Favorita, surpresa, decepção… Como chegam as seleções europeias para as oitavas da Copa do Mundo feminina?

7 minutos de leitura

A fase de grupos da Copa do Mundo feminina 2023 se encerrou nesta quinta-feira (2). Com a vitória do Marrocos sobre a Colômbia e o empate entre Alemanha e Coreia do Sul, estão definidas as 16 seleções classificadas para a fase de mata-mata do torneio.

Das 12 europeias que iniciaram a competição, oito se classificaram para a fase seguinte. O único confronto que não envolve equipes da Europa será Colômbia x Jamaica, que acontece na terça (8), às 5h.

Veja como as seleções do Velho Continente chegam para as oitavas de final da Copa do Mundo Feminina:

Suíça x Espanha

Ana Crnogorcevic suíça copa do mundo feminina
Foto: Icon Sport

A Suíça não está entre as grandes potências europeias no futebol feminino. Fazendo apenas sua segunda participação em Copas, a seleção chegou nesta edição por meio da repescagem e deu a sorte de cair em um grupo acessível.

Dentro de campo, as suíças conseguiram controlar bem os jogos apostando na posse de bola, mas não conseguiram ser tão eficientes no ataque. Isso se deve, em partes, à atuação de Ana-Maria Crnogorcevic, atleta do Barcelona, que tem deixado a desejar.

Independente do resultado, a Suíça já faz uma campanha história por conseguir chegar às oitavas de final, assim como em 2015, e em primeiro lugar no grupo. Porém, será preciso mostrar algo a mais se quiser conquistar uma inédita classificação para as quartas. Se o trio Crnogorcevic, Ramona Bachmann, do PSG, e Lia Walti, do Arsenal, estiver em um dia inspirado, é possível sonhar.

seleção espanha
Foto: Twitter/@SEFutbolFem

A Espanha, por sua vez, chega em uma situação complexa. Até a segunda rodada, La Roja vinha construindo uma classificação tranquila para o mata-mata, vencendo a Costa Rica e aplicando uma goleada sobre a Zâmbia.

Porém, mesmo com os resultados expressivos, as partidas mostraram grandes buracos na defesa que poderiam ser explorados por uma seleção mais forte. E foi exatamente o que aconteceu no jogo contra o Japão. As Nadeshiko fizeram um sonoro 4 a 0 e permaneceram no primeiro lugar do grupo C.

As espanholas são favoritas no confronto contra a Suíça, seja pelo histórico das partidas anteriores à Copa, seja pelo que ambas têm apresentado em campo. Entretanto, o treinador Jorge Vilda precisa acertar o setor defensivo se não quiser levar um susto. Além disso, é importante ser mais eficiente no ataque. A Espanha é uma equipe que troca muitos passes e finaliza bastante, mas a bola pouco acerta o alvo.

Suíça x Espanha – onde assistir, horário e canal

  • Data e hora: 5 de agosto de 2023, às 2h (horário de Brasília).
  • Local: Eden Park, em Auckland, na Austrália.
  • Onde assistir ao vivo: CazeTV e Fifa+.

Japão x Noruega

caroline graham hansen noruega barcelona
Foto: Icon sport

Entre as classificadas, a Noruega é a grande decepção europeia nesta Copa do Mundo. Com um elenco recheado de estrelas, a seleção era tida como favorita em um grupo tranquilo, mas seu desempenho quase pôs tudo a perder.

As norueguesas não têm demonstrado um bom jogo coletivo e suas principais jogadoras Caroline Graham Hansen, do Barcelona, e Ada Hegerberg, do Lyon, ainda não mostraram a que vieram. A equipe jogou as primeiras partidas com pouco entrosamento, mas garantiu a classificação com uma goleada sobre a estreante Filipinas.

A situação nos bastidores também não é das melhores. Os dias anteriores à goleada foram agitados, com Graham Hansen mandando indiretas para a técnica Hege Riise após o jogo contra a Suíça, revelando um mal estar interno. Além disso, Ada ficou de fora das duas últimas partidas por um desconforto na virilha.

Caberá à Riise lidar com essas questões para tentar passar de fase contra um Japão extremamente organizado e efetivo, sendo considerado por analistas como a melhor seleção na fase de grupos. De acordo com o site norueguês “Nettavisen Sport”, Ada estará disponível para a partida. Sua presença é essencial para manter vivo o sonho de um bicampeonato.

