PL Brasil Awards 2019/2020: jornalistas elegem os destaques da temporada

Confira os vencedores em cada uma das categorias

PL-Brasil-Awards-2019 2020-jornalistas-elegem-os-destaques-da-temporada.jpg

Foi bom enquanto durou. Chegamos ao final de mais uma Premier League. Tivemos Liverpool saindo da seca, briga por Champions League acirrada e luta contra o rebaixamento emocionante. O melhor futebol do mundo nunca decepciona. E como já virou tradição, convidamos jornalistas para eleger os melhores e piores da temporada 2019/2020 da Premier League.

PL Brasil Awards 2019/2020: confira a premiação aos melhores da temporada com votos dos jornalistas

Categorias:

  • Melhor jogador;
  • Melhor jovem;
  • Melhor brasileiro;
  • Melhor contratação;
  • Jogador decepção;
  • Time decepção;
  • Time surpresa;
  • Seleção do campeonato.

O júri

juri

Antes de começar, é bom esclarecer algumas coisas.

  • A categoria melhor jovem considera atletas com até 23 anos completos antes da temporada começar.
  • Melhor contratação também engloba os empréstimos.
  • A seleção da temporada foi escalada no esquema 4-3-3.

Melhor jogador

melhor jogador

  • Vencedor: Kevin De Bruyne (16 votos)

Kevin De Bruyne foi eleito o melhor jogador da temporada. O meia belga voou nos gramados ingleses e terminou a campanha como maior garçom do torneio. Ele distribuiu 20 assistências e também marcou os seus golzinhos. Jogou de terno. Dono e principal referência técnica do Manchester City.

Também receberam votos: Trent Alexander-Arnold (um voto), Mohamed Salah (um voto)

Melhor jovem

melhor jovem

  • Vencedor: Trent Alexander-Arnold (14 votos)

Na categoria melhor jovem, quem faturou a estatueta foi Trent Alexander-Arnold. A gente até esquece que o lateral-direito do Liverpool tem apenas 21 anos. Nesta edição de Premier League, o defensor inglês distribuiu 13 passes para gol e só ficou atrás de Kevin De Bruyne na tabela de assistências.

Também receberam votos: Marcus Rashford (três votos), Phil Foden (um voto)

Melhor brasileiro

melhor brasileiro

  • Vencedor: Alisson Becker (sete votos)

Novidade deste ano, resolvemos criar uma categoria para premiar o melhor brasileiro da temporada. Alisson, goleiro do Liverpool, foi quem teve a honra de receber nossa primeira honraria. O titular da seleção brasileira acumulou 13 clean sheets (jogos sem tomar gols) e, claro, contribuiu com grandes defesas.

Também receberam votos: Richarlison (quatro votos), Fabinho (três votos), Gabriel Jesus (dois votos), Willian (dois votos)

Melhor contratação

melhor contratação

  • Vencedor: Bruno Fernandes (15 votos)

O prêmio de melhor contratação não poderia ficar nas mãos de outra pessoa. Bruno Fernandes mal chegou do Sporting e já se firmou como maestro do Manchester United. Jogou uma barbaridade e foi eleito Jogador do Mês duas vezes seguidas. Em apenas 14 jogos, o português somou oito gols e sete assistências. Foram raras as vezes que vimos um atleta ser tão impactante em apenas uma metade de campeonato.

Também receberam votos: Danny Ings (um voto), Christian Pulisic (um voto), Giovani Lo Celso (um voto)

Jogador decepção

jogador decepção

  • Vencedor: Kepa Arrizabalaga (três votos)

O prêmio de jogador decepção é sempre o mais acirrado – e nesta temporada não seria diferente. Kepa Arrizabalaga, goleiro mais caro do mundo, deixou a desejar nas performances e venceu a categoria. O espanhol realmente atuou abaixo da média e tomou vários gols defensáveis. A torcida do Chelsea está decepcionada e com razão.

