Jornal diz que relatório sugere banimento de Paquetá do futebol e detalha apostas investigadas

5 minutos de leitura

Lucas Paquetá pode ser banido para sempre do futebol. É isso que pensa a Federação Inglesa (FA), após novos detalhes apurados sobre o suposto envolvimento dos brasileiros com apostas esportivas.

O jornal “The Sun” apurou que o relatório da FA sobre o caso inclui uma recomendação de que Paquetá seja expulso do futebol se for considerado culpado. O caso do brasileiro é inédito no futebol de alto nível.

Por que Paquetá pode ser banido do futebol?

Paquetá foi acusado em maio de ter recebido cartão amarelo propositadamente em quatro jogos: Bournemouth, Leeds, Leicester e Aston Villa. Segundo linha da investigação, pessoas ligadas ao camisa 10 no Brasil teriam apostado que o jogador receberia essas advertências nessas partidas.

Ainda de acordo com apuração do “The Sun”, cerca de 60 pessoas teriam realizado apostas nessas partidas. Os valores envolvidos nas operações poderiam variar de 7 a 400 libras, o que equivale a R$ 47 e R$ 2.689. Os possíveis ganhos combinados chegaram a 100 mil libras (R$ 672 mil).

Algumas casas de apostas notaram movimento anormal com essas movimentação e notificaram as autoridades, como é de praxe. Curiosamente, a primeira empresa de jogos a deflagrar essa situação incomum foi a Betway, patrocinadora máster do West Ham.

Wolverhampton v West Ham - Premier League 2023/2024
Paquetá pelo West Ham (Foto: Icon Sports)

Possível banimento de Paquetá vale apenas para a Premier League ou para todo o futebol?

O caso do brasileiro é diferente dos recentes que tiveram banimento na Premier League, como de Sandro Tonali, do Newcastle, e Ivan Toney, do Brentford. No caso dos dois, eles apostaram em resultados dos jogos ou que marcariam gols nas partidas que estavam disputando.

Nesse cenário, não há a interpretação de que a aposta não influencia o decorrer do jogo de nenhuma maneira. O caso de Paquetá, no entanto, influencia: apostar sobre cartões amarelos, vermelhos, quantidades de faltas ou impedimentos, por exemplo, impactam o decorrer do jogo e são situações mais sérias.

Por isso a FA pretende banir o jogador “para sempre” no futebol inglês, como noticiado pelo” The Sun”, caso ele seja condenado. Dessa forma, se for considerado culpado, sua suspensão não se limitará apenas à Inglaterra. A FA pode levar o caso à Fifa e, havendo nova condenação, o meia seria banido de todo o futebol.

Tonali e Toney, por exemplo, foram banidos de todas as atividades do futebol profissional, não apenas dos campeonatos da Inglaterra. A determinação sobre a punição global, no entanto, vem de uma junção da FA com a Fifa, que rege o esporte mundialmente.

Pode virar um caso criminal?

Mais do que uma suspensão do futebol, Paquetá pode ver seu caso sair dos limites da Justiça Esportiva. No caso Tonali e Toney, os dois não infringiram nenhuma lei criminal, uma vez que não é ilegal apostar em partidas de futebol no Reino Unido.

A punição deles se deu pelo fato de terem violado regulamentos esportivos, por isso houve suspensão esportiva, e não prisão, por exemplo. As acusações contra Paqueta são diferentes.

O fato envolve manipular mercados de apostas para gerar dinheiro, e isso poderia levar à possibilidade de acusações criminais mais sérias, semelhantes às ideias de esquemas de corrupção.

Casos parecidos e cenário pessimista: o que vai acontecer com Lucas Paquetá?

Paquetá insiste e diz que é inocente. Neste momento, seus advogados estão tratando do caso. Existem alguns episódios que se assemelham ao que o brasileiro enfrentam nas divisões inferiores da Inglaterra.

Em 2021, o zagueiro Kynan Isaac, do  Stratford Town, apostou em si mesmo para receber cartão amarelo em jogo da Copa da Inglaterra. Ele recebeu uma suspensão de 10 anos.

Em 2018, Bradley Wood, lateral do Lincoln City, foi banido por seis anos por receber cartões amarelos propositalmente por causa de apostas em dois jogos também da Copa da Inglaterra.

Bradley Wood empurrando Joey Barton em jogo contra o Burnley na FA Cup
Bradley Wood empurrando Joey Barton em jogo contra o Burnley na FA Cup (Foto: Icon Sport)

Na Inglaterra, há fontes que dizem que o caso de Paquetá é mais grave e que se sua punição pode mais pesada que os casos citados, se receber a condenação. A investigação da FA começou em agosto do ano passado e espera-se que o veredito final não demore por muitos outros meses.

Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.