Manchester United pode perder joia avaliada em R$ 300 milhões após reunião com Barcelona

4 minutos de leitura

Vivendo uma temporada de altos e baixos, o Manchester United prepara mais uma janela de transferências movimentada. Espera-se que mais de um jogador deixe o clube, bem como a chegada de reforços para o restante da disputa da Premier League.

Um dos alvos mais comentados das últimas semanas em Old Trafford é o meio-campista Amadou Onana, do Everton. Destaque dos Toffees, o jovem de 22 anos também é alvo do Barcelona e, segundo o site francês “Footmercato”, já teve reunião com os culés.

Quem é o alvo do Manchester United

Onana teve uma ascensão meteórica, desde seus primeiros passos na segunda divisão alemã pelo Hamburgo, até sua breve passagem pelo Lille, na Ligue 1 em 2021/22 antes de se destacar no Everton.

A punição sofrida pelos Toffees, que tiveram dez pontos deduzidos da tabela do Campeonato Inglês por conta de quebra de regras financeiras da liga, faz com que alguns dos destaques da equipe sejam ainda mais cobiçados no mercado.

Onana pelo Everton (Foto: Icon Sport)

Um volante habilidoso, driblador e, ao mesmo tempo, alto e com ótimo jogo defensivo, Onana poderia disputar posição com Casemiro no elenco do Manchester United. O brasileiro começou muito elogiado, mas a opinião dos torcedores tem mudado ao longo do tempo.

Segundo o “Footmercato”, o preço pedido pelo Everton giraria em torno de 55 milhões de euros (R$ 293 milhões), mas alguns dos gigantes europeus de olho não têm se intimidado com o valor.

Barcelona pode levar vantagem na disputa

Os catalães apreciam muito o perfil do meio-campista do Everton e, segundo o site francês, um contato foi feito recentemente entre os representantes do jogador e o Barcelona.

Mas, dado o preço do jogador, e a situação financeira delicada do Barça, o clube treinado por Xavi provavelmente terá que ter paciência e provavelmente esperar até o próximo verão, apesar do risco de uma transferência na janela de transferências de inverno.

A ideia dos culés é reforçar o meio em função das lesões de Gavi e Pedri, mas inicialmente seria um “tapa-buraco” por empréstimo antes de qualquer contratação em definitivo na próxima janela, o que pode melhorar a situação do Manchester United.

Golden Boy
Foto: Icon Sport
Guilherme Ramos
Guilherme Ramos

Jornalista pela UNESP. Escrevi um livro sobre tática no futebol e sou repórter da PL Brasil. Já passei por Total Football Analysis, Esporte News Mundo, Jumper Brasil e TechTudo.

Contato: [email protected]