Também receberam votos: Joelinton (dois votos), David De Gea (dois votos), Mesut Özil (dois votos), Moise Kean (dois votos), Alex Iwobi (um voto), Granit Xhaka (um voto), Tanguy Ndombélé (um voto), Nicolas Pépé (um voto), Dele Alli (um voto), David Luiz (um voto), Bernardo Silva (um voto)

Time decepção

time decepção

  • Vencedor: Tottenham (seis votos)

Chegou a hora de revelar o time decepção. A categoria ficou nas mãos do Tottenham, que realizou temporada irreconhecível. Os Spurs sofreram com a saída de Mauricio Pochettino, com a lesão do craque Harry Kane e estacionaram na sexta colocação. Foi por pouco que os londrinos ficaram fora da Europa League, já que empataram em pontos com o Wolverhampton. Vale lembrar que o time tinha alcançado a final da Champions League no ano anterior.

Também receberam votos: Aston Villa (quatro votos), West Ham (três votos), Everton (dois votos), Arsenal (dois votos), Watford (um voto)

Time surpresa

time surpresa

  • Vencedor: Sheffield United (14 votos)

Chega de falar de decepção. Vamos voltar a falar de coisa boa. Quem faturou a categoria time surpresa, por quase unanimidade dos votos, foi o glorioso Sheffield United. Quem diria que um dos elencos mais baratos e limitados do campeonato terminaria em nono lugar. Uma equipe que tinha acabado de subir da segundona. Sem recursos, sem holofotes. Mas que fez bonito. Inclusive, chegando a lutar por vaga em competições europeias.

Também receberam votos: Leicester (dois votos), Southampton (um voto), Wolverhampton (um voto)

Seleção do campeonato

Também receberam votos:

  • Gol: Nick Pope (cinco votos), Dean Henderson (quatro votos), Martin Dúbravka (um voto)
  • Lateral: Ricardo Pereira (um voto)
  • Zaga: James Tarkowski (três votos), Jonny Evans (dois votos), Chris Basham (um voto), Joe Gomez (um voto)
  • Meio: James Maddison (quatro votos), Fabinho (quatro votos), Mohamed Salah (um voto), Adama Traoré (um voto), João Moutinho (um voto)
  • Ataque: Aubameyang (cinco votos), Raúl Jiménez (três votos), Danny Ings (três votos), Raheem Sterling (dois votos), Adama Traoré (um voto), Richarlison (um voto), Sergio Agüero (um voto)

Os votos de melhores da temporada por jornalista:

PEDRO RAMOS (PL BRASIL)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Gabriel Jesus
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Moise Kean
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Tottenham
– Seleção do campeonato:
Henderson, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Fabinho, Henderson, De Bruyne, Aubameyang, Salah e Vardy

PAULO ANDRADE (ESPN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Alisson
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Kepa Arrizabalaga
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Tottenham
– Seleção do campeonato:
Alisson, Arnold, van Dijk, Evans, Robertson, Henderson, De Bruyne, Bruno Fernandes, Mané, Ings e Salah

FERNANDO CAMPOS (DAZN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Marcus Rashford
– Melhor brasileiro: Gabriel Jesus
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Kepa Arrizabalaga
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Everton
– Seleção do campeonato:
Pope, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Henderson, De Bruyne, Bruno Fernandes, Mané, Vardy e Salah

MÁRIO MARRA (ESPN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Alisson
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Mesut Özil
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Aston Villa
– Seleção do campeonato:
Alisson, Arnold, van Dijk, Gomez, Robertson, Henderson, De Bruyne, Bruno Fernandes, Mané, Vardy e Salah

Leia mais: Premier League 2019/2020: confira o balanço dos 20 times na temporada

RENATO RODRIGUES (ESPN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Marcus Rashford
– Melhor brasileiro: Willian
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: David de Gea
– Time surpresa: Southampton
– Time decepção: Watford
– Seleção do campeonato:
Pope, Arnold, van Dijk, Tarkowski, Robertson, Henderson, De Bruyne, Maddison, Mané, Jiménez e Aubameyang

