Mercado da bola: veja que horas fecha a janela de transferências em cada país

5 minutos de leitura

O fechamento da janela de transferências toma conta do noticiário esportivo sobre o mercado da bola europeu na última semana entre o fim de agosto e o começo de setembro.

Quando fecha a janela de transferências do meio do ano?

  • A janela de transferências do verão europeu fecha nesta sexta-feira, 1⁰ de setembro, nas principais ligas europeias.

Que horas fecha a janela nos principais países da Europa?

  • Alemanha: às 13h de 1º de setembro – horário de Brasília
  • Itália: às 15h de 1º de setembro – horário de Brasília
  • França: às 18h de 1º de setembro – horário de Brasília
  • Inglaterra: às 19h de 1º de setembro – horário de Brasília
  • Espanha: às 19h de 1º de setembro – horário de Brasília

Alemanha e Itália já estão com as janelas fechadas. Alguns negócios, como João Palhinha e Bella-Kotchap para o Bayern de Munique, falharam pela falta de tempo hábil.

O prazo, que começou entre junho e julho, a depender da liga, é válido somente para negociações entre clubes. A inscrição de jogadores sem contrato não tem o mesmo ‘deadline’.

Normalmente, a janela seria encerrada no último dia de agosto — isto é, na quinta-feira, 31. No entanto, a realização de alguns jogos no meio de semana nesses países (a Inglaterra, por exemplo, tem uma rodada da Copa da Liga Inglesa) fez com que o prazo fosse adiado em um dia.

Mas não é bom apenas ficar ligado no dia do fechamento, como também no horário. As cinco principais ligas do futebol europeu têm suas janelas de transferências fechando na sexta, mas há uma diferença na hora em que o mercado fecha para cada país envolvido.

A Alemanha é a que encerra mais cedo, ainda no horário de almoço brasileiro. Os clubes italianos vêm o prazo se encerrar poucas horas depois, enquanto os últimos são França, Inglaterra e Espanha — todos já na noite brasileira e quase na madrugada europeia.

Os clubes podem fechar negócio após o prazo de fechamento?

Desde que haja acordo entre todas as partes envolvidas antes do prazo limite, uma contratação pode ser finalizada minutos ou horas após o fechamento da janela de transferências. No caso da Premier League, os times têm a opção de enviarem uma folha de acordo, comunicando o acerto e solicitando o prolongamento de prazo de no máximo duas horas para que a papelada fique toda pronta.

No caso de transferências internacionais, o prazo é de apenas uma hora. Jogadores que estejam livres no mercado da bola podem ser contratados a qualquer momento.

Bayern
Harry Kane é a nova estrela do Bayern – Foto: Icon Sport

Quais as datas para inscrição de jogadores e envio da lista de elencos?

Cada jogador contratado na Premier League precisa ser integrado ao novo time pelo menos até às 12h do dia anterior. Portanto, se um time for jogar um dia após o fechamento do deadline day, não poderá contar com um atleta que tenha sido contratado nas últimas horas da janela de transferências. A estreia só será feita na rodada seguinte.

Os times do Campeonato Inglês têm até o dia 13 de setembro para enviarem as fichas de elenco. Cada clube pode inscrever até 25 jogadores, sendo pelo menos oito deles atendendo os critérios de jogadores locais.

Mercado da bola é diferente em outras regiões do continente

O prazo é determinado apenas para países cujos clubes são filiados à Uefa, a entidade que organiza o futebol europeu. Ele não vale para outras regiões do planeta.

Na Arábia Saudita, por exemplo, o mercado só se encerra no dia 7 de setembro para clubes da elite. Isso significa que os endinheirados clubes sauditas podem tirar algumas das principais estrelas europeias, como já vêm fazendo nas últimas semanas, mesmo com a janela fechada no Velho Continente.

A situação é oposta no Brasil. Aqui, a janela ficou aberta entre 3 de julho e 2 de agosto. Por isso, clubes brasileiros perderam alguns de seus destaques para a Europa e não tiveram a chance de repor com novas contratações.

Diogo Magri
Diogo Magri

Jornalista nascido em Campinas, morador de São Paulo e formado pela ECA-USP. Subcoordenador da PL Brasil desde 2023. Cobri Copa América, Copa do Mundo e Olimpíadas no EL PAÍS, eleições nacionais na Revista Veja e fui editor de conteúdo nas redes sociais do Futebol Globo CBN.

Contato: [email protected]