Os 10 clubes ingleses com mais seguidores nas redes sociais

0
1233
Jack Thomas/Getty Images
Jack Thomas/Getty Images

Que o futebol se tornou um dos maiores negócios do mundo nas últimas décadas não é novidade pra ninguém. No entanto, assim como outras grandes empresas ao redor do mundo, a presença dos clubes nas redes sociais é vital. Por isso, a PL Brasil organizou a lista dos dez clubes ingleses com mais seguidores nas redes sociais

Por diversos motivos, a Inglaterra foi um dos primeiros países a ter sua principal liga e seus clubes geridos como empresas e marcas. Isso mostra que a midiatização do futebol inglês sempre foi muito forte. A TV foi, e ainda é, sua principal plataforma, porém as redes sociais são grandes aliadas para atrair público. 

Nesse sentido, a nossa lista se baseia em três redes sociais – Twitter, Facebook e Instagram – e nos números que cada clube conseguiu no somatório entre seus seguidores nas redes, apenas nas contas primárias. Além do estreitamento de relação com o torcedor local, na Premier League, as redes sociais tem outras funções vitais. 

Leia mais: Os 10 patrocínios inusitados de times ingleses

Os indicativos da expansão de público

Por ser, talvez, a liga mais globalizada do mundo, os clubes da Premier League utilizam as redes sociais como uma maneira muito eficaz de se conectar e expandir fronteiras, alcançando novos públicos em outros países e continentes. Vale destacar que, no Twitter, Chelsea, Manchester City e Tottenham investiram em contas oficiais na língua portuguesa.

Um caso muito claro é o do Manchester United, que além de já ser uma potência interna no país, passou muito bem pelo processo de internacionalização da marca ainda nos anos 2000, no começo da era mais popular da internet. Quem também conseguiu destaque nessa época foi o Arsenal

Inegavelmente, só o trabalho de marca não é suficiente. Os resultados dentro de campo também colaboram muito para esse processo de expansão, assim como as estrelas das equipes.

PL BRASIL NO YOUTUBE – MAIORES CAMPEÕES DO FUTEBOL INGLÊS

Afinal, quantas pessoas não começaram a torcer para o Liverpool por conta de Steven Gerrard? Para o Chelsea por conta de Frank Lampard? Mais recentemente, quantos não passaram a acompanhar o Manchester City de perto, por conta de Pep Guardiola?

No início do século, muitas ações dos clubes não eram voltadas exclusivamente para expansão, mas acabaram se tornando bons gatilhos para atrair público. Com o passar do tempo, as decisões das diretorias começaram a levar em conta também o potencial de abrangência que pode ser atingido. 

Sobretudo, o bom alcance de público nas redes sociais faz parte de um grande ciclo sem fim. Um time com bons resultados dentro de campo, bons jogadores e alto poder de investimento, teoricamente despertará o interesse do público com mais facilidade. Isso fica explícito na nossa lista dos clubes com mais seguidores nas redes sociais, que segue abaixo:

10. Southampton

Alguns fatores como as recentes campanhas do Southampton e a presença de grandes jogadores promissores que acabaram evoluindo bastante no clube explicam a presença do time na lista.

Nº de seguidores do Southampton nas redes sociais:
Twitter: 1,2 milhões
Instagram: 0,8 milhão
Facebook: 3 milhões
Total: 5 milhões

9. Aston Villa

O Aston Villa se baseia na sua forte e fiel torcida, que há muito tempo não comemora títulos. Ao longo desses anos, o time chegou a frequentar muitas vezes a segunda divisão inglesa. Esses fatores fizeram com que o potencial de alcance do Aston Villa fosse reduzido nas redes sociais. Todavia, para os últimos anos da equipe, a presença nessa lista dos clubes ingleses com mais seguidores nas redes sociais, é, de certo modo, surpreendente.

Nº de seguidores do Aston Villa nas redes sociais:
Twitter: 1,3 milhões
Instagram: 0,8 milhão
Facebook: 3,1 milhões
Total: 5,2 milhões

Leia mais: As chuteiras dos jogadores destaques da Premier League

8. Everton

Vote for your Player, Young Player and Goal of the Season! ????

Posted by Everton Football Club on Thursday, July 9, 2020

Mais um clube inglês bastante tradicional. O Everton viveu seu auge nos anos 1980 e não conquista um título há 25 anos, porém em todo esse tempo não deixou de ser uma equipe tradicional e com bons valores. Apesar disso, não conseguiu atrair tanto público ao longo dos últimos anos.

