Napoli: como era o futebol e o mundo na última vez que o clube foi campeão italiano

13 minutos de leitura

A espera está perto de acabar. O Napoli pode ser campeão italiano neste domingo (30) depois de 33 anos. A última vez que o scudetto foi conquistado pelos Gil Azzurri foi com Diego Maradona, Careca e companhia, na temporada 1989/1990. O time de Nápoles precisa vencer a Salernitana às 10h (de Brasília), neste domingo, e torcer para que a vice-líder Lazio não vença a Inter de Milão no mesmo dia, às 7h30.

Desde o último título italiano do Napoli, o mundo passou por diversas transformações. Parece difícil visualizar, mas trata-se de um tempo em que o Brasil não era o maior campeão mundial disparado, em que o Real Madrid tinha menos da metade de títulos de Champions League de hoje, e que Palmeiras e São Paulo, agora tricampeões, sequer tinham conquistado a Libertadores.

1. Copa do Mundo: três países dividindo a liderança

No período de seca napolitana, foram disputadas oito edições da Copa do Mundo. O cenário mudou um pouco, com o Brasil deslanchando como maior vencedor. A França, à época sem título, venceu duas vezes, assim como a Espanha, em uma oportunidade. Itália, Alemanha e Argentina também se sagraram campeãs.

Títulos mundiais até 1990:

Brasil, Itália e Alemanha (venceu o terceiro dias após a conquista do Napoli) : três títulos

Argentina e Uruguai: dois títulos

Inglaterra: um título

Napoli campeão: como era o futebol no último italiano do time
Alemanha campeã do mundo em 1990 – Foto: FIFA

Leia mais:

O craque que foi recusado pela Juventus antes de brilhar no Napoli

2. Real Madrid vivia jejum na Champions

Com as conquistas recentes, o Real Madrid disparou e aumentou ainda mais a distância de títulos da Champions League para os rivais. Em 1990, os madridistas já eram os maiores vencedores, mas a disparidade não era tão grande como a dos dias atuais. O clube, inclusive, atravessa um momento de 24 anos sem a conquista, que só encerrado oito anos depois, em 1997.

Títulos de Champions League até 1990:

Real Madrid: seis títulos

Milan e Liverpool: quatro títulos

Bayern e Ajax: três títulos

Inter, Nottingham Forest e Benfica: dois títulos

Manchester United e Juventus: um título

Barcelona e Chelsea ainda sequer haviam vencido a Champions League. Os culés só ganharam a “orelhuda” em 1992, enquanto os Blues esperaram até 2012.

3. Brasileiros não dominavam a Libertadores

Até as primeiras conquistas do São Paulo, a Libertadores não era tratada no Brasil como obsessão, o que é uma realidade nos dias atuais. Enquanto o Napoli comemorava seu último título italiano, inúmeros clubes brasileiros ainda sequer haviam experimentado o gosto de dominar a América, incluindo o Tricolor Paulista.

A competição era dominada por argentinos e uruguaios. Ainda maior campeão, o Independiente já tinha seus sete títulos. A equipe até hoje não conseguiu voltar a vencer o torneio.

Títulos da Copa Libertadores até 1990:

Independiente: sete títulos

Peñarol: cinco títulos

Nacional e Estudiantes: três títulos

Boca Juniors e Santos: dois títulos

River Plate, Cruzeiro, Grêmio e Flamengo: um título

Corinthians, Vasco, Atlético-MG, Palmeiras e São Paulo ainda não haviam vencido a Libertadores até 1990.

Independiente, o rei de copas – Foto: Libertadores/Redes sociais

4. Ferguson no United; Di Stéfano no Real Madrid

Sir Alex Ferguson ainda dava seus primeiros passos para se tornar uma lenda no Manchester United. Contratado em 1986, ele venceu em 1990 seu primeiro título pelos Red Devils: a FA Cup. Mas àquela altura, Ferguson não tinha sequer um título de Premier League com o United. O primeiro viria apenas na temporada 1992/93.

O tempo passou, o Napoli não conseguiu ser campeão italiano novamente. Enquanto isso, Ferguson venceu 13 títulos ingleses antes de se aposentar, em 2013.