LÉO BERTOZZI (ESPN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Fabinho
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: David de Gea
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Aston Villa
– Seleção do campeonato:
Henderson, Arnold, van Dijk, Tarkowski, Robertson, Henderson, De Bruyne, Fabinho, Mané, Aubameyang e Salah

JOÃO CASTELO BRANCO (ESPN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Marcus Rashford
– Melhor brasileiro: Richarlison
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Nicolás Pépé
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: West Ham
– Seleção do campeonato:
Alisson, Pereira, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Henderson, De Bruyne, Traoré, Mané, Aubameyang e Jiménez

RENATO SENISE (DAZN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Alisson
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Tanguy Ndombelé
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Tottenham
– Seleção do campeonato:
Pope, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Henderson, De Bruyne, Bruno Fernandes, Salah, Sterling e Vardy

MAIRON RODRIGUES (FOOTURE)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Willian
– Melhor contratação: Christian Pulisic
– Jogador decepção: Granit Xhaka
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: West Ham
– Seleção do campeonato:
Henderson, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Henderson, De Bruyne, Maddison, Salah, Mané e Richarlison

NATALIE GEDRA (ESPN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Richarlison
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Kepa Arrizabalaga
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: West Ham
– Seleção do campeonato:
Alisson, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Bruno Fernandes, Henderson, De Bruyne, Salah, Mané e Vardy

VICTOR CANEDO (GLOBO)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Richarlison
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Joelinton
– Time surpresa: Leicester
– Time decepção: Everton
– Seleção do campeonato:
Pope, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Salah, Henderson, De Bruyne, Aubameyang, Mané e Vardy

FRED CALDEIRA (ESPORTE INTERATIVO)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Alisson
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Bernardo Silva
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Arsenal
– Seleção do campeonato:
Alisson, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Bruno Fernandes, Henderson, De Bruyne, Salah, Mané e Vardy

GUSTAVO HOFMAN (ESPN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Richarlison
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Alex Iwobi
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Aston Villa
– Seleção do campeonato:
Henderson, Arnold, van Dijk, Tarkowski, Robertson, João Moutinho, De Bruyne, Henderson, Sterling, Mané e Vardy

RAFAEL OLIVEIRA (DAZN)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Fabinho
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Moise Kean
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Tottenham
– Seleção do campeonato:
Pope, Arnold, van Dijk, Basham, Robertson, Bruno Fernandes, De Bruyne, Henderson, Ings, Mané e Jiménez

JOÃO VENTURI (DAZN)

– Melhor jogador: Mohamed Salah
– Melhor jovem: Phil Foden
– Melhor brasileiro: Alisson
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: David Luiz
– Time surpresa: Wolverhampton
– Time decepção: Arsenal
– Seleção do campeonato:
Alisson, Arnold, van Dijk, Evans, Robertson; Bruno Fernandes, Henderson, De Bruyne, Salah, Aguero e Mané

FREDERICO JOTA (O TEMPO)

– Melhor jogador: Trent Alexander-Arnold
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Fabinho
– Melhor contratação: Danny Ings
– Jogador decepção: Dele Alli
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Tottenham
– Seleção do campeonato:
Alisson, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Henderson, De Bruyne, Maddison, Mané, Vardy e Salah

VINÍCIUS FERNANDES (FOOTURE)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Alisson
– Melhor contratação: Giovani Lo Celso
– Jogador decepção: Joelinton
– Time surpresa: Sheffield United
– Time decepção: Aston Villa
– Seleção do campeonato:
Dubravka, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Fabinho, De Bruyne, Maddison, Traoré, Mané e Vardy

BRUNO FORMIGA (ESPORTE INTERATIVO)

– Melhor jogador: Kevin De Bruyne
– Melhor jovem: Trent Alexander-Arnold
– Melhor brasileiro: Alisson
– Melhor contratação: Bruno Fernandes
– Jogador decepção: Mesut Özil
– Time surpresa: Leicester
– Time decepção: Tottenham
– Seleção do campeonato:
Alisson, Arnold, van Dijk, Soyuncu, Robertson, Fabinho, De Bruyne, Henderson, Ings, Mané e Vardy