Nº de seguidores do Everton nas redes sociais:
Twitter: 2 milhões
Instagram: 1,6 milhões
Facebook: 3,1 milhões
Total: 6,7 milhões

7. Leicester 

Os Foxes são um claro exemplo de que o sucesso em campo gera frutos em outros lugares. Depois do inesperado título da Premier League na temporada 2015/2016, o Leicester City despertou a atenção de todo o público que acompanhava o campeonato. Pela fantástica história, o clube conquistou a simpatia de muitos, que passaram a acompanhar o clube com maior proximidade.

Nº de seguidores do Leicester nas redes sociais:
Twitter: 1,5 milhões
Instagram: 4,2 milhões
Facebook: 6,6 milhões
Total: 12,3 milhões

6. Tottenham

Posted by Tottenham Hotspur on Tuesday, July 7, 2020

 

Mesmo sendo bem tradicional na Inglaterra, o Tottenham demorou um pouco mais que seus rivais para expandir suas fronteiras. Seu crescimento é relacionado com o sucesso do clube nos últimos anos, e ligado a alguns craques que chamaram e chamam a atenção, como Gareth Bale, Harry Kane e Son.

Nº de seguidores do Tottenham nas redes sociais:
Twitter: 4,4 milhões
Instagram: 8,2 milhões
Facebook: 16,6 milhões
Total: 29,2 milhões

5. Manchester City

Provavelmente o Manchester City seja o maior case dos últimos 15 anos. Desde a chegada da Abu Dhabi United Group em 2008, o City viveu uma verdadeira revolução. Não só dentro de campo, mas fora também. Além de trabalhar muito bem seus atletas para conquistar títulos, hoje o Manchester City também é um dos clubes que melhor trabalha sua marca globalmente, com o propósito de ter uma expansão cada vez mais rápida.

Nº de seguidores do Manchester City nas redes sociais:
Twitter: 8 milhões
Instagram: 19,3 milhões
Facebook: 40 milhões
Total: 67,3 milhões

4. Arsenal

Os Gunners tem trajetória muito parecida com o Manchester United, clube com o qual brigava diretamente por títulos no início do século XXI e no final dos anos 1990. Após momentos mágicos, títulos inesquecíveis e legítimos craques, o Arsenal estagnou dentro de campo. É provável que isso tenha influenciado negativamente a expansão de sua torcida fora da Inglaterra nos últimos 10 anos.

Nº de seguidores do Arsenal nas redes sociais:
Twitter: 15,8 milhões
Instagram: 17,6 milhões
Facebook: 37,1 milhões
Total: 70,5 milhões

Leia mais: 15 anos depois do último título dos “Invincibles”, o que aconteceu com o Arsenal?

3. Liverpool

Embalados por Steven Gerrard ao longo dos últimos 20 anos, o Liverpool já era muito grande na Inglaterra, e viu Stevie se tornar referência e conseguir atrair diversos fãs para o clube ao redor do mundo. Apesar de não ter sido um período tão vitorioso, as emblemáticas vitórias da Liga dos Campeões de 2005 e os títulos mais recentes foram grandes catalisadores de público para os Reds ocuparem o terceiro lugar.

Nº de seguidores do Liverpool nas redes sociais:
Twitter: 14,9 milhões
Instagram: 26,6 milhões
Facebook: 36,5 milhões
Total: 78 milhões

2. Chelsea

O time londrino teve um grande aumento em sua marca desde que foi comprado por Roman Abramovich. Contratações badaladas, fortes ídolos no período e títulos importantes foram vitais para a expansão do público do Chelsea ao longo do tempo.

Nº de seguidores do Chelsea nas redes sociais:
Twitter: 14,4 milhões
Instagram: 22,4 milhões
Facebook: 48,0 milhões
Total: 84,8 milhões

1. Manchester United

Os Red Devils são o maior case de sucesso da história da Premier League. O clube soube se impor nas mídias digitais desde o início do século XXI. Ademais, as grandes conquistas da era Alex Ferguson e ótimos jogadores, o clube alcança diretamente 131 milhões de pessoas nas três plataformas, sendo o terceiro no ranking mundial de clubes com mais seguidores nas redes sociais, apenas atrás de Barcelona e Real Madrid.

Nº de seguidores do Manchester United nas redes sociais:
Twitter: 22,2 milhões
Instagram: 36 milhões
Facebook: 73,2 milhões
Total: 131,4 milhões

Leia mais: Manchester United em filmes da 20th Century Fox? Entenda e assista