Japão x Noruega – onde assistir, horário e canal

  • Data e hora: 5 de agosto de 2023, às 5h (horário de Brasília).
  • Local: Sky Stadium, em Wellington, na Nova Zelândia.
  • Onde assistir ao vivo: CazeTV e Fifa+.

Holanda x África do Sul

Foto: Icon sport

Se a Noruega foi a grande decepção, a Holanda foi a melhor surpresa entre as equipes do velho continente. Longe de ser a potência que chegou à final da Copa do Mundo de 2019, na França, as leoas laranjas não chegaram a esta edição como favoritas ao título, mas estão fazendo boas apresentações até aqui.

O treinador Andries Jonker assumiu o comando da seleção em 2022 e encontrou um esquema tático que funciona para a equipe, atuando com três zagueiras. Após cair nas quartas de final da Eurocopa contra a França, a Holanda parece ter conseguido superar a ausência da craque Vivianne Miedema, atacante do Arsenal que está fora da Copa por uma lesão no LCA.

Além da intervenção do técnico, dá para creditar o primeiro lugar das leoas laranjas a jogadoras que estão fazendo uma boa copa, mesmo vindo de uma temporada apagada em seus clubes, como Lieke Martens, do PSG.

A Holanda é favorita contra a África do Sul, mas não terá vida fácil. A seleção venceu a última Copa das Nações Africanas Feminina e obteve uma classificação histórica para as oitavas com belas apresentações em todos os jogos da fase de grupos.

Holanda x África do Sul – onde assistir, horário e canal

  • Data e hora: 5 de agosto de 2023, às 23h (horário de Brasília).
  • Local: Allianz Stadium, em Sidney, na Austrália.
  • Onde assistir ao vivo: CazeTV e Fifa+.

Suécia x Estados Unidos

Suécia x África do Sul Copa do Mundo feminina
Foto: Iconsport

A Suécia é uma das três seleções que chegam com 100% de aproveitamento para as oitavas de final. No entanto, os nove pontos conquistados não refletem um futebol vistoso dentro de campo.

Apesar de ter concretizado o favoritismo pela liderança do grupo G, a equipe não apresentou o desempenho esperado de quem ocupa o terceiro lugar no ranking da Fifa. Dá para colocar as três vitórias na conta da bola parada, grande forte dessa equipe. Dos nove gols marcados até agora, seis nasceram desse tipo de jogada.

Ainda há tempo para o técnico Peter Gerhardsson extrair o que há de melhor do plantel, que conta com jogadoras como Fridolina Rolfo, do Barcelona, Amanda Ilestedt, do Arsenal. E se há um momento para eliminar o sempre favorito Estados Unidos, a hora é agora. As americanas se classificaram em segundo lugar no grupo E e por pouco não foram eliminadas por Portugal.

Suécia x Estados Unidos – onde assistir, horário e canal

  • Data e hora: 6 de agosto de 2023, às 6h (horário de Brasília).
  • Local: AAMI Park, em Melbourne, na Austrália.
  • Onde assistir ao vivo: CazeTV e Fifa+.

Inglaterra x Nigéria

lauren james inglaterra copa do mundo feminina
Foto: Icon sport

Inglaterra x Nigéria tem tudo para ser um dos melhores jogos das oitavas de final. De um lado, a campeã da Eurocopa de 2022. Do outro, a equipe africana que participou de todas as Copas do Mundo femininas e que possui uma das defesa menos vazadasda competição, sofrendo apenas dois gols.

As Lionesses fizeram dois jogos iniciais fracos e deixaram seus torcedores ainda mais preocupados com a lesão de Keira Walsh, principal jogadora da equipe. No entanto, contra a China, a técnica Sarina Wiegman parecer ter encontrado o caminho das pedras para estruturar o time sem a meio-campista do Barcelona.

Chegando às oitavas com 100% de aproveitamento, a Inglaterra é favorita contra a Nigéria e pode contar com mais uma atuação iluminada de Lauren James, do Chelsea, para coroar o avanço às quartas.