Alex Ferguson Manchester United

Kenny Dalglish Liverpool

Alfredo Di StéfanoReal Madrid

Johan CruyffBarcelona

Arrigo Sacchi Milan

Giovanni Trapattoni Inter

5. As mudanças no jogo

Com o passar dos anos, o futebol e suas regras vão se adaptando em busca do aperfeiçoamento do jogo. Em 1990, especificamente, muita coisa mudou. Após um nível considerado baixo na Copa do Mundo, a Fifa propôs algumas modificações que transformassem o esporte em uma prática mais vistosa e dinâmica.

  • Impedimento: atacante na mesma linha do defensor se tornou condição legal;
  • Recuo: foi proibida a volta da bola para as mãos do goleiro a partir de toque com o pé;
  • Três pontos: a vitória, à época, valia apenas dois pontos e o empate um. A fim de encorajar as equipes a ganhar, a Fifa passou a dar três pontos para o vencedor de um jogo.

Realidade atual, o árbitro de vídeo era sequer sonhado à época, por conta das limitações técnológicas do momento. Mais de 33 anos depois, o VAR se tornou parte do futebol.

O VAR entrou em ação no futebol – Foto: Uefa

Quem eram e quem são as estrelas do Napoli?

O protagonista do título italiano de 1990, claro, foi Diego Maradona, que tinha exatos 30 anos. O craque, infelizmente, faleceu em 2020, aos 60 anos, e foi homenageado ao se tornar o nome do estádio do Napoli, antigo San Paolo. Seu companheiro de ataque era o brasileiro Careca, que também tinha 30 anos. Ciro Ferrara e Alemão, outras duas peças fundamentais daquela engrenagem, tinham 23 e 29 anos, respectivamente.

Quem comandava o time fora de campo era Alberto Bigon, que substituiu Otávio Bianchi, técnico do titulo de 1986/87. Bianchi tem 75 e seu último trabalho foi no Ljubljana, em 2008. Atual treinador, Luciano Spalletti era apenas um modesto jogador de 31 anos que defendia o Spezia.

Do atual elenco, nenhum jogador do Napoli havia nascido enquanto o time vencia a conquista de 1990. Os mais velhos do plantel, Juan Jesus, Diego Demme e Mario Rui, nasceram em 1993. A dupla de craques, formada por Kvaratskhelia e Osimhen, nasceu em 2001 e 1998, respectivamente.

Esse foi o terceiro título italiano do Napoli. A equipe também tem em sua sala de troféus uma Europa League, à época Copa da Uefa, e seis edições de Copa Itália.

Os próximos jogos da Serie A (Campeonato Italiano)

