Oficial: Lazio fecha com goleiro titular da Serie A TIM

1 minuto de leitura

A gigante Lazio anunciou oficialmente a contratação de um novo goleiro nesta segunda-feira (8). Assim, o italiano Ivan Provedel veio do Spezia, time da Serie A TIM, após longas rodadas de conversação entre os clubes, que acabaram culminando em um acordo de dois milhões e meio de euros, mais adicionais, pelo jogador. A princípio, foi combinado com o atleta um salário anual de 1,2 milhões de euros, em contrato válido até agosto de 2027.

Aliás, o italiano vem para disputar a titularidade com Luís Maximiano. Este que, inclusive, também chegou nesta janela, em um acordo de compra junto ao Granada de 10 milhões de euros. Assim, Provedel, sendo cinco anos mais velho do que o arqueiro português, deve ser uma opção mais imediata para a Lazio por possuir mais experiência de jogo em alto nível.

O acordo conseguido pela Lazio por Provedel representa o fim de uma verdadeira novela entre o clube e o Spezia. Ademais, as tratativas para a aquisição dos direitos do jogador começaram ainda no início de julho, mas com muitos entraves. Por fim, o negócio foi fechado e o goleiro já realizou todos os exames médicos em Roma nesta segunda-feira.

Ao chegar no centro médico do clube, Provedel deu breves palavras sobre a sua chegada na Lazio: “Estou muito feliz por estar aqui”.

A carreira do novo goleiro da Lazio

O arqueiro construiu toda a sua carreira em times italianos, e foram muitos. A saber, Provedel passou por dois clubes diferentes antes da sua estreia profissional, a Udinese e o Chievo. Deste último, o jogador, que é o novo reforço da Lazio, partiu para o Pisa, por empréstimo. Assim, foram mais três períodos emprestado a outros clubes, o Perugia, o Modena e o Pro Vercelli, até o Empoli o contratar do clube de Verona em definitivo. Por fim, o Spezia, em 2020, contratou o jogador, que saiu depois do fim de contrato com os Gli Azzurri.

João Victor Santos
João Victor Santos

Sou João, brasileiro, um jovem sonhador de 24 anos e amante de futebol desde que me lembro. Tudo que eu sofro com o São Paulo, o Liverpool me recompensa (quase tudo).