Quais reforços o Manchester City precisa para a próxima temporada?

Separamos algumas opções para melhorar ainda mais o elenco de Guardiola

0
216
Guardiola manchester city técnico reforços

O Manchester City assombrou a Inglaterra e o mundo com duas últimas temporadas incríveis na Premier League. Várias marcas foram alcançadas e batidas, mas nem por isso a equipe não precise de reforços para o próximo ano.

A reformulação é sempre necessária em uma equipe de futebol. A idade avançada de alguns jogadores-chave do elenco é uma das principais preocupações de Pep Guardiola para a temporada 2019-2020, por exemplo. 

Alguns nomes já foram ventilados e outros descartados desde que a temporada acabou. E então, a PL Brasil listou algumas posições que necessitam de reforços no Manchester City. 

LEIA MAIS: Balanço da temporada do Manchester City na Premier League

REFORÇOS PRECISAM SER INGLESES

Segundo as regras da Premier League, pelo menos oito de seus jogadores precisam ser ingleses e até 17 podem ser estrangeiros. Atualmente, o City conta com 16 estrangeiros e quatro ingleses (Foden ainda é sub-21, então não entra na conta).

O clube já fechou com Rodri para ocupar a última vaga de estrangeiro, o que significa que todos os outros nomes terão que ser ingleses, se não houver mais mudanças no elenco.

reforços
Harry Maguire disputou 18 jogos pela seleção principal da Inglaterra (Fonte: Alex Morton-Getty Images)

REFORÇOS NA ZAGA

Com a saída de Vincent Kompany, o elenco conta com Stones, Laporte, Otamendi e o jovem Sandler. É um número baixíssimo, ainda mais se considerarmos os 31 anos do argentino. É necessário um adição de pelo menos dois nomes de bom nível para o setor. 

Harry Maguire é a especulação do momento. 

O SUBSTITUTO DE FERNANDINHO

O brasileiro fez uma temporada espetacular ano passado, mas com seus 34 anos, o declínio técnico e físico é inevitável. Pep já comentou bastante sobre a necessidade de buscar um substituto para o volante e Rodri é o nome.

O espanhol de 22 anos vem de ótima temporada com o Atlético de Madrid. É um volante completo, com ótima visão de jogo e controle de bola. Além disso, Guardiola adora trabalhar com jovens para moldá-los, e assim como Fernandinho era a representação do treinador em campo, Rodri pode fazer esse papel muito bem.

reforços
David Silva anunciou sua aposentadoria ao final da temporada (Fonte: Getty Images)

O REFORÇO PARA O LUGAR DE DAVID SILVA

Aos 33 anos, David Silva entra na reta final de sua carreira. Ano passado, o espanhol anunciou a aposentadoria da seleção, e já avisou que este será o seu último ano no City. Além disso, na temporada passada, Kevin De Bruyne se lesionou e Bernardo Silva precisou jogar improvisado por ali. 

Fala-se muito de Bruno Fernandes, do Sporting. Mas é importante lembrar que o City só pode trazer um estrangeiro se negociar outro. Fora isso, os reforços terão de ser ingleses. 

Reposições de grandes jogadores como David Silva e Fernandinho são sempre difíceis. Ainda mais com a questão dos estrangeiros. O City vai precisar de muita criatividade para não deixar o nível do elenco baixar na próxima temporada