Klopp revela estratégia para Salah deixar seleção do Egito e voltar ao Liverpool: ‘Esse é o plano, mas…

4 minutos de leitura

O Liverpool recebeu uma notícia preocupante na semana passada quando o craque Mohamed Salah sofreu uma lesão no tendão da coxa na partida pelo Egito na Copa Africana de Nações. Agora, o técnico Jurgen Klopp revelou que o clube tem uma estratégia para o atacante retornar à Inglaterra.

A Federação Egípcia divulgou um comunicado confirmando a lesão do atacante e informou que o jogador seria desfalque pelo menos até as oitavas de final da competição africana.

Entretanto, em coletiva de imprensa neste domingo (21) após a vitória dos Reds sobre o Bournemouth pela Premier League, Klopp revelou que a estratégia do clube é que o atacante retorne a Liverpool para o tratamento imediato da lesão.

— Se ele não pode, por mais tempo que esteja fora, acho que provavelmente todos percebem que faz sentido que ele faça a reabilitação conosco. Esse é o plano, mas se isso já está definido, não sei.

Ainda na coletiva, Klopp confirmou que está em contato com Salah desde a lesão do jogador. Além disso, admitiu que existe a possibilidade do jogador retornar à delegação do Egito.

— Eu não sou médico. Eu diria que, se o Egito se classificar para a final, se ele estiver apto antes da final, provavelmente sim. Por que não? Isso é claro, é um torneio.

A Federação Egípcia divulgou um comunicado confirmado que Salah irá retornar para Inglaterra para iniciar a recuperação na lesão na coxa. Na nota, também informam que aguardam o retorno do jogador para uma possível semifinal do torneio.

Mohamed Salah em jogo do Liverpool. Foto – Icon sport

Salah deve perder sequência de jogos importantes do Liverpool

O Liverpool faz ótima temporada, com a possibilidade de conquistar quatro títulos, porém o time enfrenta um grande desafio para superar a ausência de Salah. A equipe terá um sequência importante sem o jogador.

A final da Copa Africana está marcada para o dia 11 de fevereiro. Caso Salah retorne para a delegação e o Egito vá para a decisão, o atacante estará disponível a partir do dia 12 de fevereiro.

Ainda existe a possibilidade da seleção não chegar até a final. Nesse caso, a sugestão é que o atacante possa retornar contra o Burnley no dia 10 de fevereiro.

Independentemente, o egípcio deve ser ausência para Klopp em pelo menos quatro partidas, incluindo a volta da semifinal da Copa da Liga Inglesa e dois confrontos contra times do big 6.

  • Fulham (Copa da Liga Inglesa) – 24 de janeiro
  • Norwich (Copa da Inglaterra) – 28 de janeiro
  • Chelsea (Premier League) – 31 de janeiro
  • Arsenal (Premier League) – 4 de fevereiro
Gabriel Lemes
Gabriel Lemes

Me formei em Jornalismo pela Univap em 2019 e sou redator da PL Brasil. Já escrevi para o Quinto Quarto, Minha Torcida, Futebol na Veia e Portal Famosos.