Mercado: Manchester City vence Real Madrid e Bayern e acerta com americano ‘mais promissor do mundo’

4 minutos de leitura

O Manchester City segue como um tubarão no mercado quando o assunto é a contratação de jovens promessas. O clube segue o modus operandi de tirar garotos cada vez mais cedo de seus clubes formadores, assim como fez com diversos brasileiros, como Savinho (ex-Atlético-MG), Yan Couto (ex-Coritiba) e Kayky (ex-Fluminense), e mais recentemente com o argentino Claudio Echeverri, contratado junto ao River Plate.

A bola da vez, agora, é aquele que é tido como a maior promessa do futebol dos Estados Unidos nos últimos anos.

Segundo o jornalista italiano Fabrizio Romano, renomado especialista no mercado da bola, o Manchester City está próximo de acertar a contratação do meia-atacante Cavan Sullivan, de apenas 14 anos. O americano dos times inferiores do Philadelphia Union, da MLS (principal liga americana), é considerado o jovem mais promissor da sua idade no mundo, de acordo com o “Goal”.

Manchester City se antecipa a gigantes europeus

Para contar com ele, o City venceu a forte concorrência do Borussia Dortmund. O clube alemão, que no passado já havia investido nas contratações dos americanos Christian Pulisic e Gio Reyna, viam em Sullivan o próximo bom investimento originário dos Estados Unidos. Real Madrid e Bayern de Munique também estiveram em contato com o jogador, de acordo com Fabrizio Romando e “Goal”.

Segundo o “The Athletic”, Sullivan será provavelmente emprestado ao Lommel SK, clube do Grupo City na Bélfica, quando completar 16 anos. O atleta nascido em 2009 não poderá jogar pelo City até completar 18 anos, pois não possui passaporte da União Europeia.

Cavan Sullivan é tratado como um garoto-prodígio no futebol de base nos Estados Unidos.

— Cavan é um jovem talento fantástico, gosto de brincar com ele dizendo que nunca vi um garoto crescer tanto como ele. Ele é tão pé no chão, todo esse hype que existe sobre ele não sobe à cabeça dele, e acho que é isso que há de mais fantástico nele. É o que também permite se adapte ao nosso ambiente e ainda seja ótimo e ousado — descreve  Marlon LeBlanc, treinador de Sullivan nas equipes inferiores do Philadelphia Union.

Sullivan foi campeão e melhor jogador do Campeonato Sub-15 da Concacaf aos 13 anos em agosto do ano passado.

image-9
Cavan Sullivan em ação pelo Philadelphia Union (Foto: Instagram)
João Vítor Castanheira
João Vítor Castanheira

Coordenador e editor-chefe da PL Brasil. Passou por Lance, Esporte News Mundo e Grupo Globo. Jornalista pela UFRJ, ex-goleiro da Associação Atlética de Comunicação e Artes com orgulho. Contra todo tipo de conservadorismo - inclusive o esportivo. De Uberaba-MG, radicado no Rio Janeiro-RJ, em São Paulo-SP.