Neymar comete primeira gafe na Arábia Saudita

1 minuto de leitura

Maior contratação da história feita por um clube não europeu, Neymar, chegou ao Al-Hilal nesta semana e fez seu primeiro treino com a equipe neste sábado (26). O atacante brasileiro foi contratado por 90 milhões de euros (R$ 483,5 milhões) em uma negociação com o Paris Saint-Germain.

Neymar chegou ao seu novo clube em um jatinho do príncipe Alwaleed bin Talal, avaliado em mais de 1 bilhão de reais. Porém, mesmo com a bela recepção, o jogador brasileiro acabou cometendo um erro grave. Ele carregava um crucifixo cravejado de diamantes. A imagem precisou ser borrada em sites locais, já que, no país islâmico, é proibido exibir símbolos religiosos. A infração pode resultar até em cadeia.

2-NEYMAR-2023-8-b.jpg
Foto: Twitter/Al-Hilal

Apesar da gafe, o brasileiro foi bem recebido no clube e, em sua primeira entrevista no novo clube, evitou polêmicas e foi sucinto.

“Conquistei muito na Europa e aproveitei momentos especiais, mas sempre quis ser um jogador global”, afirmou Neymar.

Neymar sofre trote em primeiro treino

Neymar segue em recuperação de lesão na coxa direita e ficou em Riade enquanto o Al-Hilal visitou o Al-Raed e venceu na última quinta-feira (24), em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Saudita. Porém, o atacante brasileiro apareceu treinando com bola e fazendo trabalhos na academia. O camisa 10 da seleção brasileira, inclusive, foi recebido com um banho de garrafas de água dos seus companheiros.

Salário de Neymar no Al-Hilal

Neymar receberá 320 milhões de euros (R$ 1,7 bilhão) na Arábia Saudita, incluindo salário, luvas e acordos comerciais. O valor é quase o triplo do que ganhava no PSG, mas ainda não é o maior salário do mundo. Cristiano Ronaldo, que ganha R$ 686,6 milhões por mês no Al-Nassr, e Karim Benzema, que recebe o valor mensal de R$ 87,9 milhões no Al-Ittihad, estão na frente do camisa 10 da seleção brasileira.

Romulo Giacomin
Romulo Giacomin

Formado em Jornalismo na UFOP, passou por Mais Minas, Esporte News Mundo e Estado de Minas. Atualmente, escreve para a Premier League Brasil.