Entretanto, se há alguém que pode interromper o sonho das leoas inglesas é Chiamaka Nnadozie, do Paris FC. Após a Copa do Mundo de 2019 e os Jogos Africanos daquele mesmo ano, ela foi eleita como melhor goleira do continente pelo IFFHS. Na Europa, ela ajudou o Paris a se classificar para a Champions League 2023/24. Sua atuação tem chamado atenção no torneio e pode complicar a vida da Inglaterra.

Inglaterra x Nigéria – onde assistir, horário e canal

  • Data e hora: 7 de agosto de 2023, às 4h30 (horário de Brasília).
  • Local: Suncorp Stadium, em Brisbane, na Austrália.
  • Onde assistir ao vivo: CazeTV e Fifa+.

Austrália x Dinamarca

pernille harder dinamarca copa do mundo feminina
Foto: Icon Sport

A Dinamarca também faz parte das seleções europeias que não figuram entre as mais tradicionais da modalidade. No entanto, o futebol do país vem se desenvolvendo nos últimos anos, o que tem gerado frutos. Alguns exemplos claros são a presença da maioria das convocadas em equipes das principais ligas do mundo e as marcas alcançadas por Pernille Harder, reforço do Bayern de Munique para a próxima temporada, que foi escolhida como Bola de Ouro em 2018 e 2020.

A equipe tinha tudo para fazer uma boa campanha e conseguiu avançar para as oitavas pela terceira vez em suas cinco participações. Porém, as dinamarquesas ainda não mostraram tudo o que são capazes de fazer em campo. Mesmo nas duas vitórias na fase de grupos, o time se apresentou engessado e Harder só apareceu na prática na última partida.

De qualquer forma, o elenco dinamarquês está longe de ser ruim e tem um bom equilíbrio entre jogadoras experientes e mais jovens, como a meio-campista Kathrine Kuhl, do Arsenal. Se conseguir encontrar um bom ritmo, dá para passar da Austrália, que não mostrou sinais claros de sobrevida sem a presença da craque Sam Kerr. A atacante do Chelsea se lesionou antes do primeiro jogo e ainda não entrou em campo nesta Copa do Mundo.

Austrália x Dinamarca – onde assistir, horário e canal

  • Data e hora: 7 de agosto de 2023, às 7h30 (horário de Brasília).
  • Local: Accor Stadium, em Sidney, na Austrália.
  • Onde assistir ao vivo: CazeTV e Fifa+.

França x Marrocos

frança x brasil copa do mundo feminina
Foto: Icon sport

Carrasca da seleção brasileira, a França não chegou nesta Copa como uma postulante ao título devido aos bastidores conturbados e às importantes jogadoras que ficaram de fora por lesões.

Les Bleues estão sob um novo comando desde abril de 2022 com Hervé Renard, técnico com experiência internacional, mas que nunca havia trabalhado com futebol feminino antes. O treinador substitui Corinne Diacre, com quem várias atletas tiveram problemas de relacionamento, a ponto de pedirem dispensa da seleção após a eliminação na Eurocopa de 2022.

Tendo que lidar com a ausência das lesionadas Delphine Cascarino, do Lyon, e Marie-Antoinette Katoto, do PSG, a França não fez uma boa estreia no torneio contra a Jamaica, mas as vitórias contra o Brasil e Panamá aumentaram a confiança e garantiram o primeiro lugar no grupo F.

Contando com a ajuda das veteranas do Lyon, Le Sommer e Wendie Renard, e o talento da goleadora Kadidiatou Diani, do PSG, as francesas são favoritas contra o estreante Marrocos e têm tudo para avançar na competição, especialmente se seguir investindo no seu grande truco: a bola aérea.

França x Marrocos – onde assistir, horário e canal

  • Data e hora: 8 de agosto de 2023, às 8h (horário de Brasília).
  • Local: Hindmarsh Stadium, em Adelaide, na Austrália.
  • Onde assistir ao vivo: CazeTV e Fifa+.
Maria Tereza Santos
Maria Tereza Santos

Jornalista pela PUC-SP. Na PL Brasil, escrevo sobre futebol inglês masculino E feminino, filmes, saúde e outras aleatoriedades. Também gravo vídeos pras redes e escolhi o lado azul de Merseyside. Antes, fui editora na ESPN e repórter na Veja Saúde, Folha de S.Paulo e Superesportes.