Manchester United: ídolos e Ten Hag ‘sincerões’ sobre atuação de De Gea

3 minutos de leitura

Man City
03/06/23 - 11:00

Finalizado

2

-

1

Man Utd

Man City - Man Utd

England FA Cup - Wembley Stadium

1° Turno

O goleiro David De Gea foi considerado um dos responsáveis pela derrota do Manchester United contra o Manchester City na final da FA Cup, neste sábado (3), por 2 a 1. O espanhol sofreu dois gols de fora da área de Gündogan e recebeu cobranças públicas de ex-jogadores dos Red Devils, além de ter sido alvo de reflexões por Erik Ten Hag.

A lista de críticos a De Gea pela partida no Wembley é “pesada”. Além do técnico Erik Ten Hag, os ídolos Roy Keane e Peter Schmeichel fizeram coro contra a atuação do goleiro. O camisa 1 foi acusado de falhar no segundo gol azul, em um chute considerado defensável. Seu desempenho com a bola nos pés também não agradou.

Roy Keane, ídolo do United e comentarista da “Sky Sports”, avaliou que o Manchester United não tem um goleiro de elite.

— Você espera que seu goleiro defenda aquele segundo gol de Gündogan. Ele não o fez e é por isso que estamos vendo essas comemorações do Manchester City. O Manchester United precisa de um goleiro de classe mundial. Ele não é —, desabafou.

Considerado o melhor goleiro da história dos Red Devils, Peter Schmeichel comentou que De Gea “deveria ter defendido” o segundo gol. De acordo com o jornalista Samuel Luckhurst, o ex-arqueiro ainda chamou o espanhol para uma conversa particular após o apito final.

Ten Hag ‘sincerão’

Na entrevista coletiva após a partida, De Gea foi um dos principais assuntos abordados. O técnico admitiu que o goleiro falhou no segundo gol citizen, mas evitou crucificar o espanhol.

— Quando você joga contra o City, não desiste do jogo e faz 1 a 1, sinto orgulho do time, mas sofrer o segundo gol assim é decepcionante. Ele (De Gea) falhou, assim como o time. Não vou olhar para vocês e dizer que não (…) Não é momento para criticar. Não tenho vontade de criticar porque todos nós tivemos uma ótima temporada, inclusive De Gea. Ele teve uma temporada incrível –, contemporizou o holandês.

Mesmo assim, Ten Hag ponderou que para o Manchester United conseguir títulos importantes nos próximos anos, será preciso evoluir em alguns quesitos que deixaram a desejar na atual temporada. Um deles, o jogo com os pés de De Gea.

— Não é momento para criticar. Não tenho vontade de criticar porque todos nós tivemos uma ótima temporada, inclusive De Gea. Ele teve uma temporada incrível —, comentou.

Erik ten Hag no Manchester United
Erik ten Hag no Manchester United – Crédito: Manchester United/Twitter

Qual o futuro de De Gea no Manchester United?

O contrato de De Gea com o Manchester United chegará ao fim em julho de 2023. A tendência é que o goleiro renove seu vínculo com a equipe, como já confidenciado por Erik Ten Hag. Porém, o martelo não foi batido e os Red Devils esperam conseguir a permanência do arqueiro com um salário reduzido. O clube ainda tenta contratar outro goleiro de destaque para realizar uma disputa pela titularidade da posição.

De Gea está no Manchester United desde 2011. De lá para cá, passou por grandes momentos no clube, apesar de ter vivenciado fases complicadas do time, desde a saída de Alex Ferguson.

  • 545 jogos
  • 590 gols sofridos
  • 190 jogos sem sofrer gols
  • 7 títulos

Apesar de ter vencido a Luva de Ouro na Premier League, De Gea não goza de prestígio com o torcedor dos Red Devils. Ele foi considerado o vilão da final da FA Cup e também recebeu a responsabilidade pela eliminação inglesa diante do Sevilla, na FA Cup.

Manchester United: ídolos e Ten Hag admitem falha de De Gea
De Gea e Ten Hag pelo Manchester United – Foto: Icon Sports
Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.