Segunda-feira 16 Outubro

Roma

Roma

Cagliari

Cagliari

13:00

Domingo 7 Janeiro

Frosinone

Frosinone

Monza

Monza

11:00

Inter Milan

Inter Milan

Verona

Verona

13:30

Sassuolo

Sassuolo

Fiorentina

Fiorentina

13:30

Torino

Torino

Napoli

Napoli

13:30

Udinese

Udinese

Lazio

Lazio

13:30

Roma

Roma

Atalanta

Atalanta

14:00

Salernitana

Salernitana

Juventus

Juventus

16:45

Sábado 13 Janeiro

Lazio

Lazio

Lecce

Lecce

13:30

Napoli

Napoli

Salernitana

Salernitana

13:30

Monza

Monza

Inter Milan

Inter Milan

13:30

AC Milan

AC Milan

Roma

Roma

13:30

Juventus

Juventus

Sassuolo

Sassuolo

13:30

Verona

Verona

Empoli

Empoli

13:30

Genoa

Genoa

Torino

Torino

13:30

Fiorentina

Fiorentina

Udinese

Udinese

13:30

Cagliari

Cagliari

Bologna

Bologna

13:30

Atalanta

Atalanta

Frosinone

Frosinone

13:30

Sábado 20 Janeiro

Empoli

Empoli

Monza

Monza

13:30

Frosinone

Frosinone

Cagliari

Cagliari

13:30

Lecce

Lecce

Juventus

Juventus

13:30

Roma

Roma

Verona

Verona

13:30

Salernitana

Salernitana

Genoa

Genoa

13:30

Udinese

Udinese

AC Milan

AC Milan

13:30

Sábado 27 Janeiro

Juventus

Juventus

Empoli

Empoli

13:30

Salernitana

Salernitana

Roma

Roma

13:30

Monza

Monza

Sassuolo

Sassuolo

13:30

AC Milan

AC Milan

Bologna

Bologna

13:30

Lazio

Lazio

Napoli

Napoli

13:30

Atalanta

Atalanta

Udinese

Udinese

13:30

Verona

Verona

Frosinone

Frosinone

13:30

Genoa

Genoa

Lecce

Lecce

13:30

Fiorentina

Fiorentina

Inter Milan

Inter Milan

13:30

Cagliari

Cagliari

Torino

Torino

13:30

Domingo 4 Fevereiro

Napoli

Napoli

Verona

Verona

13:30

Roma

Roma

Cagliari

Cagliari

13:30

Torino

Torino

Salernitana

Salernitana

13:30

Udinese

Udinese

Monza

Monza

13:30

Frosinone

Frosinone

AC Milan

AC Milan

13:30

Lecce

Lecce

Fiorentina

Fiorentina

13:30

Empoli

Empoli

Genoa

Genoa

13:30

Bologna

Bologna

Sassuolo

Sassuolo

13:30

Atalanta

Atalanta

Lazio

Lazio

13:30

Inter Milan

Inter Milan

Juventus

Juventus

13:30

Sábado 20 Abril

Empoli

Empoli

Napoli

Napoli

13:00

Verona

Verona

Udinese

Udinese

15:45

Domingo 21 Abril

Sassuolo

Sassuolo

Lecce

Lecce

07:30

Torino

Torino

Frosinone

Frosinone

10:00

Salernitana

Salernitana

Fiorentina

Fiorentina

13:00

Monza

Monza

Atalanta

Atalanta

15:45

Segunda-feira 22 Abril

Roma

Roma

Bologna

Bologna

13:30

AC Milan

AC Milan

Inter Milan

Inter Milan

15:45

Domingo 28 Abril

Inter Milan

Inter Milan

Torino

Torino

13:30

Juventus

Juventus

AC Milan

AC Milan

13:30

Lecce

Lecce

Monza

Monza

13:30

Atalanta

Atalanta

Empoli

Empoli

13:30

Lazio

Lazio

Verona

Verona

13:30

Fiorentina

Fiorentina

Sassuolo

Sassuolo

13:30

Frosinone

Frosinone

Salernitana

Salernitana

13:30

Genoa

Genoa

Cagliari

Cagliari

13:30

Bologna

Bologna

Udinese

Udinese

13:30

Domingo 5 Maio

Monza

Monza

Lazio

Lazio

13:30

Cagliari

Cagliari

Lecce

Lecce

13:30

AC Milan

AC Milan

Genoa

Genoa

13:30

Empoli

Empoli

Frosinone

Frosinone

13:30

Roma

Roma

Juventus

Juventus

13:30

Udinese

Udinese

Napoli

Napoli

13:30

Sassuolo

Sassuolo

Inter Milan

Inter Milan

13:30

Salernitana

Salernitana

Atalanta

Atalanta

13:30

Verona

Verona

Fiorentina

Fiorentina

13:30

Torino

Torino

Bologna

Bologna

13:30

Domingo 12 Maio

Genoa

Genoa

Sassuolo

Sassuolo

13:30

Fiorentina

Fiorentina

Monza

Monza

13:30

AC Milan

AC Milan

Cagliari

Cagliari

13:30

Verona

Verona

Torino

Torino

13:30

Frosinone

Frosinone

Inter Milan

Inter Milan

13:30

Napoli

Napoli

Bologna

Bologna

13:30

Lecce

Lecce

Udinese

Udinese

13:30

Juventus

Juventus

Salernitana

Salernitana

13:30

Lazio

Lazio

Empoli

Empoli

13:30

Domingo 19 Maio

Torino

Torino

AC Milan

AC Milan

13:30

Roma

Roma

Genoa

Genoa

13:30

Salernitana

Salernitana

Verona

Verona

13:30

Lecce

Lecce

Atalanta

Atalanta

13:30

Sassuolo

Sassuolo

Cagliari

Cagliari

13:30

Udinese

Udinese

Empoli

Empoli

13:30

Bologna

Bologna

Juventus

Juventus

13:30

Monza

Monza

Frosinone

Frosinone

13:30

Domingo 26 Maio

Empoli

Empoli

Roma

Roma

13:30

Juventus

Juventus

Monza

Monza

13:30

Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.