Manchester City ‘acorda’ após susto contra RB Leipzig e garante liderança na Champions League

6 minutos de leitura

Man City
28/11/23 - 17:00

Finalizado

3

-

2

RB Leipzig

Man City - RB Leipzig

UEFA Liga dos Campeões - Etihad Stadium

5° Turno

O Manchester City venceu o RB Leipzig por 3 a 2, de virada, pela quinta rodada da fase de grupos da Champions League 2023/24, nesta terça-feira (28). Os gols dos visitantes foram marcados por Lois Openda, enquanto os do City foram feitos por Erling Haaland, Phil Foden e Julián Álvarez, no Etihad Stadium.

O City foi para o jogo já classificado, mas a vitória carimbou a liderança da equipe no grupo G.

Openda aproveita o “sonolento” Manchester City

O Manchester City parece ter demorado para chegar no seu próprio estádio. O time teve um primeiro tempo extremamente desatento — especialmente no setor defensivo. Apesar de não ter feito uma pressão absurda, o RB Leipzig soube aproveitar a posse de bola e explorar os erros dos ingleses.

Lois Openda abriu o placar aos 13 minutos, aproveitando a “distração” de Kyle Walker no meio do campo e partindo sozinho em direção ao gol.

A melhor chance do City na etapa inicial aconteceu dois minutos depois, quando Rúben Dias lançou a bola na área e Bernardo Silva cabeceou, mas a bola passou por cima do travessão.

Aos 33 minutos, a defesa dos ingleses falhou mais uma vez e lá estava Openda para aproveitar. O atacante belga passou por Rúben Dias na lateral do campo e correu para a área. O camisa 17 ainda driblou Gvardiol e mandou para o fundo das redes.

City “acorda” e vira placar

Com o time claramente apático e correndo o risco de perder a liderança, Guardiola mudou a equipe no início do segundo tempo. Voltando a pressionar, não demorou muito para o City sair do zero. Aos nove minutos, Haaland recebeu um passe de Phil Foden na cara do gol e não desperdiçou.

O gol do time da casa intimidou os alemães, que não conseguiram mais pressionar da mesma forma que na etapa inicial. Aos poucos, o City retomou a superioridade na posse de bola e deixou o jogo mais estável. Aos 25 minutos, Phil Foden recebeu a bola de Gvardiol na área e marcou o gol de empate dos ingleses.

Já no fim do jogo, a estrela de Julián Álvarez brilhou mais uma vez e o argentino marcou o gol da vitória de virada do City.

Os destaques em Manchester City x RB Leipzig

Lois Openda – 7,5

Assim como no jogo de ida, Openda foi o melhor em campo no lado do RB Leipzig. O belga soube aproveitar a etapa de superioridade dos alemães e explorou com muita frieza os erros dos Citizens. Com dois gols em duas únicas finalizações, sobre ser decisivo

Erling Haaland – 7,0

Depois de passar mais um primeiro tempo perdendo diversas chances de gol, Haaland marcou o primeiro gol do City no segundo tempo. Com este tento, o norueguês se tornou o jogador a marcar 40 gols mais rápido na Liga dos Campeões (35 jogos), de acordo com a “ESPN”.

Kyle Walker – 6,0

Kyle Walker foi o responsável pela “soneca” que levou ao primeiro gol do RB Leipzig, sendo substituído no início do segundo tempo. Walker acertou 90% dos passes, realizou um corte, um desarme, duas interceptações, mas perdeu a bola quatro vezes, segundo o “Sofascore”.

Rúben Dias – 5,5

Hoje não era o dia do zagueiro português. Rúben Dias não fez uma boa partida, falhando na marcação de Openda no segundo gol e tendo bastante dificuldade de concluir passes no meio campo — onde se posicionou a linha defensiva do City. Foram apenas dois duelos vencidos de sete, um desarme, uma interceptação e dois cortes.

Phil Foden – 7,5

Assim como Openda do lado alemão, Phil Foden foi decisivo para os ingleses. Além da assistência para o primeiro gol, marcou o gol de empate que ajudou a impedir a primeira derrota do City em casa depois de 28 jogos de invencibilidade.

Maria Tereza Santos
Maria Tereza Santos

Jornalista pela PUC-SP. Na PL Brasil, escrevo sobre futebol inglês masculino E feminino, filmes, saúde e outras aleatoriedades. Também gravo vídeos pras redes e escolhi o lado azul de Merseyside. Antes, fui editora na ESPN e repórter na Veja Saúde, Folha de S.Paulo e Superesportes.