Oficial: Lamine Yamal e Barcelona renovam contrato com cláusula impressionante

4 minutos de leitura

Uma das principais joias do futebol mundial, o atacante Lamine Yamal tem surpreendido a Europa quebrando recordes aos 16 anos. Sabendo do estrelato do garoto de La Masia, o Barcelona correu para firmar um novo contrato.

O adolescente nascido em 2007 assinou um novo vínculo com o clube catalão válido até 2026 – quando ainda terá apenas 19 anos. No contrato, o Barça seguiu a linha das multas rescisórias das estrelas do clube: 1 bilhão de euros (R$ 5,32 bilhões).

Cláusula de bilhões para Yamal

Yamal só é permitido, como um jogador de 16 anos, a assinar um contrato com duração máxima de três anos. O vínculo deve incluir a cláusula de rescisão de 1 bilhão de euros, seguindo o exemplo de outros jovens talentos do clube, como Pedri e Gavi.

O clube catalão oficializou o anúncio da renovação em suas redes sociais. As negociações para um novo contrato começaram em 2022, mas se aceleraram depois que Yamal, que recebeu abordagens de clubes de toda a Europa, se uniu ao superagente Jorge Mendes.

Yamal se destacou pelo Barcelona Sub-19 na temporada passada e, depois de ter sido convocado para a equipe principal pela primeira vez em abril, entrou como reserva contra o Real Betis em maio, tornando-se o jogador mais jovem da história da La Liga aos 15 anos e 290 dias.

A ascensão de Yamal no Barcelona

Além do recorde de jogador mais jovem a atuar pelo Barça em LaLiga, ele então se tornou o jogador mais novo a começar uma partida, aos 16 anos e 38 dias, contra o Cádiz em agosto.

Ele também fez história internacional em setembro, quando se tornou o jogador mais jovem a marcar pelaa seleção da Espanha aos 16 anos e 57 dias, quando entrou como reserva e marcou em uma vitória por 7 a 1 contra a Geórgia.

O jovem atacante já participou de 10 jogos em todas as competições nesta temporada, com quatro titularidades na La Liga e duas assistências.

Lamine Yamal: quem é a grande joia do Barcelona?
Foto: Icon Sport

Segundo o “The Athletic”, houve também interesse da Premier League no jogador, embora as regulamentações pós-Brexit tenham dificultado para os clubes ingleses oferecerem pacotes atrativos a jovens jogadores.

Relatos na Espanha afirmaram que o Manchester City e o Chelsea exploraram a possibilidade de uma mudança envolvendo um empréstimo para clubes irmãos, Girona e Strasbourg, respectivamente. Bayern de Munique, Borussia Dortmund e RB Leipzig também foram relatados como interessados.

Ele estava destinado a ter um papel mais ativo no Barcelona Atlètic, a segunda equipe do clube, nesta temporada. Mas, após seu avanço nesta temporada – inclusive com a seleção espanhola – não se espera que ele retroceda para a equipe de desenvolvimento agora.

Guilherme Ramos
Guilherme Ramos

Jornalista pela UNESP. Escrevi um livro sobre tática no futebol e sou repórter da PL Brasil. Já passei por Total Football Analysis, Esporte News Mundo, Jumper Brasil e TechTudo.

Contato: [email protected]