Manuel Pellegrini comemora título do Real Betis na Copa do Rei

Manuel Pellegrini comemora título do Real Betis na Copa do Rei
Foto: Divulgação / Real Betis Balompié

Real Betis se sagrou campeão da Copa do Rei neste sábado (23), ao bater o Valencia nos pênaltis. A saber, o placar dos 120 minutos de futebol ficou em 1 x 1, gols de Borja Iglesias (para os Verdiblancos), e Hugo Duro (para os Murcielagos). Assim, o técnico Manuel Pellegrini comemorou o título após e jogo, e falou sobre a importância da taça para o clube. Além disso, comentou sobre o espírito vencedor dos jogadores na campanha.

Manuel Pellegrini fala sobre o título

Na coletiva de imprensa, após levar o Real Betis à glória na final da Copa do Rei, Manuel Pellegrini falou sobre o jogo. Além disso, dedicou a taça aos torcedores do clube, que estavam sem ver o título há 17 anos.

“A vitória foi merecida. Tivemos chutes nas traves, eles fizeram boas defesas, não conseguimos vencer, mas o time nunca se desesperou, procurou até o final, fomos para os pênaltis e vencemos. Estou feliz pela equipe, comissão técnica e principalmente pelo torcedor do Betis. Assim que saímos do hotel, sabíamos que era difícil perder este jogo. não poderíamos decepcioná-los”

Título especial

Além disso, Manuel Pellegrini lembrou dos títulos que já conquistou durante sua longa carreira de técnico, sendo campeão em quase todos os clubes que passou. No entanto, ao falar deste no Real Betis, ressaltou o ambiente que fez a taça ter um gosto especial no auge dos seus 68 anos de idade.

“Tive a sorte de ganhar títulos em quase todos os países por onde passei. Chile, Equador, Argentina, Espanha, Inglaterra… Fazer isso neste torneio e com esse ambiente eu valorizo ​​muito”

O treinador ainda fez questão de valorizar os jogadores, que se uniram em um momento difícil. A saber, o Real Betis vinha de uma eliminação na Europa League para o Eintracht Frankfurt, e ainda perdeu sua vaga no G4.

“Eles mereceram porque vieram de uma temporada difícil com uma rejeição das mesmas arquibancadas e tivemos que colocar essa mentalidade vencedora na cabeça deles, que não precisávamos ter medo de ninguém. A equipa deu-se e os líderes que nos apoiaram nos bons e maus momentos são importantes”