Conheça os novos icons da Premier League no FIFA 20

Seis novos icons do FIFA 20 fizeram história na Premier League

0
652
icons drogba fifa 20
Credit EA Sports

Costumeiramente lançado no final de setembro, o FIFA sempre causa alvoroço e ansiedade nos fãs no começo desse mês. A nova edição será lançada no dia 27, mas várias novidades já foram anunciadas. Entre elas, os novos icons do Fifa 20.

Cada jogador lendário tem três cartas especiais. Normalmente é uma referente ao começo de sua trajetória, outra no auge da carreira, chamada de prime e uma terceira em homenagem à reta final dele nos gramados.

Os icons surgiram no FIFA 14 e até então, tínhamos 74 lendas ao todo, sendo 26 com histórico na Premier League. Nesta nova edição, a EA Sports acrescentou mais 14 nomes. Seis deles fizeram história na Inglaterra e, se caso você ainda não os conheça, a PL Brasil te apresenta antes do lançamento do FIFA 20

Conheça os novos icons do FIFA 20

Kenny Dalglish

King Kenny é uma lenda do Liverpool. Ele jogou pelos Reds de 1977 até 1990, onde disputou 502 jogos e marcou 179 gols. Também fez parte do período mais vitorioso do Liverpool, ganhando oito vezes o Campeonato Inglês, quatro copas da Liga e três vezes a Champions League.

Além os títulos coletivos, Kenny é muito reconhecido individualmente também. Em 2009 a revista FourFourTwo o nomeou como o maior atacante do futebol britânico. Em 1983 foi eleito o segundo melhor jogador do mundo pela France Football, ficando atrás apenas de Michael Platini.

Icon
Credit EA Sports

Os stats são bem fiéis ao talento do escocês. Muito rápido, liso e com ótima finalização. A versão prime de Dalglish com certeza será infernal no FIFA 20.

Ian Rush

Os torcedores do Liverpool com certeza ficaram bem felizes com os anúncios da EA Sports. Ian Rush é outra lenda de Alfield e ex-parceiro de Dalglish no ataque dos Reds na década de 1980. O galês sempre foi um exímio finalizador e venceu a chuteira de ouro da France Football em 1983.

Icon
Credit EA Sports

Foram duas passagens pelo Liverpool (1980-1987; 1988-1996) somando 15 temporadas e 662 jogos com 346 gols. Rush é o maior artilheiro da história do Liverpool e também no clássico contra o Everton.

A exemplo de seu ex-parceiro de ataque, Ian Rush tem uma carta poderosa no game. Apesar de ter menos velocidade e drible, ele compensa com um bom físico e uma ótima finalização.

Michael Essien

Vindo do Lyon em 2005, Essien marcou época no Chelsea. Foram 10 temporadas e 256 jogos em Stanford Bridge. Na bagagem ele leva quatro Copas da Inglaterra, dois títulos da Premier League e a Uefa Champions League em 2011-12.

Icon
Credit EA Sports

O ganês chega no FIFA 20 com uma carta de respeito. Com velocidade, defesa e um ótimo físico, Essien parece ser uma versão mais barata de Patrick Vieira. É provável que o volante seja um dos icons mais usados como meta nas primeira semanas do game.

Ian Wright

Os Gunners ganharam mais um motivo para comprar o FIFA 20. Ian Wright é uma das novidades deste ano. O inglês começou a carreira pelo Crystal Palace em 1984 onde jogou ficou sete temporadas, disputou 225 jogos e marcou 90 gols. Em 1991 foi jogar no Arsenal e aterrorizou defesas inglesas marcando 185 vezes em 288 jogos.

Ele ainda jogou por West Ham, Nottingham Forest e encerrou a carreira no Burnley, em 2000.

Icon
Credit EA Sports

Wright tem muita velocidade e poder de finalização. O passe e o físico podem prejudicá-lo, mas não deixa de ser uma ótima opção. Aliás, esses stats menores podem ajudar a baixar o preço do inglês, o quê é bom para o torcedor do Arsenal que queira montar um elenco histórico no FIFA.

John Barnes

icons
Credit EA Sports

Barnes é mais um atacante que fez história no Liverpool. De 1987 até 1997 foram 314 jogos e 84 gols. Inclusive, John participou do último título inglês conquistado pelo clube em 1990. Antes dos Reds, ele explodiu no Watford em 1981 onde levou o clube ao vice-campeonato inglês e uma final de Copa da Inglaterra.

John Barnes é um dos icons mais interessantes dessa nova fornada. Consegue ser rápido, técnico e muito forte, então, com certeza é candidato a ser meta do game nas primeira semanas.

Leia mais: Por que a Premier League tem um campeonato de FIFA 19?

Didier Drogba

Uma das maiores lendas do Chelsea, Drogba chega ao FIFA 20 sendo também um dos melhores icons do jogo. O marfinense disputou dez temporadas pelos Blues com 164 gols em 381 jogos. Entre esses, o mais importante da história do clube: o gol ao 88 minutos que levou a final da UEFA Champions League para os pênaltis em 2012. Nesse mesmo dia ele marcou o pênalti do título e foi eleito o melhor em campo.

Didier era um máquina de conquistas. Venceu quatro vezes a Premier League, quatro vezes a Copa da Inglaterra, e três a Copa da Liga. Foi eleito para o Time do Ano da FIFA em 2007 e artilheiro da Premier League em 2006-07 e 2009-10.

Icon
Credit EA Sports

Drogba chega para ser meta até o do FIFA 20. É um dos atacantes com mais físico no jogo, além de um chute precioso e uma velocidade absurda. O marfinense vai ser um daqueles icons super caros e que será bastante usado nos campeonatos oficiais.

O FIFA 20 será lançado no dia 27 de setembro no Brasil com versões que variam de R$238,99 até R$388,99