Onde estavam os 23 da Inglaterra há quatro anos?

Confira o nosso levantamento

1
248
Inglaterra

Depois do vexame da Copa de 2014, a Inglaterra decidiu fazer uma renovação e pudemos ver várias mudanças na convocação para a Copa do Mundo na Rússia. Dos 23 selecionados, apenas cinco jogadores fizeram parte do grupo em 2014. A média de idade dos Three Lions para esta Copa é de 25,65: a menor desde 1962.

Com a estreia de 18 jogadores em uma Copa do Mundo, é lógico imaginar que muitos deles ainda estavam buscando uma afirmação em sua carreira há quatro anos. Veja onde cada atleta estava atuando na temporada que antecedeu o torneio mundial no Brasil!

Jack Butland – Butland foi contratado pelo Stoke City ao final da temporada 2012/13 vindo do Birmingham, mas na temporada seguinte permaneceu na Championship atuando pelo Leeds, por empréstimo. Ele somou 16 partidas pelo clube naquela jornada.

Jordan Pickford – O atual goleiro do Everton atuava na terceira divisão inglesa no ano da Copa de 2014, pelo Carlisle United. Só receberia chances no Sunderland duas temporadas depois. Pickford chegou no Goodison Park pela expressiva quantia de 25 milhões de libras, e hoje é o goleiro titular da seleção inglesa.

Nick Pope – O goleiro do Burnley foi ainda mais longe que seus companheiros de seleção e atuava na quarta divisão do futebol inglês em 2014, pelo York City. Ele atuou em 24 partidas naquela temporada.

Pope atuando pelo York City na temporada 2013/14. (Foto: Getty)

Trent Alexander-Arnold – Jogador mais novo a compor os 23 escolhidos por Gareth Southgate, Alexander-Arnold ainda atuava nas divisões de base do Liverpool em 2014.

Gary Cahill – Cahill já era um jogador consolidado em 2014, tanto que foi um dos poucos da atual lista que também esteve presente no Brasil. O zagueiro foi um dos pilares do Chelsea naquela temporada, atuando por 30 vezes na liga. Foi titular em todos os três jogos da seleção na Copa de 2014.

Cahill fez parte do vexame da seleção inglesa em 2014. (Foto: Getty)

Phil Jones – Na temporada 2013/14 atuava pelo Manchester United e foi regular, jogando 26 partidas na Premier League. Outro que disputa a sua segunda Copa.

Harry Maguire – Em 2013/14 atuava na terceira divisão inglesa, pelo Sheffield United, onde foi um dos destaques e pilares do time naquela campanha. Jogou por 41 vezes e marcou 5 gols. Depois daquela temporada, foi contratado pelo Hull City para jogar a primeira divisão.

Danny Rose – 2013/14 foi a primeira temporada de Rose no Tottenham, após excelente passagem pelo Sunderland. Ele atuou em 22 partidas naquela jornada. Foi convocado uma única vez para um amistoso, mas não disputou a Copa no Brasil.

John Stones – 2013/14 também foi a primeira temporada de Stones na Premier League, onde atuou pelo Everton. Somou 21 partidas naquela temporada e a partir dali foi ganhando mais chances até que foi vendido para o City por um preço exorbitante. Disputa sua primeira Copa.

Kieran Trippier – Uma das gratas surpresas da seleção inglesa até aqui, Trippier foi um jogador importante do Burnley na temporada 2013/14, e ajudou o time a subir para a Premier League ao final daquela jornada. Foram 41 partidas realizadas. Jogaria mais uma temporada pelo Burnley antes de ser contratado pelo Tottenham.

LEIA MAIS:
Disputa de pênaltis: o drama da Inglaterra em competições
Como foram os jogadores da Premier League na fase de grupos da Copa do Mundo
A Inglaterra em segunda fase de Copas do Mundo: estatísticas e curiosidades

Kyle Walker – Walker fez uma temporada consistente pelo Tottenham em 2014 e até chegou a ser convocado em partidas das eliminatórias, mas não esteve entre os 23 que foram para o Brasil.

