível identificar o grito da sigla “ZSU” vindo dos torcedores ucranianos. A sigla significa Zbroini Syly Ukrainy (Forças Armadas da Ucrânia), uma homenagem ao seu povo que está lutando contra as tropas russas.

Além disso, os atletas das duas seleções se ajoelharam no campo antes do apito inicial sob aplausos.

Por outro lado, País de Gales fechou o Grupo B do Mundial, com estreia marcada para o dia 21 de novembro, às 16h (de Brasília), no estádio Ahmed bin Ali, contra os Estados Unidos. As seleções de Irã e Inglaterra completam a chave.