Chelsea anuncia ex-PSG como primeiro reforço de peso da ‘era Pochettino’

5 minutos de leitura

A reformulação no elenco do Chelsea continua a todo vapor no mercado da bola! Após acertar algumas saídas de jogadores para outros clubes, os Blues oficializaram, nesta terça-feira (20), o primeiro reforço para Mauricio Pochettino em 2023/24. O atleta era um antigo desejo do time e finalmente poderá vestir a camisa azul.

Através de suas redes sociais, o Chelsea finalmente anunciou a contratação de Christopher Nkunku, meio-atacante que se destacou pelo RB Leipzig nas últimas temporadas. A negociação já estava pré-acertada desde dezembro de 2022 e finalmente foi concretizada.

De acordo com o jornalista Fabrizio Romano, o Chelsea teve que pagar 60 milhões de euros (R$ 313 milhões) para acionar a multa rescisória e tirar o francês de 25 anos do clube. O contrato de Nkunku com o bicampeão europeu terá validade até junho de 2029.

O meia-atacante não escondeu sua felicidade em assinar com o Chelsea. O jogador prometeu dar tudo de si, a fim de justificar as expectativas depositadas por clube e torcida com sua contratação.

— Estou incrivelmente feliz por entrar no Chelsea (…) Foi feito um grande esforço para me trazer para o clube e estou ansioso para conhecer meu novo treinador e companheiros de equipe e mostrar aos torcedores o que posso fazer em campo –, comentou.

Além de Nkunku, o o clube aguarda as chegadas do volante Andrey Santos e do lateral-direito Malo Gusto. Assim como o meia, a dupla também foi comprada na última janela de transferências com desembarque previsto para o início da próxima temporada.

Nkunku: de ‘esquecido’ no PSG à nova estrela da Premier League

Por conta das inúmeras contratações bombásticas desde que foi vendido para a gestão catari, o PSG suprimiu o espaço de diversas promessas das categorias de base e viu esses jogadores perfomarem em outros lugares. Moussa Diaby (Bayer Leverkusen) e Kingsley Coman (Bayern) são alguns dos exemplos que poderiam ter sido aproveitados em Paris, mas acabaram perdendo espaço para os reforços milionários.

Nkunku foi mais um desses nomes. Após três temporadas sendo apenas um reserva do PSG, o francês foi buscar a oportunidade no RB Leipzig, em 2019, por apenas 13 milhões de euros (quase R$ 55 milhões à época). No clube-empresa alemão, se tornou um dos principais franceses em atividades e capitaneou a equipe em boas campanhas.

No Leipzig, Nkunku venceu duas Copas da Alemanha, foi eleito o melhor jogador do país em 2022 e se tornou o artilheiro da Bundesliga, na última temporada, com 16 gols. A veia goleadora do jogador é um alento para o Chelsea, que busca evoluir seu inoperante ataque. O atleta pode atuar como falso 9 ou meia ofensivo.

Nkunku no Leipzig

  • 172 jogos
  • 70 gols
  • 56 assistências
chelsea
Nkunku pelo Leipzig – Foto: Icon Sport

O Chelsea no mercado

Conhecido por ser um clube comprador, o Chelsea deve se notabilizar na janela de transferências pelas vendas. Os Blues trabalham para diminuir o elenco inchado e aliviar a folha salarial. 12 jogadores são cotados para deixar o Stamford Bridge no mercado da bola: Havertz, Mount, Kovacic, Mendy, Pulisic, Gallagher, Kanté, Koulibaly, Aubameyang, Ziyech, Chalobah e Lewis Hall.

Além de Nkunku, o time deve buscar reforços pontuais. O gol é uma prioridade, com André Onana sendo o sonho de consumo. O time ainda tenta um meio-campista e um centroavante para o time titular.

Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.