Ashley Young – Atuando pelo Manchester United desde 2011, é curioso notar que esta é a primeira Copa do Mundo de Ashley Young, mesmo tendo feito sua estreia pelos Three Lions em 2007. Na temporada que antecedeu a Copa no Brasil, Young fez 20 jogos pela Premier League com a camisa dos Red Devils.

Ashley Young disputa sua primeira Copa do Mundo. (Foto: Sky Sports)

Jordan Henderson – Um dos poucos remanescentes da Copa de 2014, Henderson atuou em 35 partidas da PL pelo Liverpool na temporada que antecedeu o torneio mundial no Brasil. Desde então, cresceu de produção e hoje é importantíssimo no esquema de Gareth Southgate, sendo um dos mais experientes do grupo na Rússia.

Fabian Delph – Delph é mais um caso de um jogador que, mesmo já tendo certa rodagem, disputa sua primeira Copa do Mundo pela Inglaterra. Na temporada 2013/14, o meio-campista que agora é lateral ainda atuava no Aston Villa, sendo uma das referências do time.

Pelo Aston Villa, Delph ganhou notoriedade. (Foto: Getty)

Eric Dier – Volante que também atua de zagueiro, Dier é o único jogador entre os convocados que não foi formado por um clube inglês. Ele se mudou para Portugal quando tinha sete anos de idade e foi revelado pelo Sporting, ficando por lá até ser comprado pelo Tottenham. A temporada 2013/14 foi a última do atleta em Portugal, onde foi pouco utilizado pelo clube luso.

Dier em ação pelo Sporting. (Foto: PA)

Jesse Lingard – Lingard fez parte do conhecido sistema de empréstimos da Inglaterra. O meio-campista passou por vários clubes antes de engrenar de vez no Manchester United. Na temporada que antecedeu a Copa de 2014, o meia ofensivo atuou pelo Brighton, que ainda estava na segunda divisão inglesa. Foram 17 jogos e quatro gols.

Ruben Loftus-Cheek – Seguindo o exemplo do Lingard, Loftus-Cheek pertence ao Chelsea mas ainda não se firmou no time londrino, sendo emprestado constantemente para ganhar rodagem. Em 2013/14 ainda atuava na base dos Blues, fazendo sua estreia na temporada seguinte.

Loftus-Cheek foi revelado pelo Chelsea mas vê o seu futuro cada vez mais longe do Stamford Bridge. (Foto: Getty)

Harry Kane – 2013/14 foi a primeira temporada onde Harry Kane ganhou chances de verdade no Tottenham. A partir disso, nunca mais saiu por empréstimo e se tornou simplesmente a maior estrela do clube londrino e da seleção inglesa.

Marcus Rashford – Rashford ainda estava se desenvolvendo na academia do Manchester United em 2014. O jogador só estrearia no time principal na temporada 2015/16.

Raheem SterlingUm verdadeiro vencedor na vida, Sterling atuava no Liverpool em 2013/14, onde naquela temporada realizou 33 partidas pela Premier League e marcou nove gols. Apesar de jovem, Sterling disputou a Copa do Mundo no Brasil.

Sterling começou a sua carreira no Liverpool. (Foto: Talk Sport)

Danny Welbeck – Nome mais contestado entre os 23 selecionados da Inglaterra para a Copa, Welbeck fez 31 jogos pelo Manchester United em 2013/14, marcando 10 gols. Welbeck hoje atua no Arsenal, e mesmo sem ter feito muita coisa em sua carreira, já tem duas Copas do Mundo no currículo.

Jamie Vardy – Suplente de luxo na seleção inglesa, Vardy já atuava pelo Leicester na temporada 2013/14, mas os Foxes estavam na segunda divisão. O atacante marcou 16 gols em 34 jogos, ajudando o clube a subir para a elite. Vardy fez sua estreia na seleção em 2015.

Jamie Vardy foi o artilheiro do Leicester na temporada 2013/14. (Foto: Getty)

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.