R$ 125 milhões por ano: Arábia Saudita pode tirar treinador da Premier League

4 minutos de leitura

Depois de contratar alguns dos maiores destaques da Premier League, o futebol da Arábia Saudita agora mira também nos treinadores da liga mais famosa do mundo.

A “Sky Sports” divulgou nesta quinta-feira (20) que o Al Ahli fez uma proposta para tirar o treinador Marco Silva do Fulham. A oferta seria para ganhar 20 milhões de libras (algo em torno de R$ 125 milhões) por temporada durante dois anos, livre de impostos, o que seria aproximadamente três vezes maior que o salário atual.

A imprensa inglesa ainda publicou os agentes de Silva se reuniram com representantes do clube saudita em Londres. O português tem contrato até o meio de 2024 e uma cláusula de saída no valor de 5 milhões de libras.

O Al Ahli estaria exigindo uma “resposta rápida” de Marco Silva. Em junho, o técnico recusou uma proposta saudita do Al Hilal, na qual ganharia 17 milhões de libras por ano.

Fulham confia na permanência de Marco Silva

A permanência do treinador é um dos pilares do planejamento do Fulham para a próxima temporada. A presença dele convenceu, por exemplo, o meia Willian a renovar seu contrato mesmo com uma proposta mais vantajosa financeiramente do Nottingham Forest.

Silva completou a segunda temporada no comando dos Cottagers. Ele foi campeão da Championship em 2021/22 e terminou em 10º lugar a última edição da Premier League, na qual chegou a brigar por vaga em competições europeias.

Al Ahli já tirou jogadores da Premier League

Já o Al Ahli venceu a segunda divisão saudita e é um dos quatro clubes que está recebendo investimento do Ministério dos Esportes da Arábia Saudita, ao lado de Al Nassr, Al Hilal e Al Ittihad, com o objetivo de fomentar a liga local e melhorar a imagem do país frente ao mundo.

Até o momento, o clube já fechou as contratações do goleiro Edouard Mendy, ex-Chelsea, e Roberto Firmino, ex-Liverpool. O clube ainda negocia as contratações de Riyad Mahrez, do City, e Allan Saint-Maximin, ponta do Newcastle.

O Fulham também está lidando com uma crise envolvendo seu artilheiro, Aleksandar Mitrovic, que chegou a ameaçar greve após o clube recusar duas propostas do Al Hilal.

O elenco viaja para os Estados Unidos para disputar a Premier League Summer Series. O primeiro amistoso está marcado para domingo (23), às 17h (horário de Brasília), contra o Brentford.

Diogo Magri
Diogo Magri

Jornalista nascido em Campinas, morador de São Paulo e formado pela ECA-USP. Subcoordenador da PL Brasil desde 2023. Cobri Copa América, Copa do Mundo e Olimpíadas no EL PAÍS, eleições nacionais na Revista Veja e fui editor de conteúdo nas redes sociais do Futebol Globo CBN.

Contato: [email protected]