Kylian Mbappé não deve ir para Madri; entenda

Kylian Mbappe
Foto: Reprodução/Catherine Steenkeste/Getty Images

Na coluna de hoje do Conceito Premier, colocaremos em debate a seguinte questão: Kylian Mbappé ainda deve ir para o Real Madrid? Que se trata de um grande jogador, isso é fato. Agora, será mesmo que ir para Madri a essa altura é o destino perfeito para o atacante?

Primeiramente, quando falamos de Kylian Mbappé, estamos falando de um jogador campeão de Copa do Mundo. Embora ainda seja um jovem atleta com apenas 22 anos, que não atingiu seu ápice físico, e talvez nem técnico, o atacante francês já é tratado como uma realidade no mundo do futebol. Assim, as suas especulações no mercado estão sempre a todo vapor.

Em suma, o time para o qual seu nome é mais ventilado é o do gigantesco Real Madrid, dono de 13 canecos da “Orelhuda“, a Champions League. Os rumores, claro, estão ligados sempre a uma certa vontade do atleta e uma obstinação do clube merengue em adquirir sempre os melhores jogadores. Porém, será mesmo o melhor destino para um jovem Mbappé, que já é vencedor, mas pode, no fim de sua carreira, entrar para o panteão dos grandes nomes da história do esporte?

A meu ver, uma ida para Madri neste momento, ou talvez em todos os momentos, não seja uma boa ideia. Em primeiro lugar, o Los Blancos é um clube enorme, o maior do mundo, e uma vez lá, a cobrança pelos grandes títulos pode se tornar um fardo. Fardo este que Kylian não precisa carregar no momento.

SOMBRAS ENORMES PARA KYLIAN: LEO E CR7!

Em partes, talvez tenha relação com os dois maiores jogadores do século até o momento; Messi e Cristiano Ronaldo. Primeiramente, o argentino, que na última janela de transferências desembarcou em Paris, para jogar ao lado do jovem atacante francês. No entanto, essa movimentação parece não ter agradado Mbappé, que acredita ter potencial para ser um dos donos do time, e com alguém como Leo no elenco, ele teria menos espaço.

Nesse sentido, houve boatos de que o jogador estaria procurando um lugar para se transferir, e o desejo do time de Madri é claro desde o surgimento do jovem atleta. Além do Real, o time do Liverpool, e mais especificamente, Jurgen Klopp, externa seu desejo de treinar o talento excepcional de Kylian sempre que pode. Portanto, temos aqui um destino que acredito ser o melhor para o internacional francês. Mas, antes de entrar mais a fundo nessa trama, é preciso falar do “Robozão”.

O português Cristiano Ronaldo mudou de ares na última janela de transferências, assim como Messi. Porém, o craque de Portugal voltou para Manchester, defender os Red Devils. Que conexão isso teria com Mbappé? É simples. Tirando o fato de Cristiano ser uma grande inspiração para Kylian, que já é um fato considerável, o “Robozão” é ídolo dos Merengues. Dessa forma, se o francês for para Madri,  consequentemente, uma sombra estaria diante dele. A de CR7. Certamente, é uma sombra colossal. Isso poderia, de certa forma, atrapalhar Mbappé em sua caminhada dentro do clube, podendo queimá-lo, afinal, quando se trata de Real Madrid, tudo é potencializado.

Portanto, concluo que uma viagem para a Espanha nesse momento pode não ser a melhor para um ainda jovem Kylian Mbappé. Entretanto, com a mudança no comando da equipe técnica dos espanhóis poderia ajudar uma possível ida de Mbappé. Entendo que Ancelotti teria muito mais a agregar do que Zidane, pensando no ambiente.

Liverpool: o melhor destino?

Jurgen Klopp e os Reds seriam o melhor lugar para o atleta se desenvolver da melhor forma. Em um clube de ponta, com estrutura de ponta, com um técnico de ponta, do mais alto escalão de técnicos no mundo. Claro, o Real Madrid provavelmente têm tudo isso, com uma pequena exceção em relação ao técnico. Mas, veja por essa ótica: a equipe dos Reds não tem algo como Cristiano Ronaldo ou Leo Messi em seu elenco, e nem em sua história recente. Próximo a eles, talvez Salah, que também já esteve perto de sair.

Em síntese, imagino que seria o melhor lugar para Mbappé neste momento. Só o fato de Klopp querer treiná-lo já é algo suficientemente relevante. Fora isso, o francês poderia assumir o protagonismo que tanto busca. Além disso, o futebol jogado dentro da Inglaterra, mais precisamente na Premier League, é um estilo de jogo que se encaixa com o tipo de jogador que Kylian vem se tornando cada vez mais. Um jogo rápido, físico, de muita intensidade, onde a habilidade técnica se sobressai com facilidade, ainda mais em uma equipe tão competitiva como o Liverpool, que potencializa qualquer jogador.