McTominay: a peça fundamental no meio-campo do Manchester United

Meio-campo escocês evolui e torna-se essencial ao time de Solskjaer

Scott McTominay Manchester United Laurence Griffiths Collection Getty Images Sport
Laurence Griffiths Collection Getty Images Sport

Scott McTominay, camisa 39 do Manchester United, é hoje uma engrenagem primordial à equipe treinada por Ole Gunnar Solskjaer. Sendo essencial para o equilíbrio do time, o meio-campista merece uma análise aqui na PL Brasil.

  • Siga a PL Brasil no Youtube

5 MÚSICOS QUE TORCEM PARA TIMES INGLESES

Início nos profissionais

Quando José Mourinho, então técnico do United, surpreendeu torcedores e jornalistas ao escalar McTominay diante do Sevilla pela partida de ida das oitavas de final da Uefa Champions League, no dia 21 de fevereiro de 2018, poucos conheciam o meio-campista escocês.

Entretanto, esse duelo não foi sua estreia com a camisa vermelha do United. Anteriormente, o camisa 39, ainda na temporada 2016/17, havia enfrentado o Arsenal e o Crystal Palace, ambos confrontos que terminaram com vitória por 2 a 0 do United, válidos, respectivamente pela 36ª e 38ª rodada.

Leia mais: Rashford vive fase artilheira e se torna protagonista

Desenvolvimento

Scott McTominay Manchester United Laurence Griffiths Collection Getty Images Sport 2
Laurence Griffiths Collection Getty Images Sport

Apesar de ter estreado ainda na temporada 2016/17, foi na seguinte que o meio-campista escocês começou a ter mais oportunidades e tornar-se de fato uma opção nos Diabos Vermelhos. Mesmo ainda atuando na PL 2, ao todo foram 27 partidas, contando todas as competições disputadas.

Em 2018/19, McTominay transformou-se definitivamente num atleta do plantel principal do United, sem atuar na Premier League 2. Entretanto, isso fez com que seus números de jogos caíssem. Foram 22 jogos, contando UCL, PL e Copa da Inglaterra. E provavelmente a partida mais importante da sua carreira, diante do PSG em Paris.

Nos dois compromissos finais dos Red Devils na Premier League 2018/19, McTominay foi titular, atuando por 90 minutos nas duas partidas. Solskjaer já dava indícios do que aconteceria em 2019/20.

Leia mais: Max Taylor: o garoto que venceu o câncer quer fazer história no United

Legado de José Mourinho?

O agora treinador do Tottenham não deixou muitas saudades em Old Trafford. Todavia, uma das boas realizações do português no Manchester United foi ter iniciado a transição de McTominay para a equipe principal.

O escocês foi de suma importância para o triunfo dos Red Devils sobre os Spurs de Mourinho, que depois da partida afirmou que McTominay é hoje o melhor jogador do United.

E além disso, reagindo às críticas de que ignora as categorias de base nos clubes que comanda, o português assumiu a responsabilidade pela ascensão positiva do camisa 39 escocês.

Leia mais: Mason Greenwood: como a joia inglesa pode ajudar o Manchester United

2019/20 e a afirmação

Scott McTominay Manchester United Laurence Griffiths Collection Getty Images Sport
Laurence Griffiths Collection Getty Images Sport

Na atual temporada, são até aqui 19 jogos, sendo 15 pela Premier League, e três gols marcados. Sua ausência foi bastante sentida nas duas partidas que se ausentou no Campeonato Inglês por lesão, diante de Sheffield United e Aston Villa, 3 a 3 e 2 a 2, respectivamente.

Podemos afirmar que hoje Scott McTominay é dono do meio-campo do time de Solskjaer. Com boa estatura, imposição física, capacidade de defender e bom passe, o escocês potencializa seus companheiros e equilibra o jogo do United.

Sem o camisa 39, o meio-campo fica desequilibrado, perdendo principalmente em combate. Andreas Pereira, visivelmente, não possui a capacidade para substituir McTominay, ou até mesmo jogar ao seu lado.

Fred, o outro brasileiro do elenco, tem seu desempenho alterado quando joga ao lado do escocês de 23 anos. Como exemplos mais recentes, os triunfos contra Manchester City e Tottenham mostram isso.

Mesmo que não seja um jogador muito veloz, McTominay oferece a Solskjaer força na transição defesa ataque e é hoje o meio-campista que melhor retém a bola, imprimindo todo seu domínio físico.

Leia mais: A falta de sucesso está refletindo nas finanças do Manchester United?

Como já atuou em 2019/2020

McTominay atua normalmente na primeira linha de meio-campo, ao lado de outro companheiro, que tem sido principalmente Fred. Usaremos três jogos do escocês na temporada, para demonstrar como ele atuou e pode atuar.

Contra o Norwich, de Daniel Farke e Teemu Pukki, no dia 28 de outubro, o camisa 39 jogou pelo lado direito do meio-campo. Nessa ocasião, percebe-se sua forte presença por esse parcela do campo, com Fred dominando o lado contrário.

Mostrar atuação de McTominay diante do Norwich.
Mapa de calor de McTominay diante do Norwich/United atacava para lado esquerdo (via Whoscored)

Já contra o Partizan, pela Europa League, na vitória por 3 a 0, percebe-se a maior presença de McTominay na pela direita, mas vê-se também presenças fortes na esquerda.

Atuação de McTominay contra o Partizan.
Mapa de McTominay diante do Partizan/United atacava para lado direito (via Whoscored)

Finalizando, um duelo mais recente, contra os Spurs, no seu retorno pós-lesão. Serve para exemplificar que o camisa 39 tem condições e, em certas partidas, domina completamente o meio-campo, sendo visto em quase todos os locais do campo.

Atuação de McTominay diante do Tottenham.
Mapa de McTominay diante do Tottenham/United atacava para lado direito

Leia mais: Roy Keane: um leão feroz dentro das quatro linhas

Comparação com outro escocês e futuro

Manchester United Darren Fletcher Rooney Chris Trotman Collection Getty Images Sport
Chris Trotman Collection Getty Images Sport

Scott McTominay foi comparado na Inglaterra com um compatriota: Darren Fletcher; antes de ter o destaque que tem hoje. Fletcher foi bastante importante e vencedor nos Red Devils.

Hoje percebe-se, que apesar de toda importância que Fletcher teve em Old Trafford, McTominay tem tudo para ser melhor e construir uma carreira melhor que o ex-camisa 24 dos Diabos Vermelhos.

A imprensa inglesa noticia que possivelmente McTominay assinará um novo contrato com o Manchester United. O camisa 39, que tornou Matic negociável, com maturidade, trabalha e se desenvolve cada dia mais para merecer essa renovação.

Com 23 anos, o meio-campista escocês mostra a cada jogo sua importância no nível de atuação do time hoje comandado por Ole Gunnar Solskjaer e demonstra que pode construir uma carreira de sucesso em Old Trafford.