Manchester City x Arsenal – Melhores momentos e resultado

0
700
Manchester City x Arsenal - Melhores momentos e resultado
Foto: Divulgação/Manchester City

O Manchester City atropelou o Arsenal na manhã desse sábado (28) ao aplicar 5 x 0 na equipe treinada por Mikel Arteta. Os donos do Etihad Stadium ficaram com um a mais desde os 35′ da primeira etapa, mas antes disso o placar já apontava uma vantagem de dois gols. A partida foi válida pela terceira rodada da Premier League 2021/22.

Manchester City x Arsenal – Os melhores momentos

EM BREVE

1º tempo: expulsão de Xhaka só aumenta a superioridade dos Citzens

Ainda no comecinho da partida, com as equipes pegando o ritmo de jogo, o placar foi aberto. Com sete minutos, Bernardo Silva deixa para Gabriel Jesus na ponta direita. O brasileiro cruzou de primeira na segunda trave e encontrou Gundogan, que deu uma cabeçada certeira as redes. A partir disso, começou um massacre histórico.

Cinco minutos depois do primeiro, veio mais um. Nesse sentido, o cruzamento de Bernardo Silva na intermediária ofensiva direita não foi cortado e encontrou Ferran Torres na pequena área para concluir ao gol. Os jogadores do Arsenal contestaram o lance por uma falta fora da jogada, mas o VAR confirmou o tento.

O City permaneceu com maior posse de bola e criando algumas pequenas chances, até que as possibilidades do Arsenal se esgotaram com a expulsão de Xhaka. Aos 35 minutos, o meio-campista suíço deu um carrinho com as travas da chuteira em cima de João Cancelo. O árbitro não pensou duas vezes e mostrou o cartão vermelho ao jogador. E aí, com um a mais, o terceiro gol era questão de tempo.

O jogador de 100 milhões de euros, Jack Grealish, partiu para cima da marcação pela esquerda do ataque, invadiu a área e tocou rasteiro para Gabriel Jesus dar um carrinho na bola e marcar o terceiro dos Citzens.

2º tempo: Rodri e Ferran Torres fecham o massacre azul

Para a segunda etapa, Arteta só queria não sofrer mais gols. Promoveu a entrada do volante Mohamed Elneny no lugar do atacante Bukayo Saka, mas não adiantou. Dessa forma, passando de pé em pé, Ferran Torres fez uma bela parede e tocou para Rodri, que na meia lua deu uma linda “chapada” rasteira, sem chances para o alemão Leno. Ironizando, a torcida do Arsenal presente no Etihad “comemorava”.

Com o resultado garantido, Guardiola colocou Raheem Sterling e Riyad Mahrez nos lugares de Bernardo Silva e Gabriel Jesus, respectivamente. Enquanto isso, Arteta trocou Aubameyang por Lacazette e Odegaard pelo ala Maitland-Niles. Entretanto, o domínio seguiu com os azuis de Manchester, que ampliaram mais o vexame dos Gunners. Cruzamento de Mahrez na área encontrou novamente Ferran Torres para fechar a goleada.

As estatísticas finais da partida são assustadoras. Dessa forma, o Manchester City teve 81% de posse de bola contra 19 dos visitantes. Enquanto nas finalizações o time de Guardiola goleou por 25 a um. O goleiro brasileiro Ederson não trabalhou no jogo, por outro lado Leno fez cinco defesas.

Manchester City x Arsenal – O que acontece agora?

Lanterna da Premier League com nenhum gol marcado e zero pontos somados, o Arsenal terá o Norwich daqui a duas semanas, dia 11, no Emirates Stadium, para se recuperar no Campeonato Inglês. No mesmo dia, o Manchester City visita o Leicester.