Forçado, Newcastle vende Anderson por R$ 247 milhões ao Nottingham Forest

5 minutos de leitura

O Newcastle age com cautela no mercado para se livrar de possíveis punições relacionadas às regras de sustentabilidade financeira (PSR) da Premier League. Por isso, precisa vender — e perdeu forçadamente um meia por conta disso.

Isso porque o jovem meio-campista Elliot Anderson foi negociado ao Nottingham Forest, segundo o site inglês “The Athletic”. A transação vai render 35 milhões de libras (R$ 247 milhões) aos Magpies.

A venda forçada do Newcastle

Em uma decisão estratégica para se adequar às regras de lucratividade da Premier League, o clube do nordeste inglês oficializou a venda do jovem meio-campista para o Nottingham Forest. O jogador de 21 anos, cria da base do clube, assina contrato definitivo com a equipe do City Ground.

Anderson, que teve 55 aparições pelo clube desde sua estreia em 2021, se destacou em um empréstimo ao Bristol Rovers na League Two, a terceira divisão do país, durante a temporada 2021/22.

Anderson em partida do Newcastle
Anderson em partida do Newcastle (Foto: Imago/PA Sports)

Na última temporada, ele atuou em 26 partidas pelo time principal, 10 delas como titular. Apesar de um início promissor, sofreu com uma lesão nas costas que o afastou dos gramados entre outubro e março.

Os Magpies viveram semanas de apreensão para vender seus jogadores e lucrarem antes deste domingo (30), dia que se encerra o calendário fiscal para a contagem do PSR.

A transferência de Anderson segue a venda recente do ponta Yankuba Minteh para o Brighton, por cerca de 33 milhões de libras. O Newcastle buscava aliviar suas dificuldades financeiras para evitar possíveis deduções de pontos, como as sofridas por Everton e Nottingham Forest.

Os principais nomes do clube também vinham sendo especulados como possíveis saídas na próxima janela. Bruno Guimarães, Alexander Isak e Anthony Gordon, todos alvos de gigantes da Premier League, podem render cerca de 100 milhões de libras cada.

Transferência com o Forest ainda ‘ajuda’ o Newcastle

Mais do que a venda de Anderson, os Magpies também “ganharam” na transferência. Isso porque a negociação envolveu a ida do goleiro Odysseas Vlachodimos do Forest ao clube alvinegro.

Pope no Newcastle (Foto: Icon Sport)

O clube estava atrás de um goleiro nas últimas semanas, sendo ligado ao destaque da Eurocopa, Giorgio Mamardashvili. O Valencia recebeu uma proposta de 21 milhões de libras dos Magpies pelo jogador, mas recusou.

Depois de se destacar no Benfica, Vlachodimos se transferiu ao Forest em setembro do ano passado e tinha contrato até 2027. Além de Matt Turner, ex-Arsenal, o clube também contará com Carlos Miguel, que chegará do Corinthians quando a janela de transferências abrir, então decidiu ceder o goleiro grego no negócio.

O Newcastle teve que conviver com lesões de Nick Pope na última temporada e chegou a contratar Loris Karius de emergência ao longo da campanha dada a falta de goleiros.

Guilherme Ramos
Guilherme Ramos

Jornalista pela UNESP. Escrevi um livro sobre tática no futebol e sou repórter da PL Brasil. Já passei por Total Football Analysis, Esporte News Mundo, Jumper Brasil e TechTudo.

Contato: [email protected]