Nantes – História, estatísticas e conquistas

Nantes – História, estatísticas e conquistas
Nantes

Football Club de Nantes é um clube de futebol sediado na cidade de Nantes, na França, que disputa a Ligue 1, elite do futebol nacional. A saber, o time teve sua fundação em 1943, logo após o fim da Segunda Guerra Mundial, e até hoje é um dos maiores clubes do país.

Em suma, os Canários (como são chamados por causa das suas cores verde e amarelo) tem oito título franceses, sendo os terceiros maiores campeões do torneio. Além disso, conquistaram quatro Coupe de France em sua história. O Nantes joga no seu estádio, o Stade de la Beaujoire, que tem capacidade para 32 mil torcedores.

Trajetória do Nantes: fundação, conquistas e ascensão

Nantes nasceu no ano de 1943, quando a Segunda Guerra Mundial entrou em sua reta final e já não afetava mais a França. Dessa forma, dirigentes de clubes da cidade resolveram se fundir e criar um clube para disputar com os gigantes a nível nacional. Assim, com grande expectativa envolvida, o clube foi registrado na Segunda Divisão e passou 18 anos jogando ela até conseguir seu primeiro acesso.

Porém, quando subiu já foi uma grande sensação, ganhando um bicampeonato francês. A saber, o Nantes hoje é octacampeão francês, sendo seu último título na temporada 2000/01. Assim, o clube fica como terceiro maior campeão do maior torneio de futebol da França, empatado com o Monaco. Além disso, levantou quatro taças da Coupe de France.

Mercado de Transferências do Nantes

Em suma, o Nantes não é um clube exatamente pobre, é até organizado. Mas não costuma fazer grandes investimentos monetários no mercado da bola. Em resumo, sua atuação no mercado de transferências é tímida. A saber, o clube prefere sempre pagar pouco e procurar rumores de jogadores mais baratos no mercado da bola ao invés de fazer loucuras. Portanto, confira cinco casos em que o Canário gastou pouco (ou zero) no mercado de transferências e se deu bem depois.

Japhet N'Doram, do Tonnere, por €0, em 1990/91

Maior artilheiro da história do NantesJaphet N'Doram chegou a custo zero do Tonnere, time de Camarões. A saber, o jogador chegou ao Canário em 1990/91, e só saiu em 1998/99. Portanto, disputou um total de 204 partidas e fez 86 gols. Até hoje, o jogador é saudado como grande ídolo do clube, que chegou gratuitamente. De fato, uma grande jogada do time no mercado da bola. Além disso, foi peça-chave da equipe na conquista do Campeonato Francês em 1994/95.

Filip Djordjevic, do Estrela Vermelha, por €2 milhões, em 2008/09

O sérvio Djordjevic é outro grande jogador da história do Nantes, que chegou por empréstimo no mercado da bola de 2007/08. Então, rumores de que ele agradou tanto que o clube o comprou no ano seguinte por 2 milhões de euros. Um grande investimento, porque o jogador fez 67 gols com a camisa do time, nas 193 partidas que jogou. De fato, é um dos grandes ídolos dos Canários.

Viorel Moldovan, do Fenerbahçe, por €5 milhões, em 2000/01

Autor de 50 gols com a camisa do NantesMoldovan chegou ao clube na temporada 2000/01, após um pagamento de 5 milhões de euros ao Fenerbahçe. Assim, rumores de que o jogador se tornou peça-chave da equipe, balançando bastante as redes adversárias no Campeonato Francês.

Emiliano Sala, do Bordeaux ao Nantes por €1 milhão, em 2015/16

O argentino Emiliano Sala é o ídolo mais recente do Nantes. A saber, com seus 1,87 m era muito bom no jogo aéreo e fez um total de 48 gols em 133 jogos com a camisa amarela. Comprado junto ao Bordeaux por 1 milhão de euros, ele foi vendido em 2018/19 por 17 milhões de euros ao Cardiff City, para diputar a Premier League. Mas um acidente de avião particular tirou a sua vida antes mesmo de estrear pelo clube britânico.

Olivier Monterrubio, do Rodez, por €0, em 1995/96

Por fim, outro grande jogador que chegou ao Nantes a custo zero no mercado da bola e deu muito certo foi o atacante Olivier Monterrubio em 1995/96. A saber, o time havia conquistado o nacional na temporada anterior e precisava reforçar o elenco para a Champions. Em resumo, o centroavante balançou as redes 34 vezes, em 117 jogos.